Escolha adequada da roupa pode elevar a autoestima das crianças gordinhas

Por Renata Poskus Vaz

Quase metade da população brasileira está acima do peso e, de acordo com o Ministério da Saúde, 13% está obesa. Lidar com essa realidade certamente é mais complicado para os adultos do que para as crianças, já que elas acham lindos todos os que amam, independentemente da aparência. Mas, num contexto em que a competitividade premia os altos, magros e bonitos, cabe aos pais não só introduzir a prática de esportes e hábitos alimentares mais saudáveis à rotina de seus filhos, como ajudar na escolha de roupas que elevem a autoestima das crianças gordinhas.

“Os gordinhos podem ser tão estilosos quanto seus amigos menores. Um dos piores erros que crianças e adolescentes costumam cometer na tentativa de esconder os ‘pneuzinhos’ é recorrer a camisetonas e blusas de tamanhos maiores. Isso porque eles ficam realmente parecendo maiores”, diz Bia Castro, sócia da Chicletaria – primeira franquia de moda infantil, com 32 lojas em 10 estados brasileiros.

Além de dar liberdade aos filhos para que escolham as cores que mais lhe agradam usar, Bia diz que a roupa ideal é aquela que veste a criança no tamanho adequado, preservando a sensação de conforto. “Muitos pais acabam pedindo conselhos quando percebem que não podem apelar para um ‘pretinho básico’ em se tratando de crianças. Afinal, toda criança combina com cor, muita cor. Os mais cheinhos podem não ficar muito bem com misturas radicais, mas há combinações incríveis dentro da mesma paleta de cores”.

Outra dica da executiva de moda diz respeito a uma dobradinha
clássica: top com calça de cintura baixa ou legging. “É definitivamente proibido. Nesse caso, a menina pode até usar um lindo jeans de cintura baixa, mas a blusinha tem de ter um caimento na altura da cintura. Ainda que ela seja uma boneca de tão linda, as pessoas não vão conseguir desviar o olhar de sua barriguinha se estiver à mostra”.

Uma boa notícia para aqueles que se destacam como os maiores de suas turmas é que não precisam recorrer a roupas de uma faixa etária maior, como era hábito até pouco tempo atrás. “A indústria da moda infantil está atenta a essas necessidades. Nossa numeração, por exemplo, vai até 14 anos justamente para atender crianças de todos os tamanhos. Além disso, recorrer aos acessórios é uma boa pedida para finalizar qualquer visual”, revela Bia.

About these ads

17 Comentários

Arquivado em Curiosidades, Moda e estilo

17 Respostas para “Escolha adequada da roupa pode elevar a autoestima das crianças gordinhas

  1. Nossa que legal até as crianças ,estão no mundo da moda que lindo , tenho 3 sobrinhos dois é bem fofinho (lindos por sinal), a Laura é uma figura tem 5 anos mais a cabeça é de adulta ela adora batom, tamanco, roupas , só que as vezes ela quer ser moça demais ai eu não deixo , adora mostrar a barriga rsrsrsr, mas pego ela e ponho uma roupinha nela adequada , á o João é mais timido mas gosta de roupas coloridas , homem aranha e por ai vai, enfin acho que tem que ter moda p tdos ainda bem, bjkas meninas!!!

  2. Desde criança já temos que ensinar nossos filhos a se amarem e serem felizes, sempre procuro comprar roupas para minha filha que a deixem mais bonita. Adorei a postagem beijos

  3. gi

    tá certissimo, tem mae que castiga nas roupas viu?e as cçs sao tao antenadas hj em dia quanto os adultos!e mais, quem nao gosta de sentir-se a vontade e bem vestida….até cç!!!!!

  4. Criança sp é bonita, a luz é e ponto, mas me preocupa ver tantas crianças obesas pq ultimamente dps que perdi o meu melhor amigo, tenho me preocupado mais ainda com a saúde e uma vida saudável. Acho mt importante a gente acordar e ver que a vida passa rápido demais e ter SAÚDE É A COISA MAIS IMPORTANTE NA VIDA DE QQ UM SEMPREEEE!

    SAÚDE PRA TODOS!

  5. Concordo plenamente com isso, os pais devem dar mais apoio e amor e não julgar os filhos pelo peso, o que pode piorar mto a auto-estima da criança.
    Como leitora assídua do blog tenho uma sugestão de matéria a Glória Kalil em seu blog Chic postou um comentário sobre a magreza excessiva q reinou nas passarelas do SPFW eu tbm percebi isso ao ver vídeos do desfile. Achei um bom tema pro blog.

    link da matéria: http://chic.ig.com.br/alo-chics/noticia/anorexia-x-obesidade

    beijos

  6. Germana

    Olá, meninas. Uma sugestão de editorial de moda: “Noivas mulherão”. Afinal, quantas histórias vcs conhessem de mulheres q se obrigaram a emagrecer para poder encontrar um vestido branco. Bjos

  7. É triste saber que os pais colocam tudo a perder quando insistem em desrespeitar a diferença de cada um dos seus filhos. Minha sobrinha é bem gordinha, e toda hora ficam comparando ela com meu irmãozinho, raquítico, que ela não pode fazer isso ou aquilo e infelizmente, tenho que assistir tudo calada, porque não posso dar palpites na educação dos filhos dos outros…
    É muito triste.

  8. Olha eu de novo passando pra deixar um beijão pra todas as gordinhas deste blog…

    bjãooo

    tonmafredine@hotmail.com

  9. ola meu nome e joana gabrielle mais conhecida como gabhý tenho 10 anos faço 11 em junho e peso 58kg sou rejeitada por todos por ser gordinhas agora comecei a mim inturmar com as pessoas e acho errado pois agora comecei a usar roupa estilosa e fikar bonita adoro me vestir bem e tenho um conselho as gordinhas ”
    “pneu todo o avião tem”
    bjos”””

    • gabriela

      oi joana,
      me dá o seu mail? sou só um ano mais velha que vc (12 anos) e queria qu vc me desse umas dicas de como ficar bem gostosa, também sou gordinha.

  10. emanuelle

    eu sou gorda e nãogostei disso.

  11. ana luiza sores da silva

    tenho 10 anos peso 47 quilos sou reijeitada e morro de vergonha do meu corpo vou numa festa de 15 anos e nao sei que roupa usar

  12. Mônica

    oi Meninas,
    Tenho uma filha gordinha da mesma idade de vocês e ela vive botando e tirando roupas e se olhando no espelho. Passa oras se arrumando para ir ao colégio. Esta semana mostrei a ela uns biquinis na internet e gostaria muito que ela desfilasse na escola com a barriguina de fora. Quando eu tinha a idade dela tinha vergonha de usar biquini porque tinha barriga mas uma amiga minha me mostrou que isto era besteira e passei a usar. Primeiro só usava em casa, para queimar a barriga, depois passei a usar na praia mesmo. Desse jeito perdi a vergonha e até emagreci um pouquinho. Hoje não ligo mais para o que os outros dizem. Uso maiô, biquini, e adoro escolher roupa de praia e me sentir uma sereia.

  13. gleiri

    Olá,alguem sabe me informar algum site de roupas para crianças gordinhas tenho uma filha q é gordinha e não acho roupas legais para ela c alguem souber me avisa.obrigado

  14. Yara Schlemper

    Minha filha tem 6 anos é gordinha e é alta tambem usa tamanho 14 ou 16 dependendo da marca.Eu vejo que um grande problema hoje é que eles fazem as roupas achando que a crianca so cresce pra cima,pois se vc olhar um tamanho 12 e o outro 16 na lateral a diferença é minima mais no comprimento é enorme.Nao sei mais o que fazer nem onde achar roupas pra ela fico muito triste.

    • cristiane carvalho

      Yara passou pelo mesmo dilema minha filha tem 7 anos e também veste 16 está terrivel achar roupas! até o uniforme da escolha anda dificil!

  15. oi pessoal dá uma olhada no meu blog que tem varias dicas de moda para crianças gordinhas lá. Bjs

    http://criancagordinha.blogspot.com.br/

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s