As ex-gordas que odeiam gordas

 

Esta sou eu, gorda, em uma campanha para a Duloren

Certa vez uma jornalista me perguntou o porquê de toda gorda ser boazinha e simpática. Isso me intrigou. Realmente são pouquíssimas as gordinhas que conheci ao longo de minha vida que não se apresentavam, num primeiro momento, como pessoas adoráveis e gentis. Com a convivência fui percebendo que muitas delas realmente eram pessoas do bem, outras escondiam atrás de seus doces sorrisos a falta de caráter, a maldade etc.

Li alguns artigos dizendo que a maioria de nós, mulheres acima do peso, aprende a ser mais agradável, mais simpática, até como uma forma de chamar atenção e para se sentir “aceita” pela sociedade. Uma jovem gostosona, mesmo que intragável, nem sempre deixa de ser convidada para uma festa. Todos acabam tolerando a sua falta de carisma, afinal, aos olhos de jovens que prezam pelo culto ao corpo perfeito, um corpão escultural sacolejando pelo salão é muito mais valioso do que uma alma nobre sentada em uma cadeira. Então, para a gordinha ser notada em uma sociedade preconceituosa, tem que ser sempre a mais legal, a mais divertida, a mais paciente, a mais educada e por aí vai.

E quem a gordinha é de verdade?

 Com a proliferação de cirurgias para redução de estômago, uma nova geração de ex-gordas está surgindo. Não sou contra quem opere o estômago para emagrecer, muito pelo contrário. Acho que todas nós devemos nos utilizar de reeducação alimentar, dietas rígidas ou intervenções cirúrgicas, caso o nosso excesso de peso esteja colocando em risco a nossa saúde.

Entretanto, o que tenho acompanhando, é que algumas pessoas reduzem o estômago e esquecem de seu passado gordo. Passam a punir e perseguir os outros gordos, como se jamais tivessem passado por essa condição.

 Esta semana tive acesso a um texto de Danuzza, uma famosa blogueira que, inclusive, atua em uma empresa chamada Groupália, um site de compras coletivas por quem algumas de nós, mulherões, somos apaixonadas. Vejam o texto:

“De coração, eu DUVIDO que quem se diz o rei ou rainha da autoestima, mesmo sendo gordo, não fica puto por não caber em cadeiras, não conseguir trepar direito, não ter roupas legais, não ser alvo de olhares maldosos e piedosos, ser motivo de preconceito, chacota, xingamento… Ninguém no mundo quer ser ridicularizado.

Não me venham com esse papo de “eu me aceito, gostam de mim assim” é, gostam… Tá bom… Gostam de vc mas o emprego é de outro, gostam de vc, mas não te comem, gostam de vc mas geral tá cagando qdo vc chora sozinho e pragueja esse mundo, essa sociedade, esse maldito padrão de beleza enquanto enche o rabo de brigadeiro.

Convite pra praia ou festa… Vai falar que é sossegado?! Não é. Bom, pelo menos pra quem tem noção do ridículo né?! Já viu cada vestido lindo de festa pra quem estoura a balança?! Me poupem. Eu nunca me acostumaria com essa merda.

Eu ainda não sou a rainha da autoestima nem estou confortável dentro da curva de normalidade, mas estou tão bem que qro mostrar que é fácil sair dessa vida vazia e cheia de comida e de sair desse ciclo babaca e deprê para viver melhor. E não digo só de saúde. É se olhar no espelho e dizer a plenos pulmões: “Tô gata pra caraleo!”

E não me venham com esse papo de “tô gorda mas meu marido me come” Ah sim, ele te come… mas come outras tbm. Certeza.

“Ah, mas gordinhos (ahn?!) são bonitos e simpáticos.” Caraleo… Faustão é lindo e mega simpático!
Não fode, saca?! Hipocrisia infernal. Se gordura fosse sinônimo de beleza, desfilariam de lingerie e asas mulheres com manequim acima de 44…

Sério, me arrepia ver a galera explodindo e geral batendo palma… E dá-lhe checkin no Outback…

Portanto sim, quero estar bem dentro e encaixadinha dentro da curva. Me sinto bem assim. Lá é lindo e não pulam gordurinhas pra fora do jeans.

Agora… Se você levanta a bandeira contrária, boa sorte com a sua militância e seu big mac. E esconda essa merda de braço gordo que ninguém é obrigado a ver vc se deformando…”

Quando li este texto da Danuzza fiquei chocada. Primeiro porque ela trabalha em um lugar que lida com público. E como discriminar parte do grupo para quem você vende seus produtos? Depois, pela forma grosseira como falou. Acho que todo mundo tem o direito de não gostar de gordo, argentino, negro, cadeirante, nordestino, baixinhos…. Mas manifestar desta forma, com tanta agressividade, soa como uma violência sem tamanho. Prontamente fui me manifestar no twitter e ela justificou sua indelicadeza em seu blog, com um novo texto,  o 38. Leiam:

não é calibre
São quilos

Eu não ia falar nada da minha condição aqui
mas como fui muitíssimo mal interpretada por mtos, lá vai

minha vida era mto boa qdo eu pesava 60kg
aí, merdas aconteceram, fiquei triste
e me descompensou

fui me compensar na comida
qdo dei por mim, estava com 38kg a mais
isso em 1 ano

um choque!
um dia, uma pessoa mto querida
disse q meu braço estava deformado
de tão gorda q eu estava

em outra ocasião
uma outra pessoa
deu dois tapinhas na minha coxa e disse
“tá presuntosa. vc está horrível”

na verdade, eu não vi aquilo acontecer
e depois de esbravejar e ficar puta
como mtos aqui ficaram
eu me olhei de corpo inteiro
e chorei a minha vida

comecei a fazer um regime
que todos que me cercam acompanharam
resultado zero

sofriam comigo, me davam forças
e nada

fui deixada, humilhada
xingada

passava mal
me faltava o ar, o ânimo
a autoestima

nada me vestia bem, fazer sexo já não era simples
sentia vergonha
me olhavam com desprezo e piedade
pensei em morrer

comecei a fazer exames
saúde perfeita
decidi colocar um ponto final
depois de anfetaminas, vômitos e laxantes

cirurgia

procurei mtos médicos
achei o perfeito pra mim

tudo pronto
data marcada

dor e agonia
1 semana sem trabalhar
30 dias tomando só líquidos
depois acrescenta gelatina
que traz a felicidade de um bolo de chocolate
sucos, leite, agua de coco

tudo mto sofrido
mas foi a minha escolha

cada centavo do meu salário
vai, todo mês
pro pagamento da minha cirurgia

sem saídas, sem troca de carro
preciso estar em paz comigo

hj faz 46 dias
ontem, no 45, postei um texto com coisas q passei
que ofendeu mtas pessoas

definitivamente não foi minha intenção
peço desculpas para todos

hj, após 46 dias
estou mais feliz, me aceitando mais
as pessoas q amo, q convivo e q trabalho
me dão uma força absurda

já se foram 15
faltam mtos

e sei que não é sinônimo de felicidade
mas eu fico em paz comigo

repito
não quis ser agressiva
apenas relatei o que passei
gostoso de ouvir?
não
nem um pouco

se eu gostava?
tbm não

vc se aceita?!
parabéns. (sem ironia)
eu nunca

não é calibre
são quilos

não é cirurgia de vesícula
é redução de estômago

P.S.: falaram tanto em ajudar… fui ajudada por mta gente sensacional antes e agora. minhas amigas reduzidas. qro fazer o mesmo por quem tem a mesma vontade que nós. quem quer comer até morrer, sorry. não posso fazer nada.

 Pronto! Aumentou a minha indignação. A pessoa que tanto falou mal de gordo é uma ex-gorda e há apenas 45 dias. Como pode? Para mim, Danuzza justificou que escreveu o primeiro texto em terceira pessoa e que talvez este tenha sido o seu erro. Se ela realmente tivesse certeza de seu equívoco e indelicadeza, porque fecharia esta retratação com a seguinte frase: “quem quer comer até morrer, sorry. não posso fazer nada”.

 Não dá para aceitar este tipo de conduta. Eu poderia ser tão preconceituosa quanto Danuzza e dizer que ela é uma covarde, preguiçosa e acomodada que escolheu o caminho mais curto para emagrecer, que se fosse uma mulher decidida e forte como tenta transparecer teria feito uma reeducação alimentar, lenta, mas eficaz tão quanto. Mas não fiz isso em nome de minhas amigas gastoplastizadas que são do bem. Que fizeram a redução, mas continuam tratando pessoas diferentes com dignidade.  Também poderia mostrar para Danuzza dezenas de exemplos de amigas que fizeram redução de estomago e que engordaram tudo novamente, após 6 anos. Mas isso seria desejar seu mal, e de mal dentro dela já há bastante.

 Lembrei do exemplo de uma amiga próxima. Seu ex-namorado namorava uma gordinha, que fez redução, ficou se sentindo a última bolacha do pacote e logo em seguida perdeu o namorado, que agora namora minha amiga gordinha. A tal garota achava que seu relacionamento seria eterno, mas não. Perdeu o bofe para alguém, agora, quilos e quilos mais gorda do que ela. Há mais de 2 anos a ex-gorda persegue minha amiga e posta comentários ofensivos em suas redes sociais, esquecendo que um dia (não, não, por 30 anos) foi gorda também. Como não quero ser processada, não vou dizer que esta menina chama Carol. Juro que não! rsrsrs

Não sou psicóloga, mas creio que exemplos como esse não são traduzem pessoas que mudaram de personalidade ao emagrecer. Esse tipo de gente sempre foi assim: cruel, narcisista, preconceituoso… Só não tinha coragem de exaltar esse lado sujo e ficavam escondidas por trás de quilos e quilos de peso e falsa ternura.

Desculpem este meu desabafo. Sei que este blog não é um local apenas para lamúrias e prometo postar muitas dicas legais de moda, porque ao contrário do que a Danuzza e a Carol pensam podemos sim ser charmosas e poderosas com alguns ou muitos quilos a mais.

 E para completar, deixo meu singelo recado para Danuzza, da mesma forma super “fina” como ela escreve: 

“Minha bunda ainda cabe na cadeira, trepo maravilhosamente bem, sou super fashion e ninguém me ofende ou me humilha, porque sou um mulherão.!”

Os textos da Danuzza foram extraídos daqui.

About these ads

246 Comentários

Arquivado em O que rola por aí, Para Refletir, Preconceito

246 Respostas para “As ex-gordas que odeiam gordas

  1. KARLA CABRAL

    Nossa, fiquei #pasma com esse texto! Essa #danuzza é no MÍNIMO mto MAL AMADA seja gorda ou magra! Deus é mais!
    E digo+heim> ela deve ter feito a cirurgia kerendo pegar alguém que não Á QUER nem gorda,nem magra pq ela é FEIA por DENTRO!

    *Comentado por mim agora no twitter
    @__Karlinha__

  2. Não entendo como uma pessoa dessa se diz feliz, desculpa, não acredito.
    E como gorda, mulherão que sou, e muito consiente do meu corpo posso dizer que dos problemas e preconceitos que você sofreu todo mundo sofre e nem todas recorrem ao método que você recorreu. Posso dizer, com a máxima certeza, que se tem um quesito que eu nunca sofri, depois que aprendi a me amar, foram homens. De todas as idades, tamanos e cores. Filhinha, uma descepção amorosa não vale faca jamais, aprenda a se amar como você é, pq caso não saiba, muitos engordam depois da cirurgia, triste, mais fato.
    Espero que você não passe por isso novamente, mais se passar, aprenda oq você não aprendeu quando passou por isso a primeira vez.
    Boa sorte MAU AMADA agora magra!!!

    • renatavaz11

      Uma coisa que esqueci de destacar é que não só as gordinhas que são chifradas. Não são só as gordinhas que perdem emprego para outras pessoas…. Acredito que algumas pessoas sofram muito e canalizem a culpa por tudo em outras pessoas ou em algo, como o próprio corpo.

  3. minha filha o fato é que vc será horrível mesmo qdo tiver 40 kg …. é o carater e a humildade da pessoa que conta e não a balança …. não sua vida não era boa qdo vc tinha 35 kg a menos … ela já era ruim …. com a gordura vc só passou a enchegar isso …. não , meu marido não come outra .. me come justamente pq sou gostosa …. o q já não vai acontecer com vc mesmo com 35 kg a menos pq vc não conhece o amor … quem ama não trai …. então amiga … muito mais que vc fazer redução do estômago , vc tem que procurar ajuda de psicologo e terapeuta …. aaaaahhh além de uma boa educadora , pq não se fala dessa maneira como vc fala. por isso vc sofreu preconceito …. nunca vi ngm ( a não ser homem xulo ) se referir a sexo como trepada. será que estou ficando louca ?? acho que não né …. aaff.

  4. **kel**

    Certeza que foi largada por alguém que a chamou de gorda!
    Certeza que os amigos não gostam dela e sentem vergonha de estar perto porque ela era gorda
    Certeza que emagreceu pra segurar o namorado que a chifrou com alguma menina magrinha

    Certeza que nunca ficará contente… e não se dá conta de que o ex e os amigos não gostam REALMENTE dela… pq quem gosta não se importa pra quantos quilos você tem… apenas gosta.

    triste

  5. Renata não se perturbe não com a colocação de Danuzza, ela coloca pra fora o que esta dentro dela, o que a encomoda e não a faz feliz. Ela é livre e devemos respeitar os sentimentos das outras pessoas mesmo que não concordamos. É muito difícil não se aceitar…. estar dentro de um corpo que se não é feliz com ele. Danuzza não é a unica, já ouvi diversos depoimentos semelhantes, já conheci até quem tentou interromper a própria por não se aceitar gorda. Danuzza desabafa em seu comentário, não acho que é preconceito e ou revolta.
    Um grande abraço no coração

    • renatavaz11

      Duca,

      Concordo. Em off ela me disse justamente isso. Que escrevia sobre ela, seus medos e aflições. Mas da forma como colocou causou uma indignação coletiva. Nem tudo o que pensamos podemos exteriorizar de qualquer jeito. Como já disse, temos o direito à liberdade de expressão e não à liberdade de esculhambação. Em off, também disse a ela que tinha preconceito com pessoas tatuadas. Imagine se eu chegar aqui e escrever: “quem se tatua é bandido, escondam essa porra de marca nojenta na pele pq eu não sou obrigada a ver esses rabiscos de malandro”. Feio não é? Mas eu posso dizer: “Não faz meu estilo ter tatuagem. Considero uma arte, mas em pensar que terei uma marca no corpo por toda a vida me faz temer me tatuar e um dia me arrepender”.
      Eu gosto de namorar homens brancos de cabelos escuros. Não gosto de homens brancos ou negros. Imagine se eu escrevesse: “Nçao quero saber de preto, criolo e odeio branquelo aguado, que mais parece transparente”. Não seria mais legal eu dizer: “Meu tipo de home predileto são os brancos de cabelo negro, como os italianos”. Acho que é uma gentileza virtual. Podemos expor nossos medos e opiniões sem ferir os outros.

      beijos,

      Renata

      • Ei, Renata,
        concordo com vc. Existem maneiras e maneiras de nos expressarmos sem ofender ou atacar o outro. Eu tenho 6 tatuagens, penso em mais 3… meu marido é negro. Nunca gostei de homens brancos e fui mulherão minha vida toda, até uma depressão e 45kg a mais me abaterem. Não considero a bariátrica o caminho mais fácil de quem n tem coragem para uma reeducação alimentar. É uma barra fazer a cirurgia. hj, 6 meses depois, 45kg OFF e meu tipo mulherão de volta – tenho 1,70m e 72kg, estou feliz. Meu manequim é 44 e n quero outro a menos e nem a mais. Concordo com muitos pontos do texto da Danuzza. muitos mesmo. E a tal liberdade de expressão é q foi a mairo inimiga dela. Não dá para escrever na net exatamente cm pensamos. E concordo tb com muitas respostas q dizem q ela n está satisfeita com ela, mesmo q ela emagreça. Enfim, tudo depende de cm anda a autoestima. Gordo ou magro. Branco ou negro. Com ou sem tatuagens. Bem estar tem mais a ver com o que temos dentro de nós e a forma cm refletimos isso.

      • Brunamr

        Eu compreendo o seu ponto de vista que o que ela te disse em off poderia justificar tanto rancor nas palavras dela (so’ que na verdade nao justifica nada, porque continua mal educado colocar que odeia gordos sendo ela mesma ainda e’ uma gorda). Odiar a si mesmo e’ a pior coisa que podemos fazer. Sou gorda e nao gosto disso porque tenho dificuldades de fazer sexo com meu marido,as minhas roupas sao fashion, mas nem sempre eu me sinto linda dentro delas, essas coisas acontecem de verdade na vida de uma pessoa muito acima do peso “ideal”. O que nao me faz odiar a mim mesma (ou qualquer pessoa que tenha kilos a mais) e’ o fato de saber que isso nao precisa ser para sempre, e com muita forca de vontade (cujo eu consegui depois de muito tempo cabisbaixa pensando que nao havia solucao) vou perder os kilos que nao quero e manter os que eu acho necessario. Afinal de contas, nao e’ porque eu quero emagrecer que quero ser esqueletica. Ou nao e’ porque eu gostaria de tem um melhor condicionamento fisico que eu sinto aversao a pessoas que estao acima do peso. Ela pode ficar feliz passando a vida toda comendo folhas de alface e suplementos alimentares. Eu faco pizza para meu marido que sempre me agradece com maravilhosas “provas de amor” na nossa cama.

  6. Daniela

    Sinto pena! Uma pessoa que é feia por dentro jamais será bonita por fora, seja com muitos ou poucos quilos….não há cirurgia que resolva, o que você precisa colega é de TERAPIA, quem sabe melhore!!!

  7. Bruna Amaral

    Nossa,…
    nossa,…
    só sei dizer nossa!!!
    Absurdamente chocada com tanta MERDA escrita por essa INFELIZ, BAGACEIRA e MAL AMADA!!!!
    Faço questão de dizer o quanto sou favoritada pelos homens, por ser gordinha e linda…
    a cirurgia pode reverter a sua situação física, digamos…
    mas a tua mentalidade minha filha, ta maaaaalz!!!

  8. Débora

    E depois todo mundo cai em cima da Fabiana Karla porque dizem que ela tá falando merda né??!! Minha opinião? Conheço mais magra mal amada do que gordinhas, quando meu exesso de peso me incomodou fiz uma REEDUCACÃO ALIMENTAR e ATIVIDADE FÍSICA, e a verdade não é que não funciona, claro que funciona! mais de uma forma mais lenta, já mandei pra lata do lixo mais de 30Kg, e estou na casa dos 70 que a dez anos não estava, continuo sendo gordinha. Talvez se tivesse feito cirurgia perderia isso em mêses e não em 3 anos como foi meu caso. Não me coloco acima de ninguém por isso, e é engraço ver que tem pessoas que acham que gordo, não pode ser amando desejado e feliz! pra algumas pessoas o problema não é emagrecer, é se aceitar,!conheço um punhado de gente que acha que os problemas vão se resolver quando eliminarem peso. Pura ilusão se vc é uma pessoa, infeliz, mal amada, mal comida, sem amor, invejosa e infeliz., pode usar manequim 38/36 que sua vida vai continuar uma merda! Tem que ir pro psicólogo e não pra mesa de cirurgia…

  9. renatavaz11

    Meninas,

    Vamos manter a linha, please?
    Bjs

  10. Eu tenho 157 kg….me olho no espelho e digo “Tô gata pra caraleo!”!!!!

    Isso aí dessa garota, na minha forma de pensar (certa ou errada sei lá) é achar que pode dizer porque é passado. Ter vergonha do que se foi, é descontruir toda sua história. É como rasgar todas as páginas de um livro e deixar apenas aquele capítulo do “final feliz”…sinceramente, se ela acha que a vida dela vai mudar pq ela vai aemagrecer…eh melhor todo mundo se preparar porque daqui há um tempo ela vai xingar de novo…dessa vez os magros… beleza não é questão de peso, é questão de ousadia!!!
    Aos meus 30 anos bem vividos e gordos (porque nunca fui magra), nunca me faltou namorado, nunca me faltou emprego (não por causa do peso), nunca deixei de andar na moda (claro que com limites) ou nunca me limitei a nada que me desagradasse somente pelo fato de sentir vergonha….

    Se a bunda não cabe na cadeira…senta no chão!!!

  11. Bruna Santos

    Como pode ter gente preconceituosa, sendo consigo mesmo?!
    Tá tudo certo, que nós gordinhas não somos as mulheres “maravilhas”, e que muitas de nós não estamos satisfeitas com os nossos corpos cheios de curvas, e que sem dúvidas agradam a muitos e muitas, mas temos sim que erguer a bandeira, não para a obesidade, mas sim para nossa auto estima, para o nosso bem estar e não nos descriminar por sermos assim e por outras pessoas GOSTAREM e se sentirem bem dessa forma!
    Somos mulheres, temos q ser felizes, e nos aceitarmos como somos, sem julgar ninguém, sem querer passar por cima de pessoas, q sim, foram e seram sempre iguais a nós, ninguém é diferente de ninguém, apenas é a forma maldosa de olharmos o próximo sem julgarmos a nós mesmos!

  12. Keka Demétrio

    Ain, Rê, adorei seu recado. Segue o meu baseado no seu, pq não dá pra fugir da linha. ahauahuahuaua

    Bom, dependendo da cadeira minha bunda não cabe, mas isso não importa, pq me encaixo perfeitamente bem no grupo de mulheres que sabem enlouquecer um homem na cama (acho que isto faz parte do que a Rê quis dizer sobre trepar maravilhosamente bem, né). Sou superhiper respeitada, admirada, referência de autoestima para milhares de mulheres, inclusive mulheres magras, por onde passo deixo rastros de alegria e cumplicidade. É, existe gordo feliz, sim.

    • renatavaz11

      “acho que isto faz parte do que a Rê quis dizer sobre trepar maravilhosamente bem, né” …..kkkkk… é que vc é uma lady. Já eu, sei ser como a Danuzza, já que nasci na Freguesia do Ó. kkkkk

      beijos

  13. Luísa Q.

    Que coisa triste!!!
    Quanto rancor e mágoa neste coração agora quase magro.
    De que vai adiantar tanta magreza com este azedume por dentro?!
    Que Deus tome conta deste coração infeliz!!!

    • Silvana

      Concordo com vc,o problema dela não é exterior,e sim interior!!È uma pessoa extremamente infeliz,que canalizou toda sua frustraçaõ ofendendo verbalmente as pessoas acima do peso!!Vc se lembra daquele vídeo postato ha alguns meses atraz na internet,onde a moça quase acordou a rua toda,pedindo o chip para o ex namorado??Então,essa moça,se sentindo rejeitada pelo ex namorado,canalizou toda frustração no coitado do chip…é a mesma situaçao!!

  14. Gente que post mais ridículo dela. Eu conheço uma mulher bem gorda, muito mais do que os 93kg que ela chegou e é super feliz com a vida dela. Casada, 2 filhos, tem um marido que super apoia ela e sem contar que ela se veste suuuuper bem. Se essa menina não achava roupas é pq não procura direito e também deve ser meio brega. Roupa bonita existe pra mulher magra ou gorda! Eu acho que é uma questão de se olhar no espelho e parar pra pensar em quem você quer ser…eu não condeno mulher que quer ser muito magra, mas ao mesmo tempo não critico. Eu acho que isso é muito pessoal!

  15. Digna de pena!! Acredito que nem gorda, nem magra será feliz, ou aceita, ou boa de cama..o que seja…

    O que faz uma pessoa ser aceita ou rejeitada é o carater que ela tem, é a educação, é a gentileza, simpatia… aparência conta sim, não serei hipócrita, mas querida “coleguinha” há gosto para TUDO e TODOS!! Não adianta ser magrinha mas sem educação, antipática, grossa, niguém gosta de ter pessoas assim por perto!!

    Sou casada, com um homem maravilhoso, que me ama do jeito que sou, que SIMMMMM namorava uma magra (magra meeesmo) e está muitíssimo satisfeito com a gordinha aqui!! Vamos ter nosso primeiro filhote e nosso casamento está muito bem em TODOS os sentidos, OBRIGADA!!

    Em primeiro lugar devemos SIM nos aceitar, sendo gorda, sendo magra, acho que este é o princípio para sermos felizes de fato!!

    Talvez seja mesmo um tratamento pisicológico que ela, nossa “coleguinha” precise, sem querer ofender, numa boa!!

    Re, achei beeeem legal e totalmente compreensivo seu desabafo!!

    Bjocas

  16. Olívia

    Meninas. Sou um mulherão. Hoje com 5kgs a menos, peso 95kg. Como a Danuzza, tento de tudo mas nunca emagreço de verdade, além de ter uma saúde de ferro. Nāo estou concordando com ela no jeito q ela escreveu mas o motivo pelo qual a fez ficar daquele jeito. Por melhores amadas que sejamos, por mais bem sucedidas, bonitas e simpáticas a sejamos, na sociedade fútil q vivemos somos sempre “pontos de referência”: “tá vendo aquela gordinha de preto ali? É! Do lado!” Até nós mesmas já fizemos isso. Como nāo nos sentirmos ridicularizadas? Como “caber” numa sociedade que cobra o triplo em roupas para gordinhos ou fala pra uma noiva ” desculpa amiga, mas grande pro seu tamanho eu nāo tenho vestido” (sim, ouvi isso de uma vendedora magra qdo buscava modelos de vestidos pra casar)? Nāo a culpo por explodir. Acho q o problema é como se expressa. Será que ninguém aqui nunca chegou a pensar exatamente deste jeito?
    Novamente: NĀO concordo com o jeito q ela escreveu mas concordo com tudo o q ela está sentindo pq eu TB me sinto assim. Eu nāo quero ser ponto de referência, quero achar roupa em qqr lugar e pagar igual aos “normais”. Nāo quero ter que.comer só mato pq to gorda, nāo quero ter sempre que usar maiô, nāo quero todo mundo falando que preciso emagrecer. Nāo quero ficar cansada depois de alguns minutos de caminhada ou nāo poder mais usar meus saltos altissimos… E por aí vai…

  17. A única coisa que posso dizer que sou linda, inteligente, capaz de tudo aquilo que me dar vontade de fazer! Muito bem resolvida com a minha vida sexual, social…. Acredito que temos que melhor sim! Querer o melhor sim! Mais sem frustação! Sem sofrimento!!! Por isso um enorme beijo a todas mulheres bem resolvidas!

  18. Pra mim, estes dois post da Danuzza, esta no mesmo patamar do vídeo postado aqui no blog, dos dois “humoristas” falando de GORDO!
    Ridiculo cara! ¬¬
    Ahhh e pra deixar bem claro :
    ““Minha bunda ainda cabe na cadeira, trepo maravilhosamente bem, sou super fashion e ninguém me ofende ou me humilha, porque sou um #mulherão.!””

  19. AUDRAY TRINDADE 16 anos

    “Na Verdade nem sei porque essa porra desse blog existe, sou gorda tenho 17 anos e ME ACEITO DO JEITO QUE SOU, VC ACREDITA BOM, NÃO ACREDITA MELHOR AINDA PORQUE A VIDA É MINHA E VC NÃO TEM NADA A VER COM ISSO VC COITADA É SIMPLESMENTE UMA COVARDE, DEPENDENTE, DEPENDENTE DA MEDICINA PARA EMAGRECER PORQUE NÃO FOI MULHER O SUFICIENTE PARA ENCARAR UM REGIME DE VERDADE, MINHA PRIMA PESOU 125KG E HOJE PESA 80 E ELA É ALTA NÃO APARENTA E EU TAMBEM ESTOU COM 80 SE NÃO MAIS MAS JA ENTREI EM UMA REEDUCAÇÃO ALIMENTAR E É MUITO FACIL BASTA VC TER VONTADE E FORÇA DE VONTADE E EU ESTOU COM TODA A RAZÃO PORQUE ESTOU DEFENDENDO JOVENS DA MINHA IDADE E QUE POR SUA CAUSA PODEM LER ESSE LIXO QUE VC ESCREVEU E TENTAR SUICIDIO E ACHO QUE VC NÃO QUER SER CONSIDERADA A RESPONSAVEL POR TAL ATO A ESTOU EXAGERANDO? NÃO NÃO PELO CONTRARIO ESTOU ATE LIGHT ATE DEMAIS ESCUTA GAROTA VC TEM CERTEZA DE QUE VC FEZ MESMO ESSA TAL CIRURGIA DE REDUZIR ESTOMAGO?
    PORQUE EU ACHO QUE O MEDICO ERROU E ACABOU REDUZINDO MAIS AINDA O SEU CEREBRO
    SE FOSSE PARA A GENTE SABER TUDO OQUE AS PESSOAS PENSAM NOS CONCERTEZA NASCERIAMOS COM O DOM DE LER MENTES MAS PELO QUE EU SAIBA AINDA NINGUEM TEM ESSE DOM, ENTÃO NINGUEM MERECE OUVIR FALAR E NEM LER OS LIXOS QUE VC ESCREVE NESSA MERDA DE BLOG AH E TENHO CERTEZA DE QUE O CARA QUE ME COMER ELE NÃO VAI SE ARREPENDER E PREFIRO TER DOIS BRAÇOS DEFORMADOS DO QUE NÃO TER NENHUM E TAMBEM DO QUE TER DOIS E SERVIREM SOMENTE PARA ESCREVEREM PORCARIA ONDE OFENDEM AS PESSOAS E ENTENDER A REVOLTA NOSSA VC NÃO ENTENDE EU DUVIDO QUE ENTENDA VC PARA NOS MULHEROES GATAS E GOSTOSAS DE VERDADE É APENAS UM PEQUENO PINGO DE TINTA PRETA QUE PINGOU NO PAPEL EM MEIO A UMA IMENSA FOLHA BRANCA E VC PARA MIM NÃO É NADA.

    É FACIL FALAR E ESCREVER COISAS OFENDENDO AS PESSOAS POIS AS PESSOAS ESCREVEM DO QUE O CORAÇÃO ESTA CHEIO E MAIS QUERIDINHA É COMO VC FALAR ALGO E TENTAR CONCERTAR MAS ACABA PIORANDO NÃO É, QUANTO MAIS SE MEXE NA MERDA MAIS ELA FEDE ENTÃO SE LIGA E DA PROXIMA VEZ PENSA ANTES DE ESCREVER ESSES LIXOS DE SEUS TEXTOS OFENDENDO AS PESSOAS !
    E PREFIRO COMER FEITO UMA LOCA E DEPOIS MALHA MUITO EMAGRECER COM SAUDE E MUITA ENERGIA POIS SOU JOVEM E TENHO ANIMO E VONTADE E NÃO SOU UMA COVARDE DEPENDENTE DA MEDICINA PORQUE EU LUTO ATE TER MEUS OBJETIVOS SOU UMA MULHER DE PALAVRA SOU UM MULHERÃO!
    INVEJOSA COITADA!
    E QUANTA GENTE POR AI PERDE O EMPREGO E NÃO É GORDO, E AEW QUE ADIANTA SER MAGRA BONITINHA E TER UM PESSIMO CURRICULO COM PESSIMAS REFERENCIAS, E AINDA TER SIDO COLOCADA PRA FORA POR JUSTA CAUSA HA E SE VC ESCREVE SOBRE VC MINHA FILHA ESCREVA EM UM DIARIO DE PAPEL NÃO EM UMA PORTA ABERTA EM UM MEIO DE COMUNICAÇÃO SE VC NÃO QUER SER MAL ENTENDIDA OU COMEÇA A CONTROLA O QUE ESCREVE OU ACABA DE VEZ COM O BLOG PORQUE VC ESTA SENDO UM PESSIMO EXEMPLO NA SOCIEDADE E DEIXANDO SEUS CLIENTES PUTOS DA CARA COM VC E NÃO É ASSIM QUE SE ATRAI A FREGUESIA COM ESSE SEU DIALOGO DESGRAÇADO FICA RUIM NEH FILHA! ta chega não vou gastar mais meu precioso tempo com uma pobre coitada tenho mais oque fazer, vou comer e depois malha com saude, pelo menos nenhum bisturi passou na minha linda pele e vou ficar sem comer durante dias eu heim… espera sentada porque nunca vou pedir desculpas…talvez pegue seu exemplo agora talvez eu volte e escreva um texto pior para me desculpar e depois me faço de vitima aos meus clientes e aos que seguem ao blog ;) bjus migucha………. amei te conhecer vlw!”

    • eliana fernandes rocha

      oi meninas.. tudo bem?…Bom… em primeiro lugar…quero dizer que eu atualmente peso 58 kg, o máximo de sobrepeso q já cheguei foram 88kg isso há mais ou menos 2 anos e eu tenho 1,67 de alturaeu comecei a ganhar peso antes mesmo de ter o meu primeiro filho…qdo engravidei emagrecí(muito enjoo)..rsrsrs…sete anos dpois engravidei do meu segundo filho… fui magrinha na gravidez… os médicos até pegavam no meu pé para mim ganhar algum peso… mas nao conseguia comer muito.dpois q meu filho nasceu.. já mesmo no hospital antes da alta…tive os primeiros sintomas do q foi um dos maiores pesadelos da minha vida.. uma pesada pressao pós-parto

      • eliana fernandes rocha

        …(continua…) entao… foi toda akela coisa de só chorar… querer dormir.. e …COMER…COMER…COMER…tive q parar de amamentar meu filho com 2 meses porq nao conseguia.. só queria saber de comer e chorar!!!isso só melhorou com o tempo mas aí eu ja tava estourando…enfim o q eu quero dizer é q ja estive dos dois lados da moeda… ja fui magrinha e ja fui gordinha tbém e eu acredito q realmente existem pessoas q simplesmente nao conseguem lidar com o excesso de peso elas piram mesmo…isso é da pessoa… nao há o q fazer …sou da opiniao q temos q correr atraz do nosso bem estar nada paga isso… se vce se sente feliz magra…EMAGREÇA!! se vce se ama mais ccheinha…PARABÈNZ…o q importa é como nos sentimose nunca o q os outros acham , ,eu particularmente me sinto melhor no meu peso ideal… conseguí isso com reeducaçao alimentar e muito treino nas academias me dediquei mesmo…mas o q importa é ser feliz com o seu corpo… com curvas ou nao.e nao desrespeitar e criticar a opçao alheia… nem todas somos iguais..tudo começa na nossa forma de pensar e processar nossos sentimentos e auto estima e confiança nao dependem de peso adequado… é simplesmente um estado de espírito…tem gente q é maguérrima…dentro dos ”padroes” mas é um suicida em potencial;…uma bomba relógio ambulante

    • Chorei de tanto ri, mas você Audray deu a resposta à altura que essa danuzza precisava ouvi, coitada dela deve estar pensando que todos os problemas sumiram junto com os quilos, quando ela descobri que não é bem assim vai se decepcionar muito. Mas você é mto arretada menina!

  20. AUDRAY TRINDADE 16 anos

    ESSE FOI O PEQUENO E MEU SINGELO TEXTINHO QUE DEIXEM DE LEMBRAÇA AO VISITAR PELA PRIMEIRA E SEGUNDA VEZ O LIXO DO BLOG DESSE ZINHA AEW!

    OHHHWWWW MENINAS SOMOS GRANDES MULHERES E SOMOS LINDAS POR DEMAISSSSSSSSSSSSSSSSSSSSSSSSS

    OBRIGADINHA! ;)

  21. Danuza… Você é “louca”!!! Ou melhor, DISSIMULADA!!!O POBRE DO LOUCO NÃO SABE O QUE DIZ. Já você SABE MUITO BEM, e o faz por necessidade de se auto afirmar. Pessoas como você só conseguem se sentir fortes, aceitas ou realizadas depreciando seu próximo!
    Felicidade, autoconfiança, amor próprio, classe, estilo, versatilidade, não podem ser aprendidos e nem comprados em gastroplastia, academia ou plástica. Isso se desenvolve no íntimo de cada SER!
    VÊ SE ENXERGA SEU LUGAR NA SOCIEDADE E PARA COM ESSE DISCURSO VAZIO E RIDÍCULO. Já existem problemas de mais na sociedade e ao longo de sua história. Não precisamos criar agora uma disputa entre obesos e magros. Para sua informação somos CONTRA ISSO. O que defendemos é o direito a diversidade e com saúde e qualidade de vida. Já a beleza, está nos olhos de quem nos vê. E se seu parceiro e as pessoas o seu redor nunca conseguiam te ver bela. É porque realmente sua situação enquanto SER HUMANO era crítica. E não falo de estética, falo de essência.
    Que você possa se encontrar. E que aprenda por bem a respeitar o direito alheio, antes que aprenda sentindo no bolso (dano moral).
    OBS. Fiz gastroplastia a 9 anos. Pesava 162k, hoje peso 103k. Tenho 1,74, sou mãe, mulher(namorida.rs), filha, irmã, amiga, empresária, Diretora de Faculdade, modelo profissional, e como todas as nossas amigas aqui presentes: me garanto como MULHERÃO!!!!
    Meninas lindas, abraço carinhoso a todas. Equipe Mulherão: Obrigada por compartilhar conosco esse espaço).

  22. Vivian

    Oi Renata!
    Concordo totalmente com o q vc disse! Sou gastroplastizada, sofri muito com a obesidade, mas nunca seria capaz de palavras tao crueis quanto as dessa moça…Devemos odiar o preconceito, nao as pessoas q sao vitimas dele. Ja vi e li muita ex-gordinha cuspindo no prato q comeu, por assim dizer, tratando outras gordinhas com preconceito, lamentavel…

  23. Liliane Natal

    Uma vez, eu li em uma dessas revistas de “somos sarados”, uma reportagem sobre auto estima, um artigo mto bom por sinal. O que mais me chamou a atenção (e tb massageou meu ego) foi qdo a jornalista escreveu algo assim: “Você já chegou a se perguntar pq minha amiga ‘gordinha’ tem sempre um cara pra sair, ou pq ela sempre se da bem nas festas? Porque ela tem auto estima e confiança nela mesmo”!
    Essa foi a 1ª parte da minha alegria…
    Depois q minha irmã leu o mesmo artigo, ela disse assim: “Sabe q eu sempre me perguntei mesmo, pq vc sempre ta enroscada com alguem e eu não…” Detalhe, ela é uns 10kg mais magra q eu…
    E apesar das idas e vindas da minha auto estima, q acho q é normal em qq mulher, gorda ou magra, nunca…mas NUNCA ofendi ninguem, ou critiquei alguem por ser como é.
    Sou feliz sendo gordinha, sempre tive tudo sendo gordinha. Tenho amigas q são gordinhas tb e nunca estão sozinhas, sempre tem um ligando, querendo namorar, casar…elas dispensam, pq querem curtir! E tem as q acharam os principes encantados…
    A verdadeira beleza ta dentro da nossa cabeça, a gente mostra oq pensamos q somos!
    E nunca mais compro nada no Groupália!!! Danuzza, aprenda a se amar nêga!

  24. F. Monteiro

    Pois é. Está fora da aceitacao da maioria incomoda. Eu já fui gordinha. Até o 13 anos eu era a baleia fora d´água, saco de banha, presutinha, etc. Interessante que naquela época eu nao tinha a mínima idéia sobre regimes, emagrecimento, padroes de beleza. Eu só me achava feia e ponto. Eu nao era loira magra e meus olhos nunca foram claros. Eu respondia a tudo isso sendo a melhor na minha classe, e sendo a queridinha dos professores. Significa? Feia! Na semana que completei 14 anos eu sabia que podia tirar a minha carteira de trabalho. Eu vesti a melhor roupa que tinha e fui tirar a minha carteira de trabalho. Nao tinha nem um centavo no bolso e fui a pé. Acho que foi o primeiro exercício físico que eu realmente fiz na vida. A agencia de trabalho ficava a uns 4km da minha casa. Fui a pé, tirei a minha carteira, e consegui um “estágio” algumas semanas depois. No final das contas eu perdi alguns quilinhos e cresci, né? Aos 16 fui a uma agencia de modelos e no alto dos meus 1,67m e 55kg eu era, segundo o dono da agencia, gorda demais. Cheguei aos 50kg, consegui vários trabalhos como modelo, e me senti tao fútil e inútil no meio de tantas meninas lindas mas sem qualquer admiracao pela vida além do espelho, que abandonei tudo e estudei para passar no vestibular de Direito.
    Eu entendo que muita gente se ofendeu com os dizeres nada delicados da Danuzza, mas vamos ser sinceras? Auto conhecimento e reconhecimento é outra coisa. Por que se ofender com isso? Quem está realmente bem consigo mesma diz: Cara, eu sou a gordinha mais gostosa e maravilhosa do mundo, e eu me adoro assim. Estou do jeito que eu quero ser, estou muito feliz comigo mesma. Uma opiniao dessas nao deveria abalar tanto os animos. Se alguém dissesse a Isabelli Fontana: “Nossa, vc é muito magra, dá pra ver os teus ossos!” Será que ela se ofenderia? E porque quando alguém diz: “Ei, tá gorda, hein?” a pessoa que fala pros 4 cantos que se adora, que se ama do jeito que é, se ofende? Seja o que quer ser e ponto. Contanto que seja feliz. A Danuzza só demonstra a sua extrema infelicidade com a sua forma, e ela ainda está infeliz, e essa infelicidade inpulsionou as escolhas dela. E isso define também o estilo de escrita dela. Nao estou apoiando, pelo contrário. Acho que, acima de tudo, a pessoa tem que ser delicada ao dar a sua opiniao e nao impor. E eu entendi, Renata, que o que te deixou chocada foi realmente a opiniao escarrada ou “socada”, que é violenta. Só estou dizendo isso para as mocinhas que se sentiram diretamente afetadas porque ser gorda é isso ou aquilo. Se sentir ofendida por uma coisa dessas, na minha opiniao, é a maior prova de insatisfacao pessoal que poderia existir. E se vc se sentiu insatisfeita com isso, sentiu como uma ofensa ao o que vc é, o que vc é deveria ser muito melhor do que isso.
    Ah, eu adoro o blog. Parabéns pelo trabalho excelente que vcs fazem.

  25. Hum… sei la, ser gordo(a) e “se entupir de comida” são coisas diferentes o.o Tem gente que é gordo e come menos que normalmente, tem gente a baixo do peso que come loucamente de ansiedade ou qquer outro motivo.
    O texto original da Danuzza me parece ironico em muitos aspectos mas nao me soa como uma critica ou ataque aos gordinhos, soa como um “mude de atitude” para aqueles que desejam isso. Ela tem razao quanto a sociedade ter preconceitos, preconceitos as vezes escondidos no “politicamente correto” mas que existem com certeza.
    Tambem nao parece que ela tem “raiva de gordo”, parece que ela tem raiva da experiencia que ela passou quando a cima do peso. Sei la, interpretacao de texto eh uma arte >.o mas… eu nao achei tao grave assim oque ela disse (claro, o vocabulario baixo nunca eh agradavel, mas ate ai… nao me cabe discutir).

  26. Dani

    KKKKKKKKKKKKKK Renata sou sua fã !!! a verdade é que algumas pessoas são muito hipócritas e sem noção, na vida tudo tem dois V’s , vai e um dia volta , todo mundo tem o direito de mudar a hora que quiser e bem entender, isso é uma opção individual de cada um, agora este tipo de comportamento so mostra uma pessoa vazia e que necessita de auto-afirmação, ele deveria procurar um psicoterapeuta e não um blog. Pq junto com a gordura que ela esta perdendo ( pq um dia podera achar novamente) esta eliminando massa cefálica.( isso ela não terá chances de encontrará novamente).
    Bjs MULHERÕES !!!!

  27. Gente,

    esse povo gosta é de causar. Escreve bem polêmico que é pra encher o blog de visitas e comentário, pois um mostra pro outro, pro outro…
    Uma amiga minha já conheceu uma pessoa dessas, que blogava um monte de absurdos, e na real a pessoa era muito normal, emotiva, mas gosta de um marketing sabe?

    Por isso que eu eté vejo, mas não comento no blog deles nem a pau

  28. Tania

    Tadinha gente!! Sem noção!!

  29. Adriana

    Que absurdo, já não gostava dessa Danuzza Leão, agora então.
    Mas é assim a inveja mata, pois nós gordinhas somos mais felizes, mais alegres, mais de bem com a vida, porque simplesmente fizemos o que gostamos e tudo que fizemos é com muito prazer. Já fiz várias dietas, e sempre chego a conclusão, fico tão mal humorada passando fome, que prefiro ter minha vida normal, com ou sem quilos a mais. E muitas dessas “magras”, que se dizem felizes, que passam o dia a base de alface e água, morrem é de inveja de não poder comer e de viver a vida sem preconceitos. Se cada um cuidasse do seu próprio nariz esse mundo não estaria assim tão pobre de espírito, e o que vale não é o caráter da pessoa e sim a bunda que cabe na cadeira, a trepada que deu com o bofe que nem lembra da tua cara no outro dia, e aquela calça jeans que você comprou e ninguém dá a mínima pra bunda que está dentro.
    Desculpe, mais pronto falei.

    • renatavaz11

      Gente, não é a Danuzza Leão. bjs

    • eliana fernandes rocha

      bom …Adriana… é como eu disse no outro comentário…cada um tem q ficar com o corpo q a faz feliz… sabe nem toda magrinha vive á base de água e alface…o q acontece é q a maioria q faz isso… tem medo ou preguiça de se exercitar… quem pratica uma atividade física regular…e tá no peso certo pra altura… pode comer o q quiser sem passar vontade q vai queimar tudo…o problema de muita gente e digo isso de homens e mulheres tbém é q ao invés de se exercitar e se reeducar comendo direito.. preferem passar a faca… seja pela lipoaspiraçao ou seja no estomago… por q isso é mais fácil pra quem nao tem força de vontade..esses sim só podem ser magros á base de alface e água…kkkk bjoooo…….

  30. Caroline Zacachuka

    Meninas concordo com todas!!! se vc quis mostrar que não era feliz com tantos kilos Parabéns!! Mais a sua maneira de escrever é horrivel!!

    Ninguem vai te apoiar e te aceitar se vc mesma uma ex gorda não consegue fazer isso!!!

    Sou gorda sim!! meu marido tb!! Estou emagrecendo atraves de educação alimentar, remedios e muita malhação mais por um objetivo maior ter um filho daqui 4 anos!!! Pois não quero ter a minha vida em risco!!
    Apoio meu marido a fazer a redução pq ele tem 175kilos e 1,82 ele precisa para ter uma boa saúde!!!

    Já passei por muitas coisas que vc falou, mais mesmo assim não fiz da minha vida uma tragedia !!! Fale para sua terapeuta tudo isso que vc sente em relação quando era gorda!! Caso contrario na proxima grande decepção vai se encher de comida e engorda tudo novamente!!! e seu rico dinheiro servirá apenas por aguns anos e nada mais !!!

    Seja Feliz!!! Leve a vida mais solta!! não julgue se não quer ser mais julgada pelo que é ou era!! Vc só precisa nesse momento se foca no que essa cirurgia vai trazer de bom na sua vida!!
    E faça uma campanha positiva aos beneficios que essa cirugia pode trazer as pessoas e não colocar texto agressivos !!! Se tudo isso foi ruim para vc, quem está procurando apoio em ser mais saudavel ou se aceitar não quer ler esse tipo de texto que a deixe mais triste e deprimida!!!

    Meninas do Mulherão vocês são 1000!!! Parabéns por mostrar que ser diferente é normal!!!

  31. Paula Regina

    Ler coisas assim me entristecem tanto…

    Uma mulher tratar outras mulheres dessa maneira deselegante e descortês.
    Chega a beira do vergonhoso, sinceramente.

    É bem como a Renata cita, lá no fundo essas pessoas são assim e a partir de uma brecha mostram-se, descortinam-se sem o menor pudor sua
    deseducação ao próximo.

    Certa vez eu escutei isso num filme, bem bobinho, de Sessão da Tarde, que “chamar alguém de gordo não te torna mais magro; chamar alguém de feio não vai te tornar bonito”. Comecei a levar essas frases às minhas aulas, quando algum assunto pede, e vejo como o comportamento muda quase que imediato.

  32. Só resta dizer que a Danuza precisa urgente de apoio psicológico!!

  33. Nicole

    Faço das suas palavras as minhas:
    Tenho um ótimo emprego, trepo muito bem e to muito feliz com meus quilos a mais.
    Eu realmente, sou feliz do jeito que sou. Sempre me aceitei e minha vida nunca foi complicada ou cheia de preconceito, com as nobres moças relatam.
    Infelizmente, Danuzza e a Carol serão pessoas amargas pelo resto de suas vidas. Com 60kg ou com 150kg.
    Não desejaria nem o bem nem o mal para pessoas como elas, afinal, deixa que a vida ensina. Tudo volta!

    E Renata, adorei o post. Alias, adoro o blog. Raras as vezes eu comento, mas sou assídua por aqui!

    Beijos Mulherõõõõõõõõõeeeeeeeeeeeeees!

  34. Assino embaixo e complemento: eu sempre fui convidad pras festas, sempre tive ombros amigospra chorar e sempre quiseram me comer. O problema dessa moça não deve ser o fato de ser gorda, mas de ser amarga. Só lamento!

  35. Como boa bacharel em Direito, acredito que todos temos liberdade de expressar nossas opiniões, mas o que realmente me chocou no texto foi o nível do vocabulário, baixo calão, chegando a ser ofensivo para quem lê. Acredito que quem se dispõe a publicar um texto na internet tem que ter um pouco de noção da repercussão de suas palavras. Pode-se emitir opinião de vários modos, mas deve prevalecer a ética e o bom senso. Se o texto era sobre ela mesma, que escrevesse em seu diário, que fica escondido em uma gaveta de seu quarto e não em um veículo acessado por milhares de pessoas. Mas se quer desabafar, faça-o com classe e de forma polida, para que ninguém se sinta ofendido, ok?
    Eu também estava insatisfeita com a minha imagem no espelho e fui procurar ajuda, mas acho que cada uma sabe o que a deixa feliz, conhece os seus limites, tem seus objetivos e lida de uma forma diferente com os problemas relatados por Danuzza, mas não critico nenhuma das minhas amigas plus, ao contrário as admiro muito!
    Cada um sabe de si, mas quando for se expor, tenha cuidado!

    • Marcela Melo

      Boa Alinne!! Nada melhor que uma boa dose de frases bem formuladas pra combater com o mau humor e baixa estima da Danuzza..

      Você é uma Lady =)
      Ahh.. Rê.. você arraaaaaaaaaasa de todo jeito!!!

  36. Keila Barros

    Nossa fiquei chooocada com o texto da Danuzza…sinto que ela vive pelos outros…mostrar o q eles querem que ela seja…ñ se aceita e daí revoltou-se contra si mesma…entendo que a sociedade as vezes é bastante preconceituosa, mas mudar sua pessoa para sair do preconceito é ñ se gostar…mesmo magra ou mulherão..primeiro goste de vc…seja como for…sinta a verdade em vc.

  37. Thelma Reis

    Olha Renata,ameeeeeeei o post….essa Danuzza deve ser uma pessoa muito amarga,não deve gostar dela, nem do mundo,nem de ninguém…é uma pobre de espírito!Quem ela pensa que é para DUVIDAR de quem se sente bem do jeito que é e que se ama muito???O que dá a entender é que ela ta se achandoooo pq fez a redução e agora acha que vai ser a rainha da cocada preta!!NEVER!!!!ela primeiro tem que mudar sua personalidade ,seu caráter, seu espírito…e isso; sei não emmm….Sou mulherão,casada,educadora,mãe de três filhos e FELIZZZ!!!!! Um abraço!!! adorooo o blog!!!

  38. candida

    Renata, sou leitora assídua do blog e não tenho o hábito de comentar, mas hoje estou me sentindo na obrigação. Você está tocando num ponto importantíssimo e que venho percebendo a bastante tempo. Não é só essa blogueira que depois que deixou de ser gorda (ou está a caminho) que se manifesta de maneira agressiva contra aquilo que um dia já foi. Acompanhando um blog de uma pessoa, que emegreceu há 7 meses, a repreendi depois de ler o seguinte comentário que ela fez: Por que que quando eu era uma orca, ninguém falava nada????? Me senti na obrigação de avisar, embora ela me pareça ser uma pessoa esclarecida, de que são esses tipos de comentários que o filho dela escuta em casa, e que repete em seus convivios sociais, menosprezando, avacalhando, envergonhando os outros e que isso se chama bullying. Cada um tem a escolha de se sentir bem com ou sem os quilos a mais. Mas na verdade não é isso que incomoda, são os comentários das pessoas que incomodam. Agora, veja bem, qualquer um que te ame, queira seu bem ou no mínimo tenha um pouco de respeito por você, é capaz de te dar um toque sem ser agressivo. Quem te ataca, coloca pra baixo, com certeza não é um amigo que está tentando abrir seus olhos, se você acha isso, com certeza você nunca experimentou amizade ou bem querer de qualquer espécie. Quanto a esta blogueira, desejo que ela um dia consiga aprender a viver por si e não pelos outros e muito menos se sinta infeliz porque não atende ao que os outros esperam dela.

  39. Oi Rê, eu li esse post, entrei no twitter dessa pessoa.
    Percebi e concordo com vc em gênero, número e grau , quando diz que é maneiras e maneiras de se dizer algo, apesar de lidar com pessoas, infelizmente ela se expressou de maneiro muito errada e grosseira, mesmo que tenha dito que estava falando dela mesma, foi muito ofensivo.
    Não vamos julga-la por isso. Sempre fui gordinha desde pequena,tive e ainda tenho fases nas quais não gosto do que vejo no espelho, e ja cheguei sim a me afastar de todos por um ano, pelo simples fato de não me aceitar.
    Hoje, com o passar do tempo, vi que perdi um tempo que não vai voltar mais por besteira, entendi que se as pesssoas me AMAM de verdade vão continuar gostando de mim, eu tendo 65 ou 80kg.Quero e vou emagrecer sim, mas para me sentir melhor comigo mesma, com minha saúde e não por causa de ninguém….
    Bjusssss

  40. Renata, vc e a FAMÍLIA MULHERÃO ,só me enchem de orgulho!
    Esse post com certeza colocou-a em seu devido lugar, tenho certeza!
    Danuzza, PENA é o resumo do meu comentário pra vc, ok?
    beijosss amigas!

  41. guga

    Renata, vc é realmente um mulherão (foto no inicio do post).
    Muito bonita e sensual.
    Cheiro no cangote!!!

  42. Milena Souza

    Tô impressionada com tantas opiniões…mas sei lá meninas, acho q ela deve ter sofrido muito com todo esse peso de ser gorda.Talvez a maneira q ela se expressou tenha sido pesada demais mas acredito q houve sofrimento em td aquilo.Eu sempre fui gorda e várias vezes me senti assim, até hj não sou o exemplo de auto estima mas tb não me afogo no fato de ser gorda.Sempre recebi vários elogios e oq mais eu escutava era q se eu emagrecesse eu pararia o trânsito, q eu já era linda e q se emagrecesse não haveria mais nada pra ninguém!Eu odiava escutar isso!Odiava!Pq eu, mesmo com todos os kilos a mais, sempre me achei capaz de conquistar olhares e não dependia de um jeans 44 pra isso. Acho q sendo dura demais com a tal da Vanuza q eu nem sei quem é, não vai adiantar nada…tb não gostei doq ela escreveu mas acho q é hipocrisia demais da minha parte se eu não admitir q em alguma linha dos textos dela eu me vi, seja na angústia ou infelicidade por me sentir mal em ser gorda. Hj vivo a escolha de tentar ser modelo plus size (coisa q muita gente já me disse pra tentar) ou tentar emagrecer….seja oq Deus quiser.Tentar,tentar,tentar!Eita verbo fdp!

  43. Olha, para ser sincero, depois de ver a sua foto de lingerie nem consegui prestar atenção na tal Danuzza…

  44. Carolina

    Renata, li este comentário:

    “Falei em off também disse a ela que tinha preconceito com pessoas tatuadas. Imagine se eu chegar aqui e escrever: “quem se tatua é bandido, escondam essa porra de marca nojenta na pele pq eu não sou obrigada a ver esses rabiscos de malandro”. Feio não é? Mas eu posso dizer: “Não faz meu estilo ter tatuagem. Considero uma arte, mas em pensar que terei uma marca no corpo por toda a vida me faz temer me tatuar e um dia me arrepender”.

    “Em off ela me disse justamente isso. Que escrevia sobre ela, seus medos e aflições. Mas da forma como colocou causou uma indignação coletiva. Nem tudo o que pensamos podemos exteriorizar de qualquer jeito”

    Pra mim preconceito não é algo seletivo, julgar uma pessoa por qualquer adereço do seu corpo é tão chocante pra mim quanto racismo, xenofóbia, homofóbia, gordofobia e por ai vai …

    Ter preconceito com gente tatuada é totalmente diferente de considerar uma arte e não querer que ela faça parte do seu corpo.

    Quanto ao texto em si , muito bacana assim como o restante do blog.
    Até mais,

    Carolina

  45. Ou eu tive muita sorte ou essa menina estava no meio de gente muito ruim. Sei que existe muito preconceito, mas eu sempre fui muito feliz!!! Eu acho que ela é uma pessoa muito fraca e que tinha amigos horríveis!!! Como alguém te diz na cara que você esta horrorosa??? A beleza é relativa e esta nos olhos de quem vê!!! Tenho pena sabe?!!! Credo!!!

  46. Gente, fico passada, como pode existir tanta gnete idiota no mundo. é claro que todas temos momentos em nossas vidas em que não estamos felizes e contentes com nós mesmas… momentos em que queremos perder peso, e acontece ao contrario tbm ganhar, tenho maigas madras que querem ficar mais cheiinhas pq sabem que nos DELICIOSAS huahuhau…

    É incrivel, como disse a gatissima Sou linda, gorda, gostosa…. e ninguem nunca reclamou da minha trepada ( desculpem a vulgaridade) huahuha , mas é absurda a forma como as pessoas deturpam a realidade… gente to passada,…

    mas confesso que é uma luta diaria contra nós mesmas, a aceitação não esta realconada diretamente ao peso, as vezes esta a cor, ao cabelo, ao jeito e tudo mais…..

    E quero deixar bem claro!!!!! a essa idiota…. que comida nem sempre é sinonimo de gordura, claro que mta coisa começa comendo… mas gente ficar sem comer engorda mto mais…..

    então. vamos nos amar e respetar a todos… pq somos MULHEROESSSSSSSSS..

    confesso que estou numa fase de baixa auto estima, não pelo peso, mas por varios outros fatores…. mas sei que sou mais eu…… que sou desejada por mtos bofes e gente… ate por mulheres que embora não seja uma opção pra mim.. massageia meu ego rsrsrsrs

    MULHEREOESSSSSSSSSSSSSSSSSSS somos MARAAAAAAAAAAAAAAAAAAAA….

  47. Eu acho que poucas pessoas poderiam responder tão bem aquele texto grosseiro como vc…Parabéns mesmo!!!

  48. Ana Carolina Lopes Mendes

    Olá meninas,

    juro que ao ler este post chorei, chorei de tristeza, tenho visto tanto preconceito ultimamente que estou muito desanimada!!!!!!!! Os comentários do Brito Jr em um vídeo que ví aqui e o nutricionista no mesmo vídeo dizendo que todo gordo NÃO é saudável não saem da minha cabeça……tenho tentado manter minha auto estima mas está difícil, muito difícil!!!!!
    Ao ler o que essa moça escreveu pensei….será que é tudo verdade? Será que meu marido tem outra? O texto dela acabou comigo, não consigo nem brigar, gritar, xingar como muitas fizeram, o texto me feriu, estou sendo sincera do fundo do coração!!!!!!!!
    Nunca quis fazer cirurgia pois acho uma agressão imensa ao corpo mas nessas horas juro que dá vontade se sofrer todos os riscos e me livrar de tanto preconceito!!!!!!!
    Descupem o desabafo e não me condenem por favor!!!!!!!!

    Carol

  49. Não fico levantando bandeira de nada e gostaria de perder alguns vários quilos, mas me chocou, horrorizou, as postagens dessa mulher doente! Certeza, alguém assim não é normal nem aqui, nem em Saturno!

    E, outra coisa, ela deu muito azar de não encontrar alguém que a amasse quando estava mais gorda, porque eu sempre fui muito mais amada do que minhas amigas magras e tenho histórias mais felizes para contar do que elas no tema “coração”.

    Coitada dessa Danuza…

  50. NEIDE

    Nossa que babado forte!!!!!
    Eu sou um mulherão de 108 kilos e muito conteúdo, faço Administração pública na UFPA, tenho muitos amigos, me sinto amada por meus familiares etc, etc,etc
    Ser gordo ás vezes é dificil pois a sociedade e muito preconceituosa, mas não me deixo abater por esse preconceito encaro a vida de frente, eu acho que a Danuzza deveria fazer o mesmo…

    Ah!!!!!! e trepo que é uma beleza kkkkkkkkkkk, cada transa melhor que a outra….

    Danuzza vc tem que se amar dai vc vai ver como é facil ser amada!!!!!!!!!!!!!

  51. Parabéns Amiga! Belo Texto! Sabe, eu tentei comentar no blog da Danuzza mas ela me bloqueou lá. E eu na verdade, tive PENA dela. Ela deve ter sofrido muito, porque nesse texto, só vi REVOLTA. E, com isso, ela hoje fala pelos outros. Não sabe que é se AMAR mesmo sendo GORDA. Eu sei, e sou MUITO FELIZ! Tenho DÓ! Vai emagrecer, e continuar sofrendo, pq a cirurgia bariatrica não é o fim dos problemas. Mesmo ela sendo magra, encontrará dificuldades, para N coisas, e verá, que nem tudo, pode se culpar o peso. Essa menina precisa de um psiquiatra. URGENTE…kkkkkkkkk.
    Parabéns Rê!

  52. gwy

    Não tem nada de fácil na escolha do caminho da redução de estômago.
    Comer 30ml de hora em hora, não comer doce, refrigerante pelo resto da vida não é a opção mais fácil.

    • renatavaz11

      Querida,

      Quando postar tenha paciencia, pois como já salientei inúmeras vezes neste blog, não posso entrar sempre para aprovar ps comentários, faço isso 1 vez por dia, apenas.

      beijos,

      Renata

    • Vc que me perdoa não sou operada colega mas conheço mais quem fez…
      Pois tenho duas operadas…
      Um grande engano seu que vc nunca mais vai comer doces kkkkk coragemmm
      Minha irmã come mais chocolate que eu ela vomita mais come e não come pouco kkkk é um grande engano a cirurgia ajuda mto 50% vc e 50% a cirurgia bjuu negga

  53. PATRICIA

    Nossa… choquei!
    Leio este blog diariamente… este foi o texto “mais forte” que li….
    Sobre esta moça… sinto pena dela… coitada!
    Foi infeliz em seus comentários e se não amadurecer…vai ser infelizpro resto de sua vida………………….

  54. Tenho sérios problemas de autoestima, que nada tem a ver com o peso. Já fui magra agora sou gorda e sempre me achei feia, feia demais, mesmo que amigos falem o contrário. Sei que emagrecer não vai trazer essa autoestima, isso mora dentro de mim, mas não na barriga e sim no coração.
    Já fui trocada por uma menina mais gorda e por uma mais magra e isso doí, mas doí pra qualquer mulher que já foi trocada.
    Problemas, todos temos, ela se diz perseguida por ser gorda e eu que já fui perseguida por ser inteligente. Faço o que, uma lobotomia??
    A redução não vai tirar a amargura do coração dela, infelizmente!

  55. Daniela

    Adorei o teu texto… a tua resposta… Show! Parabéns!

  56. gwy

    Se a senhora vai ignorar meu comentário, por favor, altere o parágrafo que contém o seguinte: “Eu poderia ser tão preconceituosa quanto Danuzza e dizer que ela é uma covarde, preguiçosa e acomodada que escolheu o caminho mais curto para emagrecer, que se fosse uma mulher decidida e forte como tenta transparecer teria feito uma reeducação alimentar, lenta, mas eficaz tão quanto.” Foi uma afirmação infeliz e uma agressão contra as pessoas que fizeram a cirurgia.

    • renatavaz11

      Não, não foi.Eu disse que eu seria preconceituosa se dissesse isso. Da mesma forma que se dissesse que pobre só é pobre pq tem preguiça de trabalhar, que todo tatuado é cadeeieiro etc.

      Bjs

  57. Suzane

    OMG!!!!!!!!!!!!!
    Renata, ja disse que sou sua Fã? com todo perdão, mas vc é FODA!
    Vi também a bela resposta que vc deu em seu twitter, para a Madame Sher, que praticamente disse que a glamurização do plus size é desculpa para comer!

    Eu tenho 108 kg….me olho no espelho e digo “Tô gata pra caraleo!”!!!! \o/

    E mais uma vez, SOU SUA FÃ!!!!

  58. A mulher deve ser um dragão!!! Ela não deve ter se dado conta que não era o peso que evitava que ela fosse bem comida… kkkkk

  59. Eu já havia lido sobre o texto dela em outro blog, realmente nao vai ser a cirurgia que ela fez que vai deixa-la mais bonita, fashion ou elegante. Pq pra mim elegancia, beleza vem da alma. Eu tbém me sinto linda, faço amor sinto prazer e dou prazer pra pessoa amada e sou muito amada fofinha como sou….beijos

  60. Isabella Tanzi

    Um horror tudo que essa Danuzza escreveu, tenho pena de pessoas assim, MAL RESOLVIDAS. Eu sou uma ex magra pesava 70 quilos com 1,80 de altura e depois de 4 anos descobri que tenho hipotiroidismo e estou com 138 quilos. Nunca deixei de fazer nada do que sempre gostei por causa do meu peso atual, aliás tem vezes até que esqueço dele e me jogo! Risossssss
    Tem dias que olho no espelho e quero sair gritando por ai, mais como toda mulher. Faços alguns regimes, as vezes (quase sempre) não levo muito a sério porque gosto muito de comer, mais não deixo de ser feliz e de mostrar o que eu tenho de bonito, ancas, bunda e pernas. Faço sexo, sento em cadeiras de plástico e passo por roletas, estou em uma nova dieta, para melhor a minha saude, em principal meus joelhos. Mais enquanto não emagreço, danço, faço sexo, sou sexy e vivo minha vida intensamente!

    Adoroooooooooooooo o site, me sinto muito bem todas as vezes em que acesso e vejo as dicas e as matérias! Parabénssssssss! (:

  61. Gente coitada dessa menina, acho que na cirurgia cortaram foi o cérebro, que pessoa totalmente sem noção. É uma pessoa que não tem um pingo de amor próprio e polemiza assim para chamar a atenção, além do mais deve se sentir revoltada ao ver tantas mulheres gordas, lindas e felizes. Independente da pessoa ser gorda ou magra, alta ou baixa, o mais importante é o respeito a ela mesma e às outras pessoas, o que essa tal pessoa não demonstrou nenhum um pouco. Digna de dó…. deve ter sido muito rejeitada e desconta em quem não tem nada a ver com isso. Perca seus quilos em paz e que depois vc não venha descontar em nós pelas cicatrizes horriveis que ficarão no seu corpo ou o excesso de pele….

  62. Jéssica

    Coitada… essa ai pode passar a vestir 38 que vai continuar horroroza , a feiura dela vem de dentro. Sinceramente ?! uma das piores coisas é gente pobre de espirito e que por isso é infeliz e quer descontar no mundo.
    Tenho 19 anos e sofro com problemas de auto estima mas problemas esse que nada tem a ver com o meu peso, meus amigos homens vivem me elogiando mesmo com meus 20kg a mais mas isso pra mim nao faz diferença. Conheço gordinhas que se aceitam e fazem mtoo sucesso.
    ela precisa de tratamento urgente coitada

  63. Inés

    Meu Pai amado!!!! Em 24 horas tive que engolir duas provas de ignorancia, desrespeito e preconceito. A primeira com o triste video dos “humoristas” falando sobre gordos e agora este texto grosseiro, de mau gosto. So tenho a lamentar que existam pessoas de momoria tao curta a ponto de esquecer em poucos dias seu passado de sofrimento e humilhaçao. Nao é facil estar acima do peso em uma sociedade contruida para magros, e é direito de cada ser humano procurar un corpo que o faça sentir-se bem consigo mesmo, mas isso nao justifica de maneira nenhuma agredir, mesmo que seja verbalmente, pessoas que nao se enquadram no padrao.
    Muitas de nos gostariamos de ter alguns quilos a menos sim, encontrar roupas do nosso tamanho, sentar-nos confortavelmente em uma cadeira, mas isso nao nos impede de ser felizes, alegres, de bem com a vida, bem amadas e bem sucedidas.
    Só me resta lamentar…
    Beijos meninas

  64. Michele

    Rê,
    Penso que há coisas e pessoas que sequer merecem (tantos) comentários.
    Após breve leitura dos posts acima, eu farei apenas três singelos comentários:
    1) “Antes poder ler o(s) discutível(eis) texto(s) da colega do que ser cega”;
    2)”quem fala o que quer, escuta (no caso da net, lê) o que não quer” (pois até para apagar os posts de reprovação no blog dela, a colega teve que ler tudo!).
    e o último, (porém não menos importante):
    3)”Obrigada Papai do Céu por eu ser eternamente bela como sou hoje ‘por dentro’, já que o belo ‘por fora’ de todas as mulheres (gordas, ex-gordas, magras, altas, baixas, Giseles Bundchen’s, etc etc), mais cedo ou mais tarde, irá sucumbir às leis da gravidade”.
    E agora deu, né? beijão!

  65. ALEXANDRA GALVAO

    eu tbm fiz a cirurgia… mas a únicas coisas q ela mudou foi o tamanho do meu estômago e a passagem pelo intestino…
    Não mexeram no meu caráter, na minha personalidade e nem nas minhas opiniões…
    Essas questões ela sempre teve dentro de si… fazer oq?
    Cada um sabe pq opera… eu quis dar um ponto final numa bola de neve que nunca findava…não pra ficar magra e sair agredindo geral… afinal serei sempre gorda (cabeça de gordo nunca muda!)… mesmo m vendo magra, s alguém fala algo d gordo eu defendo mesmo…
    Incrivel como a operaram só tendo 1 ano de obesidade, eu eim…
    Sei q ser obesa não é fácil, mas repetindo…cada um sabe de si! não é fácil, mto do q ela falou é verdade… vivi mtas dessas coisas, mas estou atenta para q ninguém faça o mesmo com outra pessoa…tensoooo
    Lembrem-se, a culpa dela ter se expressado assim não foi da cirurgia… infelizmente ela é assim mesmo de “nascença”, cm diria minha avó!

  66. Raquel

    Pra mim essas Danuzza era uma anonima até esse texto infeliz que ela fez o desfavor de publicar, pra mim uma pessoa dessas é pequena, é inferior, é mal amada e ainda por cima é fraca. Passou por uma intervenção cirurgica(gente fazer cirurgia não é fácil) seja ela de que genero for, fiz seis cirurgias em decorrencia de uma fratura no braço e sei como é dificil a pessoa fica sensibilizada e ainda assim, mesmo após a cirurgia, a fulaninha fica amarga desse jeito! Deus me livre como é essa menina no dia a dia?
    Bom, gostaria de deixar os parabéns a Renata pela resposta à altura que foi dada a está tal Danuzza (pra mim continua sendo uma anonima) e dizer que mulheres como a Rentata sim, são um exemplo pra nós Mulherões!
    Bjs Rê, e sucesso!

  67. Bruna Almeida

    Sinceramente, acho que o problema dela é inveja. Sim, é isso mesmo, inveja porque tem pessoas que são felizes, amadas e estão de bem com a vida e ela não consegue. O problema não está no seu peso, está no seu carácter, na forma como ela lida com as situações. Emagrecer não será a solução de todos os seus problemas. Ela está tão concentrada no seu peso que não percebe que precisa mudar esse jeito de ser. Amargura não leva ninguém a lado nenhum, pelo contrário só afasta as pessoas de nós mesmos e além disso, tudo parece dar errado, o mundo está errado. Mas o problema não está fora mas dentro dela. Enquanto ela não perceber isso, ela pode perder o peso que for, mas vai continuar odiando tudo e todos.

  68. Danuzza, se escreve com D, de deplorável, deprimente…
    Mulherões, completem mais adjetivos em repúdio ao comentário desta pessoa…

  69. Essa Danuzza eh uma infeliz. Ja era infeliz gorda, e continuará infeliz (se nao mais) magra. Pq ela tem dores emocionais que ela atribui a gordura, e que nao necessariamente são. Tb estou obesa, sempre fui gordinha e estou fazendo reeducacao alimentar para voltar a um patamar de peso aceitavel pra minha altura e idade. Eu acho que dá sim, pra ser feliz gordinha. Eu disse GORDINHA! Agora, para um obeso como eu, ou obeso morbido, tudo eh mais dificil, eh fato! Subir e descer escadas, entrar e sair de certos carros, certas posicoes sexuais, comprar roupas..tudo fica mais complicado. Sou totalmente a favor do aceitar-se como SOMOS, ate pq nem tudo pode ser mudada. Se vc pesa 60kg mas tem um formato de corpo que nao gosta…I´m sorry, vai ter que aprender a se aceitar, ou viver infeliz. Mas tb acho muito dificil alguem que convive com obesidade morbida, com tantas dificuldades na vida prática, seja feliz. A Danuzza exorcizou toda a dor que vem sentindo a vida inteira, com as rejeicoes que sofreu e sofre..nesses posts dela. Pouco importa o que ela pensa sobre nós, pq ela nao eh ninguem importante para mim e para a maioria de nós. Importa sim, o que ela pensa sobre si mesma e sobre a vida que leva. E importa pra ela. Recomendo terapia para essa coitada.

  70. Gabriele Godoy

    UAU! Arrassou na respostaaaaaaaaaaaaaaa!

  71. Debora

    Como ex-gorda (reduzida), so posso achar muito triste o que essa Danuzza falou. Quanto raiva de si mesma ela guardou ao longo desses anos todos de gorda? Quanto odio ao corpo que ela tinha (e ainda tem, provavelmente nao emagreceu todos os quilos necessarios ainda), que hoje ela joga para cima dos outros!
    Concordo que ha um limite para o excesso de peso, o limite da nossa saude fisica, mas vejo milhares de pessoas, gordas, magras, nao muito gordas, nao muito magras, altas, baixas, etc, que se odeiam do jeito que sao. E outras tantas que descobriram que o valor de cada um vem de dentro, vem do carater.
    Esconder ou nao a sua podridao por tras da gordura ou da magreza nao cabe a nos analisar (deixem isso para os psicologos em seus contultorios!), mas carater, educacao e respeito sao coisas dificeis de se mudar.

  72. Adoreeeeiii o blog!! Parabéns! ^^

  73. Patricia

    Sem palavras… é triste… tenho pena dessa moça.

  74. Érica

    Pessoas como ela precisam se gostar em primeiro lugar!
    Enquanto isso não acontecer ela pode fazer de tudo, reeducação alimentar, exercícios físicos, cirurgia….não adianta nada, se ela continuar com esses pensamentos ridículos de que Nós Mulherões não podemos ser feliz! Ela é que não era feliz e ainda duvido que seja mesmo depois da cirurgia, porque (pelo menos falo por mim) sou muitoooo linda, tenho um ótimo relacionamento com homens, nunca deixei a desejar…rsrs
    Achei engraçado na parte que ela comenta de convites pra festa e praia….será mesmo que ela não era convidada por ser gorda? …tenho muitas dúvidas porque o que nos passa no texto é que é uma ridícula interiormente, chata, uma pessoa que não se aceitava perante a sociedade.
    Danuzza a você só tenho a dizer….Se ame em primeiro lugar e se aceite como você é!
    Agradeça a Deus pela sua vida, porque é perfeita, tem braços, pernas, tem um trabalho….quantas pessoas queriam ser Gordas mas Perfeitas!
    Acho que é isso gente!

  75. anabelle

    geeeeeeeeeeeeente o que é isso?? toda essa fúria?? essa tal Danuzza é louca?? como assim sair ofendendo as pessoas sem mais nem porquê.não vou aqui mentir e dizer que ser gorda é uma maravilha…mais tb não é o inferno!! ser feliz independe do número de roupa que se veste,do peso que se tem.é uma atitude.um desejo maior do que qualquer preconceito.ahhh Danuzza vai se tratar…seu problema não estava no estômago e sim na cabeça!!
    renata vc arrasa!! adoooooooooooro o blog!!

  76. Monique

    Arrazouuu na resposta mesmo, isso aiii.
    E por ela rsrsrs, só poço lamentar, lamentar e lamentar.
    Tenho pena de pessoas assim como ela…
    Eu me amo siim e as pessoas a minha volta tbm.
    E mesmo gordinha faço sucesso, sucesso, rsrsrs…
    bjus Renata!

  77. Ana Flavia

    Amei sua resposta!!!
    Concordo plenemante com vc Re!!!
    Beijosss

  78. Rê, arrasou!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!
    Beijos.

  79. Maria Eduarda Silva

    Como pode uma pessoa ser tão mau amada, meu Deus!!! O problema dela não é ser gorda. Magra também será assim, não adianta…
    Apenas uma terapia de choque a fará ver que nem todo mundo é igual, e se ela não aprendeu nada com as ofensas e as falsas amigas, sinceramente…
    Olha, eu acabei um casamento de quase 10 anos, porque de repente pra ele eu era muito gorda, tenho 1,68 e peso 72k. E ele me falou na cara que ainda tinha nojo de mim por ser assim. Mandei que ele saísse no mesmo dia de casa, não me arrependo. Isso já tem mais de 2 anos, já reestruturei minha vida e dos meus filhos e hoje namoro um homem de verdade, que me respeita como sou. E não precisei, pra me sentir feliz, viva novamente, recorrer a nenhum método que poderia realmente me agredir, aprendi apenas a me olhar de verdade, a me amar realmente…

  80. andrea

    Concordo com o 1º texto da Danuza ela tem toda razão, as pessoas te aceitam da boca pra fora pq gordinho é sempre mal visto.

  81. Buri

    Nossa o texto dela é horrível! Quanta agressão gratuita, 45 dias magra e já está assim?! Poxa…
    Senti-me mal com as palavras grosseiras.
    Primeiro que eu sou gorda e não tenho problema com isso, mas vou ter que reduzir minhas medidas por causa deu uma promessa que fiz em um momento de desespero… E pelo menos pra mim promessa é divida, mas é logico que não vou pra faca, prefiro uma dieta mesmo que lenta.
    E depois porque eu sou um ser humano e não tenho rabo, não é porque eu não estou nas “curvas” dessa sociedade que isso dá o direito dessa mulher me xingar, por que é obvio que ela estava fazendo isso!
    Adorei o texto, maravilhoso, não conhecia o site até agora, amei!
    E sua foto na campanha de lingeries ficou linda!

  82. mirian

    oi Renata, me desculpe mas vc nao é gorda, vc nao tem barrigão, nao tem peitos grandes, nao tem pernas grossas nao tem celulite e nem estrias ( a nao ser q tenha muito fotoshop nessa foto) duvido q a duloren convidaria uma mulher mais gorda q vc para posar, o mundo é cheio de preconceitos sim e nao adianta fazer vista grossa, agora ta aparecendo modelos mais cheinhas pq agora pluz size ta na moda, mas as modelos realmente gordas são poucas, tem q encarar, uns se dão bem outros nao, a Danuzza nao se deu coitada.

    • Suzane

      Mirian a Renata esta acima do peso, veste 44 e isso já é considerado uma mulher gordinha. Eu dúvido que ela não tenha celulite ou estrias, TODA mulher tem.
      E como vc diz que a mesma está fazendo vista grossa, ao colocar o texto MEGA preconceituoso da danuzza no site? o preconceito existe sim, e todas nós sabemos, creio eu, que o que a Renata quiz dizer, é que, existe gorda feliz sim.

  83. Camila Alves - BH

    Gente me amarrota que eu to passada com essa mulher…

  84. Fernanda Prado

    Infeliz, mal comida, recalcada e corna.
    Para gordura tem jeito, para mediocridade já tenho minhas dúvidas….

  85. Renataa parabéns! Seu texto tá otimo!

    Eu tenho acompanhado essa história, vi o texto, dei uma olhadinha no blog dessa pessoa mal amada e vi tbm o que vcs falaram pelo twitter..
    Gente, não tenho nem palavras pra definir essa garota… TRISTE.!

    bjoos
    sucesso

  86. Natalia

    Para início de conversa essa danuzza (sim, com “d” minúsculo) nem sabe escrever direito. Há muitos problemas na escrita, falta clareza de idéias e o chamado “chega logo ao ponto, p&§$%!!”. Enfim, acho que clara e coerente a danuzza n é mesmo. Ela acabou deixando para nós, mulheres fantásticas, um texto tão medíocre e um posicionamento tão pequenino que só me fazem ter a certeza de que ser como eu sou, com meus quilos a mais, vale mais do que ter um espírito triste.

  87. Poxa, ainda existe gente assim como essa moça? :( Lamentável

  88. Sabe o que é engraçado? Quase 3 semanas atrás a Danuzza me chamou de gorda feia no twitter, por uma discussão sobre maternidade… Engraçado, né.

  89. Não sou lá bem o público-alvo do blog, mas cheguei até aqui. E poso falar com conhecimento de causa, digamos. Sou um obeso sob controle.

    Consegui eliminar peso do modo mais óbvio e lógico, fechei a boca (leia-se reeducação alimentar) e coloquei as banhas pra mexer. Simples, mas nada fácil.

    Realmente, a danuzza exagerou no tom, talvez. Mas nem tudo pode ser considerado mentira, pode? Ah, claro… 45 dias de magra também não é tempo suficiente para nada. Estou há 6 anos na luta.

    O que me causa muita aflição é quando a pessoa é gorda por falta de vergonha na cara, mesmo. O que já conheci de gente que poderiam eliminar peso com dieta e exercícios, mas optam por ganhar mais peso para fazer a cirurgia. E depois não aguentam a mudança de estilo de vida, e me bebem leite condensando.

  90. lucia

    achei muito interessante esse texto, alias os dois. O da tal danuzza surpreende pela agressividade, a critica pela coerencia.
    Nao sou gorda, entao posso ter apenas uma ideia “de fora” sobre o assunto, mas acredito que isso tenha o mesmo fundo psicologico daquelas pessoas que foram pobres, mas hj odeiam pobres. Aquele pensamento “se eu consegui sair dessa vida quem nao o faz é preguiçoso, doente, etc”, no entanto surpreende ainda mais por ser alguem que fez redução de estomago e nao dieta que seria o “caminho mais dificil”.
    Mas fica muito subentendido o ódio-proprio dessa pessoa, e como ela se livrou do que acreditava ser a causa principal de seu odio consigo mesma, aponta esse odio para os outros

  91. Dani

    Ola!
    Como ja li em algum coment ai de cima, a Danuzza expressou algo q a incomoda. Tem mesmo mta gente q era magra e qdo engorda nao se aceita. Ve rejeicao e preconceito em td…
    Eu ja fui obesa morbida. Sempre fui gordinha e nunca isso me incomodava; eu tinha mtos amigos, namorava caras gatos e nunca fui ofendida ou coisa assim.
    Dps de uns problemas em familia engordei mais e fiquei doente. Tinha pressao alta, indisposicao, dores no corpo… entrei em depressao e comi ate qs morrer.
    Hj faz qs 1 ano q sou gastroplastizada. Vivo bem melhor pq me sinto como me sentia aos 15 anos. Continuo com sobrepeso mas nunca fui tao magra como hj. Algo mudou? Nao! Os amigos, as pessoas, continuam me tratando com o mesmo carinho e respeito de 40kg atras.
    Enfim, eh possivel sim ser uma mulherona. Cheia de curvas, de amores, de vida! Eu nunca deixarei de ser GG, gordinha gostosa….rsrs
    Bjs!

  92. Carol

    E simplesmente adorei oq vc disse, é tudo oq penso, e depois disso me deu até mais forças!!!

  93. Elizabeth Mascarenhas

    noooossa, o que foi isso? ela é louca ou só tá querendo aparecer? me poupe!

  94. O problema da Danuza é que ela resumiu a vida de todas as gordas como se fosse igual à vida dela. Nem todas engordam ou engordaram pelos mesmos motivos que ela. E emagrecer não é a única forma de adquirir respeito dos outros.
    Sim, existe muito preconceito com as pessoas mais gordas. Não nego. Mas penso que emagrecer não é a única solução para que os outros nos respeitem. Já pensou nesta suposição: farei uma redução de estômago em 2012, até lá receberei muitas humilhações, não poderei sair de casa para não assustar os outros, nenhum homem conversará comigo porque ainda serei gorda!Nós não podemos aceitar isso!
    Primeiro, vamos parar com a ideia de que toda pessoa gorda é assim porque é preguiçosa e come muito de sem-vergonha. Eu, por exemplo, além de não ter uma vida bem saudável (comparando com outras épocas estou melhor), tenho problemas de saúde que me ajudam a engordar mais facilmente. Tanto, que sou gorda desde bebê.
    Depois, a sociedade tem que aprender a respeitar o que é diferente. Assim como nem sempre o negro ficará pálido, nem o cego enxergará; o gordo nem sempre ficará esbelto. Vamos aprender a conviver, respeitar. Isto sim é reeducação e vida saudável!

  95. Rafa

    Tenho 20 anos, sou uma gordinha e sempre fui maior que todas as minhas amigas. Isso não era um problema pra mim, mas de uns anos pra cá tenho tido muitos problemas com isso. Já emagreci muito com reeducação alimentar e exercícios físicos, mas desde 2009 quando entrei para a faculdade não consigo mais ter tempo para me dedicar a academia, e como passo o dia na faculdade nem sempre consigo optar pelas comidas saudáveis, enfim, engordei novamente e um pouco mais do que antes. Não tenho problemas nos meus relacionamentos, apesar de não ter namorado, já fui trocada (sinceramente não atribuo isso ao meu peso, pq a outra era do meu “tamanho”), mas também já fui disputada, sou solteira por opção, pois quero me dedicar a mim mesma. Mas toda essa contextualização é para falar que consigo entender a revolta dessa ex gorda, não concordo com ela nem a defendo, mas estou querendo dizer que isso às vezes passa por cima da nossa vontade, no meu caso por exemplo, meus amigos, meus pais sempre me incentivam a me gostar a me perceber bonita. Mas isso nem sempre é possível. Aquele vestido que vc acha lindo não te serve, não te cai bem, a calça jeans aperta os pneus na barriga, vc senta tudo pula pra fora, a mídia cada vez mais enfatiza o corpo perfeito… Enfim, são diversos fatores que vão nos colocando pra baixo, e por mais que vc queira se reerguer, e como quero, isso não é tão fácil. Eu tenho conseguido até hoje, geralmente choro por uns dias e quero rasgar todas as minhas roupas, mas depois volto a me sentir linda e gostosa, pois eu sei que eu sou, e na verdade eu nem consigo perceber quando algumas coisas e quais coisas são essas, que me tentam a mudar de idéia. E algumas dessas coisas aconteceram hoje para que eu me sita a maior de todas as baleias, mas espero que isso passe, que eu não termine amarga e com ódio mortal de mim mesma e de quem escolheu “comer até morrer”.
    Eu tenho acompanhado o blog, me identifico muito, gosto das dicas de roupas e beleza, meu manequim é 44, e certa vez li nem me lembro exatamente aonde, mas acho que foi em algum comentário, que quem usa 42, 44 não tinha o direito de se sentir gordo e discriminado. E hoje resolvi desabafar aqui, eu sou a prova viva de que sim, quem usa 44 também é um mulherão que tem que se reafirmar e não cair nas tentações modernistas e padronizadas de beleza.

    Um beijo.

  96. Na verdade pelo que percebi, essa “mulé” ainda se odeia e pelo jeito vai se odiar por muito tempo! Consequencia??? Irá engordar tudo de novo!!!!
    Besta!!!!

  97. Achei preconceituoso e de muito mal gosto o texto da Danuzza, são pessoas com essa linha de raciocínio que estão na Paulista batendo e humilhando pessoas por causas de suas diferenças.
    Primeiro ser magra não é sinônimo de ser feliz, de ter amigos e ser aceita por um grupo, o que conta realmente é o caráter, humildade e amor ao próximo. A amizade se conquista por suas qualidades, o sucesso empresarial, por sua criatividade e excelência na prestação de serviços. O bom relacionamento com o outro e nossa força de vontade é o que faz conseguir nossas realizar todas as nossas melhores conquistas.
    Sempre fui gordinha “grande e gorda” nunca deixei de fazer nada que quisesse, sempre pratiquei esportes, dança, estudo, viagens, passeios com amigos, sempre tive namorados lindos que me amaram e sempre me apresentaram com orgulho, pela pessoa que sou com milhões de qualidades e quilinhos a mais. Porém como a maioria das “gordas” também já desejei ser magra, fiz dietas loucas e intenssivão de exercícios, tive um período de magra, magreza profunda, anemia profunda, discriminação, preconceitos por estar muito a baixo do peso, já chorei muito, por não entrar no 46 e sobrar no 38… Então não é o fator peso que faz você estar bem e feliz.

    Mas acredito que o amor próprio é fundamental, quando você se ama e se dá o respeito e jamais aceitará sofrer humilhações. É incabível a aceitação de situações absurdas, ao ponto de ridicularizar nossa aparência de forma tão agressiva como as citadas no texto da Danuzza até por que devemos nos importar com a opinião daqueles que amamos nossos amigos, familiares… E pessoas que nos amam elas jamais nos humilham. Então cabe a cada um, saber selecionar as pessoas quem está ao seu lado.

    Concluindo devemos absorver só o que é bom, as coisas ruins não devem afetar-nos. Tenho dó de uma pessoa que tem que sofrer para conquistar a aceitação de si própria e das outras pessoas.

    Hoje com meus 110quilos sou realizada e muito feliz, pois me amo, e sou rodeada de pessoas que me ama, e com um namorado lindo!

  98. Denise Paz

    Jesus…
    Pelo jeito o problema dela não vai ser resolvido nem com a cirurgia…
    Sem generalizar, mas que tem gente que opera o estômago quando na verdade deveria “operar a cabeça”…

  99. Talita (Gordinha e Feliz)

    Lastimável!!
    A cirurgia dela tinha que ser no cérebro.

  100. Nay

    Amigas “fofinhas”…
    É triste saber que existem pessoas que não conseguem conviver com sua “fofura” e se acham no direito de sair “massacrando” as outras pessoas. Não tá gostando do que tá vendo e não consegue fechar a boca pra falar mal dos outros? Tenta pelo menos fechar a boca pra diminuir o peso. Quem sabe se junto com ele vc não elimina uma dose cavalar de preconceito, hipocrisia e falta de amor próprio.
    Sou gordinha sim, muito bem resolvida com meu peso, que me preocupo com minha saúde antes de tudo.
    Gordinha, gostosa, inteligente e principalmente FELIZ!!!
    E viva às fofinhas…

  101. Erika Milagres

    Fiquei muito triste lendo esse post dessa Danuzza…é lamentável existir pessoas tão mal tratadas pela vida, tão sofredoras…eu realmente senti pena, pq ao invés de buscar sua felicidade ela preferiu se revoltar! Provavelmente essa cirurgia não vai melhorar o emocional dela…espero que eu esteja errada. Ela realmente precisa de ajuda psicológica.
    Mas por outro lado fiquei muitíssimo feliz de ver que, assim como eu, existem várias mulheres felizes da vida, realizadas independente de qualquer coisa! Felicidade é isso, é vc aceitar os outros e se aceitar…e se não está satisfeita, corra atrás do que vc acha certo…mas sem ferir ninguém.

    Bjs pra todas!!!

  102. Realmente ela tem sérios problemas psicológicos, e não digo nada se ela emagrecer e voltar ao peso que ela estava antes da cirurgia em menos de dois anos, tem vários casos assim, isso tudo porque primeiro você tem que que estar com o emocional perfeito para poder realizar esse procedimento. Minha irmã emagreceu 30kg, eu era mais magra na época, cheguei a quase enlouquecer e usava manequim 40, hoje peso o mesmo que ela pesava quando começou o processo, eu na adolescência era muito preocupada com o peso e com a aparência (as coisas se inverteram agora), . Ela nunca se gostou do jeito que era, passou muita fome e ainda passa, só para continuar em boa forma, ainda sempre reclama que está barriguda, isso porque ela está usando o manequim 38/40. Já escutei várias vezes ela falando que o cara é muito bonito, que ela não vai conseguir fazer ele se apaixonar por ela, ela sempre acha que não está tão bem arrumada para paquerar um gato, sempre se joga lá embaixo, não se valoriza. Ela é linda, magra agora pode ter todos os gatos que ela quer, mais ela não acha isso dá pra acreditar?! Hoje ela tira sarro de mim por ser gordinha e ainda estar começando minha carreira como modelo plus size, mais me respeita e a cada trabalho que eu faço provo que ela está totalmente errada. Mesmo gordinha eu me socializo muito bem com as pessoas, consigo os caras mais gatos da balada e mesmo plus consigo mais fãs que ela e que muitas amigas magras e gostosonas que eu tenho. O fato é. Que se a pessoa não se gosta, não ama a sua própria imagem, não adianta emagrecer, não adianta ter as melhores roupas, os melhores looks, nada. Ela sempre vai se sentir inferiorizada e com baixa auto-estima. Cada caso é um caso meninas. Mais pense que se eu fui magra e perfeita nos padrões, engordei e ainda gosto do que vejo no espelho, recebo elogios pela minha beleza, alguma coisa tem né! Isso é fato, simpatia, amor próprio e estar de bem com a vida é o caminho da felicidade.

  103. não concordo com a ex-gorda, foi muito mal educada
    orgulho gordo no mundo dos magros…. forçou.

  104. Ana

    Auto estima, amor próprio, delicadeza, educação, respeito, dignidade…….não tem nada a ver com os ponteiros da balança!!
    As pessoas devem ter um mínimo de respeito com as opções de cada um.
    Bacana se ela quis fazer redução de estômago…. porém, gorda ou magra será sempre esse “ser humano” que se expressa da pior forma possível!!

  105. Ana

    Ela devia pensar seriamente em fazer um transplante de cérebro!!!
    Pena q não exista……ainda…….rsrsrs

  106. Narizinho

    Pior de tudo é que ela é feia que dói !! Ninguém deve querer comer ela, mesmo mais magra!! deve ter o corpo todo zoado!!agora com cicatrizes então… hahahhaha

  107. Gil

    nossa
    nossa
    fiquei chocada e com pena dela…foi infeliz com os comentários e com as desculpas mais ainda …coitada não sabe aonde foi se meter…bom pra ela ser uma ex gorda que vai se privar para o resto da vida ou não muitas engordão de novo…eu sou gorda meu namorido me ama assim com curvas gostosas e como de tudo…sou feliz assim e com saúde…

  108. Sonia

    Gente…desculpem a falta de delicadeza, mas o problema da Danuzza é outro: ela é FEIA. Feia de DOER. Pele feia, narigão, boca feia. Talvez uma plástica de nariz ajudasse, mas a amargura dela é mais difícil de extirpar do que as banhas…
    Ela tinha umas fotos ridículas postadas aqui:

    http://www.flickr.com/photos/danuzza/3801563414/in/set-72157619139282330/

    Mas agora não permite mais o acesso.
    Como eu disse a ela, quem vai criticar o Paco de Lucia, tem que tocar violão pra KCT. E ela, que se acha tão melhor do que as “pobres gordas”, deveria ser uma beldade. Infelizmente, ali, só nascendo de novo.

  109. Lu

    Gentem! Muito feio e vulgar o jeito que essa moça escreve. Se era assim que ela conversava com as pessoas quando estava acima do peso, não me admiro que se sentisse tão excluída e mal. E acho que se ela não mudar esse jeito agressivo de ser, vai continuar sofrendo independente de quanto esteja pesando.
    Bjs,

  110. Karina Albuquerque

    O problema de Danuzza tá na cabeça! Ele precisava de um psicologo e não de redução.
    O que eu posso fazer se me olho e me acho linda (mesmo gorda) e ela não?
    O que posso fazer se faço exercicio fisico, tenho resistencia e não tenho dificuldade no sexo (mesmo gorda) e ela não?
    O que posso fazer se meu marido me acha linda (mesmo gorda) e não come outra CERTEZA! E ela não?
    O que posso fazer se as pessoas ao meu redor são do bem (mesmo gorda) e as dela não?

    Minha mente é boa, a dela é fraca.
    Sorry Danuzza!

  111. Rejane D N Medeiros

    COITADA ,NÉ? REALMENTE UMA PENA QUE EXISTAM PESSOAS ASSIM … A VERDADEIRA BELEZA ESTÁ NA ALMA, ELA SIM DIZ O QUE É IMPORTANTE NAS PESSOAS.

  112. Amanda Bruscato

    “Minha bunda ainda cabe na cadeira, trepo maravilhosamente bem, sou super fashion e ninguém me ofende ou me humilha, porque sou um mulherão.!”²
    UUUUUUUUUPPPPPPPPPPPPPPPPPPPPP

    Danuzza? HAHA só lamentoo, cretina.

  113. Katia Nogueira

    As palavras da Danuza me lembram uma amiga ou melhor, ex amiga. Pra ela todos os problemas da vida dela estavam relacionados ao peso dela. O emprego ruim, o cara q ela gostava, mas q não dava a mínima pra ela, a roupa q não cabia mais… E deixou de ser minha amiga pq eu dizia que não keria viver sob a ditadura da magreza. Estando gorda eu não poderia ser mais a amiga dela uma vez que nossos pensamentos eram tão divergentes. Tanto ela qto essa Danuza, se acham infelizes pq a gordura era a grande vilã, qdo ao meu no caso delas é uma questão psicológica…
    Bjs a todas!

  114. Olá meninas…cai aqui por acaso. Li e me interessei por inumeras questões. Olhem só! Nas primeiras linhas desta página foi colocada a questão do ser ou não “boazinha” quem é gordinha ou obesa etc… Acho um grande equivoco, porque devemos pensar que antes de sermos gordos, magros, negros ou brancos, somos SERES HUMANOS e portanto temos bondade e maldade sim…amor e ódio sim…são sentimentos, reações caracteristicas de nossa espécie. Outra coisa, creio que o term,o “boazinha” é bastante pejorativo…existem pessoas boas, legais entre milhares de outros adjetivos, mas a palavra “boazinha” são ironia…Agora o mais importante, O CARATER, não podemos nos referir a mulheres e homens obesos ou pre obesos como pessoas de bom ou mau carater…GENTE!!!! carater é pra quem tem, isso não se constroi…quem tem , tem quem não tem cuidado, independe de forma corporal, classe, etnia…
    Sobre a pessoa do desabafo, que por sinal se mostra alguém emocionalmente desequilibrada, pois em suas palavras o ódio transborda…o que posso dizer é…SE ESTAR MAGRA É O QUE TE FAZ FELIZ HOJE, ENTÃO MOSTRE DE UMA MANEIRA MAIS INTELIGENTE, PORQUE A FORMA COM QUE EU CONSEGUI ENTENDER SEU DESABAFO É QUE AGORA MESMO ESTANDO MAGRA VC DESCOBRIU QUE AINDA NÃO É UMA PESSOA FELIZ…E SABE PORQUE? O CONTEÚDO DO VIDRO SÓ MUDOU DE EMBALAGEM, MAS VC CONTINUA SENDO O QUE É…E A DECEPÇÃO DE SUA SAUDE EMOCIONAL NÃO TER MELHORADO, TER FEZ FAZER ESSE DESABAFO INFELIZ DE GENTE INFELIZ…Um conselho…para concluir o seu processo de emagrecimento e suposta felicidade, creio que agora deva buscar o mais rapido possivel ajuda emocional…psicologos e psiquiatras, ao contrario do que muitos pensam, são otimos profissionais…boa sorte na sua luta pela satisfação existencial…gorda ou magra.
    Meninas, amei os comentarios de vcs…bjs

  115. Kelly Batista

    Bom, faz um tempinho que não comento nada por falta de tempo, mais tenho visto todos os posts…
    Mais este último não posso deixar de comentar… Nem me darei o trabalho de falar algo sobre o que esta pessoa sem noção escreveu, só vou comentar a última frase da Nathy que arrasou com ela e todas as outras que pensam que somos menos mulheres por nosso peso!
    Como sempre vc foi show defendendo nossa classe dos mulherões assumidos e felizes independente do número que a balança nos mostre!

    Beijos…

  116. Tatiane

    Li todos os comentários sobre o texto, e acredito que pessoas tem o direito de expressar seus sentimentos, essa garota errou muito ao fazer isso na rede, pois pode com a sua “opinião” influenciar negativamente pessoas que estão fragilizadas e não se aceitam , assim como ela. Porém vejo neste texto um “desabafo” da profunda infelicidade que ela vive…tenho pena.
    Eu peso 72 kg e tenho 1,65m, sempre fui magra, e hoje tenho dificuldade para encontrar roupas nas lojas que eu gostava de comprar. Não vou mentir, é díficil, escutar as pessoas dizendo”nossa como você está diferente…” Resolvi tomar atitudes saudáveis, mudei minha alimentação, estou fazendo exercícios e tratamentos estéticos, eu definitivamente quero voltar ao meu peso (60 kg), não me sinto confortável neste novo corpo, mas sinceramente, acredito que as pessoas são diferentes e podem sim ser felizes em qualquer peso e seja qual for a sua circunferência abdominal, o mais importante é canalizar a sua energia para um objetivo, seja ele o de emagrecer (utilizando o método que achar melhor), ou simplesmente ser feliz do jeito que é…afinal de contas, se amar ainda é o mais importante.

  117. Rosali

    As pessoas ficam tão preocupadas com tantas coisas banais, né!
    Seria tão simples se as pessoas olhassem mais para dentro de si e deixassem de reparar na vida alheia.
    É porque uma era gorda e quis emagrecer ou é porque a magra ficou gorda,
    e por aí vai…
    Cada um tem a sua necessidade e devemos respeitar isso nos outros porque também queremos ser respeitados em nossas decisões sejam elas quais forem.
    Eu sou gordinha, sei dos sofrimentos, preconceitos, desilusões e etc…
    Hoje eu não penso em fazer redução ou qualquer coisa parecida, mas se algum dia eu pensar é porque eu acho que vai ser melhor pra mim e ninguém tem nada a ver com isso, mesmo que for somente por estética, qual o problema?
    Tem dia que eu estou feliz comigo e me aceito como estou, tem outros que fico deprimida e acho que seria melhor se eu fosse magra; mas as pessoas são assim, todos, independente de peso , morenas querem ser loiras, as de cabelos enrolados querem alisar,as de cabelo liso querem mais volume.
    Percebi que tem mulheres esculturais que são traídas pelo marido e que tem mulheres gordas que são amadas pelos seus e o contrário também é fato.
    Então magras ou gordas; negras, brancas, amarelas ou vermelhas; pobres ou ricas; independente de qualquer raça, peso, etc. Vai existir crueldade, amizade, falsidade, felicidade, traição, desejo, amor, ódio, etc… sem distinção.
    E desculpem a franquesa o futuro de todos nós é o mesmo, embora não sabemos a data(ainda bem) a unica coisa certa é a MORTE.
    Então belas, vamos ser o melhor que pudermos ser!
    Respeitando o próximo para sermos respeitadas.

  118. Pri Kitaoka

    Olha….no primeiro momento preferi nao comentar, mas….nao aguentei!!
    Ela esta totalmente errada!!!
    Aos 16 anos pesava 115 kilos!!! E sempre fui a mais simpatica! Chegava em algum lugar e tdos paravam p falar comigo, e tdo mais q dizem d gorda sou simpatikérrima mesmo!!! Aos 22 depoisd mta malhacao e dieta estava com 80 kilos, resolvi fazer cirgurgia plática , colocar silicone, enfim cheguei aos 68 kilos!! E continuei a mesma pateta, simpática, linda desde q nasci!! EU OU ASSIM (simpática, escandalosa, engracada, faladeira,cheirosa….) Fikei `magra` durant algum tempo e hiper feliz do mesmo jeito q sempre fui!!! Hoje casei engordei um tantaozinhu hehehe e continuo feliz da mesma forma d quando nasci!!! Mas a Danuzza tadinha….assim q devemos d chama-la coitadinha….desmilinguida….sem graca….sem educacao!!!! Afinal d contas ela vive só p o mundo dela , pelas palavras dela deu p notar!! O mais triste….é q daki algum tempo ela vai se olhar no espelho e nao vai ver a gorda, mas vai ver a mesma mulher infeliz d antes!!! Ela é infeliz e insatisfeita!!! Pq olha…com tdo respeito….Tdo (nada) q ela escreveu….é digno d pena pois da p notar a pesoinha q ela é….e o pior d tdo é q ela depende dos GORDOS p pagar a maldita cirurgia dela!! Aff eu nao vou entrar em detalhes pois realmente nao quero pisar nela afinal TADINHA ela já esta no chao !!! Eu continuo feliz da vida!! Quando dá eu caminho faco mesus exercicios , quando nao quero eu nao faco!!! AFinal d contas quando agent morrer(seja d tanto comer ou d nao comer) os vermes serao os mesmos a nos degustar!!! Sejamos felizes e saudáveis!!! Eu me amo do jeito q sou!!! Pateta, palhaca, escandalosa.hoje gorda, talvez amanha quem sabe magra…eu sou eu!!! E sempre serei a eterna gordinha Pri!!!

    • Pri Kitaoka

      Ahhhhhhhhhhhhhhhhhhhh e sem kerer ser grosseira a essa coitada!!! Eu nao dependo dos magros p pagar cirurgias!!!! E amo e respeito os magrinhos(a) afinal somos seres humanos!!! E se caso ela tiver coragem d ler esses post, quero deixar bem claro p ela q eu tenho forca d vontade, tenho dinheiro p pagar outras lipos se eu kiser, trocar minhas próteses d silicone por maiores ou menores, eu ESTOU gorda pq eu SOU gorda por dentro!!! E eu kero estar assim!!! O dia em q eu enjoar eu das minhas gordurinhas e do meu peitao artificial eu mudo d novo!!! Estou preocupada com meu bem estar, minha saúde e minha alegria principalmente!!! E agora p Danuzza deixo minha gargalhada sarcástica kkkkkkkkkkkkkkkkkkkkk bem escandalosa igual eu sou kkkkkkkkkkkk!!!! Um abraco bem gordo p vc Danuzza q um dia vc posso ser feliz!!!

  119. Flávia Passoni de Oliveira

    Desculpa hein???mais que cirurgião é esse que opera uma pessoa com menos de 100kg???gastroplastia não é cirurgia plástica que se faz a torto e a direita….deve-se ter problemas de saúde ligados, como colesterol alto, problemas articulares e etc. Se a saúde da bonitinha aí estava ok, como esse médico fez essa cirurgia???qual a motivação clínica para uma cirurgia destas?
    Absurdo como esta prática cada dia mais se torna medida estética, e não mais utilizada como último recurso para pessoas que realmente necessitam, como eu…que com 100 kg seria mais feliz ainda e com menos problemas de saúde causados pela obesidade…e não um poço de lamentações e falta de auto-estima igual essa mulher!!!mais um dia eu chego lá…feliz e bem comida!!!!!ahauahauha…

    • Pois é Flávia, concordo com você!

      Essa cirurgia tem risco de morte sério, além de poder causar vários problemas de absorção e, inclusive, há estudos sobre problemas neurológicos ligados a esse tipo de cirurgia. Não é brinquedo! Um médio que faz uma cirurgia dessas numa pessoa que não apresenta nenhum problema de saúde devido à obesidade ou peso suficiente não deve ter a mínima ética.

    • Pri Kitaoka

      Se vc falou d mim quando se referiu a um cirurgiao oeprar quem tem menos de 100 k eu nao me expressei direito, eu fiz lipo escultura e abdomeplastia por causa da banha caida!!! Se nao foi a mim quando se referiu perdoe-me entrometer!!!!

  120. MENINAS…ATENTEM A SABIAS PALAVRAS. Acho que o poema abaixo deixa bem claro quem somos NÓS. O que a Danuzza escreveu…é o que ela é…são escolhas…LEIAM E ADMIREM-SE…BJS

    A BELEZA DA MULHER

    A beleza de uma mulher
    não está nas roupas que ela usa,
    na imagem que ela carrega,
    ou na maneira que ela penteia os cabelos.

    A beleza de uma mulher
    tem que ser vista a partir dos seus olhos
    porque essa é a porta para o seu coração,
    o lugar onde o amor reside.

    A beleza de uma mulher
    não está nas marcas do seu rosto
    mas a verdadeira beleza numa mulher
    está refletida na sua alma,
    está no cuidado que ela amorosamente tem (pelos outros),
    a paixão que ela demonstra.

    E a beleza de uma mulher
    com o passar dos anos, apenas cresce!

    Cedido gentilmente por Carolina Bárbara

  121. Kamila

    Nossa Rê, eu também relutei a comentar como a amiga daí de cima, mas eu também fiquei chocada com este texto. Assino embaixo em tudo o que vc disse, e além do mais com certeza essas pessoas que emagrecem e depois fazem críticas a nós mulherões e aos gordinhos no geral são as pessoas que mais tem preconceito (no caso de nós mulherões e fofinhos) e camuflavam isso através da uma falsa imagem de pessoa alegre e infeliz (bipolar, a palavra certa). Essa moça que escreveu esse infeliz texto, antes de ter operado o estômago, deveria ter operado a cabeça, pra ver se deixava de ser menos noiada e preconceituosa com os seres humanos. Todos nós temos o direito a felicidade, independente dos ponteiros da balança ou da circunferência dos nossos braços de formas arredondadas (ou deformadas, como queira a autora do texto).
    E pra finalizar, o total crédito para a sua última frase à crítica dessa moça.. A-D-O-R-E-I!!!
    Beijosssss!!

  122. Sah

    Re
    Parabéns pelo post … vc é simplesmente demais flor! adorei a resposta!

  123. Regina

    ela trancou o flickr, mas continua com o facebook aberto.

    http://www.facebook.com/danuzza

    boneca … de vodu!!

  124. Juliana Luz

    No mínimo ela tem algo mal resolvido… ( e acho q é referente a sexo..rsrs)…
    Mas vc arrasou em seus argumentos…
    bjks a todas.

  125. Priscila

    Estou enojada. Foi com muito custo que consegui ler o texto dela até o fim.

    Como ela mesma não se aceitava quando era gorda, conclui automaticamente que nenhum gordo é capaz de se aceitar. Isso se chama falsa indução, é um erro de lógica bastante comum e que, neste caso, só faz pôr em evidência a baixa auto-estima dela própria. Parece uma certa raiva de quem consegue o que ela não conseguiu, que é se aceitar e ser feliz com o próprio corpo. E raiva de quem tem o que nós não temos, pra mim, tem outro nome – inveja.

    Em tempo, eu sou magra e minha auto-estima não chega aos pés da de vocês. Também tenho inveja de vocês, hehe. Só que a minha inveja é do tipo construtivo, aquela que procura seguir o exemplo do outro em vez de destruí-lo. :)

  126. glaucia

    sempre que tenho um tempinho..dou uma passadinha nesse blog..que sinceramente acho o melhor…e cada vez que leio algum comentario seu…gosto mais e mais de vir aqui….também sou gordinha .. trepo gostoso a ponto de sempre ter que dar uma paradinha pro meu marido não chegar tão rapido nos finalmentes..kkk (e não tem haver com ejaculação precoce não… é que a transa é boa msm) e se essa “pessoa” precisa da magreza para ser feliz…só posso sentir pena dela e orgulho de nós mulherões!!!!

  127. Cara, quando li o primeiro texto fiquei sem reação, nem irritada, nem braba, nem sei lá. Só fiquei assim: “ãh?”. Tipo, pessoa achando normal falar assim dos outros. Bizarro.

    Daí li o segundo texto e quase rolei de tanto rir. Sério. Achei completamente patético. Essa pessoa, seja quem for, é completamente patética.

    Sem mais. haha

  128. Entendo e não entendo a Danuza. Entendo e muito as mulheronas. Acho que curvas e rugas sempre contam uma história. Mas hoje me sinto mal com meus quilos a mais. Acabei de provar duas peças, e fiquei horrível. Sim. Sempre fui gordinha. Nunca soube o que é usar uma roupa menor do ue 46. Só que hoje depois do Guilherme (meu segundo fofo, a primeira é a Ana Clara), minha barriga despencou – meu filho nasceu prematuro com quase 4 kgs… Essa história não é das melhores para se contar, em resumo eu fiquei grande. MUITO GRANDE. Antes eu tinha uma silhueta maior. Agora estou virada em barriga. É a primeira vez que me pego escrevendo sobre isso, talvez porque tenha encontrado o espaço certo. Não tenho coragem de ir pra faca. AMO COMER E CONFRATERNIZAR AO REDOR DA MESA. Mas preciso fazer algo por mim. Ainda não sei bem o que, mas quando eu descobrir conto!

  129. ana

    Eu axo q a danuzza esta certa, não existe gorda feliz! e ponto final.
    nada do q ela disse é mentira. é?
    se vc é gorda vc sabe q ela ta falando a vdd

  130. Fernanda

    Gente, essa é antiga história do macaco que senta em cima do rabo e fica olhando o rabo dos outros. Isso não acontece apenas no mundo do peso, mas reparem ex fumantes criticam fumantes como se nunca tivessem posto um só cigarro na boca. E mais um clássico exemplo são as pessoas que depois de tanto causarem neste mundo se convertem em alguma igreja e se acham no direito de sair apontando defeitros de outros(defeito na visão dela). AS pessoas tem a memória curta, eu costumo chamar de esquecimento “conveniente”.

  131. karla

    Essa senhora ai pode até estar feliz e se sentindo linda por fora por estar magra em 46 dias, mas por dentro ela é um lixo de gente. Quando fala parece uma lixeira aberta, com mts palavrões e palavras torpes. Lamentável o corportamento assim de alguém q trabalha na groupalia. E que “esquece” seu passado. Não concordo plenamente com o q diz, nem discordo totalmente, entretanto decência e respeito para ela tá faltando e isso nenhuma cirurgia retira.

  132. Nossa que mulher sem noção, mas adorei sua resposta a ela foi muito bem elaborada…rsrs.. Ela deve achar que todas as gordinhas são como ela mal amada e amarga…aff…Adorei o post muito bem escrito…bjs

  133. Pingback: International No Diet Day & Adivinha? Eu não sou um robô. « krasis

  134. Nossa Re essa menina ai, é foda em….
    Foi o que vc disse o que ferrou ela, foi o texto em terceira pessoa…
    Pois se ela se assumisse tadinha e ta se sentindo com 46 dias de cirurgia…
    Sei como é ser perseguida por alguem que operou…
    Pois hj me imponho,pois avida é minha , que perder alguns quilos mais ainda
    ter caracter pois caracter não tem peso…
    Infelizmente o mundo é preconceituoso,sei como é…
    Mas jamais ninguem ira dizer o que vou fazer ou não, so acontece certas coisas quando deixamos tenho 100 e poucos kilos, sou feliz, mulher me arrumo tenho minhas tristezas, sim sei que o mundo é injusto, mais faço minha parte não é obrigado a me amar, mas exijo respeito…
    amei o seu post…
    Estava lendo um livro de um pastor americano(não sou evangelica mas amo tdo e tdos que faz bem) ele dizia que infelizmente as pessoas as vezes que se enquadrar ser magra (suposição) e ficam infelizes triste, pois sim sou a favor a saude sempre mas s temos saude vamo embora,re bjão…

  135. Jack

    Acho que vocês estão exagerando…e nem pensaram em se colocar no lugar dela. Ela deve ter algo mal resolvido sim, mas como ela disse, ela chegou a um ponto que sexo, cadeira, roupa era dificil e acho que se vocês estivessem nessa situação também não iam gostar nada nada. Talvez ela tenha exagerado e achado que toda gorda é assim, mas ela tem o direito de se sentir péssima e botar para fora e foi a maneira que ela encontrou, do jeito dela. Errada, ela pode estar, mas quem aqui é o ser Certo e Absoluto? Sera que custa chegar nela, ouvi-la e até tentar mudar sua opnião? Vocês não leram a frustração dela? E estão ai, tacando pedra e em vez de ajudar alguém, como vocês provavelmente precisaram de ajuda para se sentirem aceitas com o seu peso. Ela provavelmente não ODEIA gordas mas ver uma gorda a lembra de todas as frustrações que passou e essa é uma maneira dela de esquecer essas lembranças.
    Alguém mostrou o blog a ela? Mostrou o quanto pode ser possível ser gorda e feliz? Que existe até um ponto em que é possível estar acima do peso e conseguir fazer sexo, sentar na cadeira, etc sem problemas? Alguém mostrou esse “mundo” que ela não teve? Então que tal fazer isso agora?

    • bianca

      eu concordo plenamente com voce,eu nao sou gorda nem magrela de mais sou normal,nao odeio gordas,pois tenho varias amigas gordinhas e bem bacanas,tem algumas meio chatinhas mais sao bacanas.
      nao ligo se ela e gorda importa e que ela seja uma otima amiga e nao ligue pro que os outros xinguem…
      valeu gente amei esse site vou mostrar a minhas amigas da faculdade.

  136. Chirlei

    Olá pessoal…
    Olha na verdade eu nem sei o que dizer, pois sou uma mulher com 37anos casada , mãe de duas meninas lindas , meu marido é maravilhoso mas sou totalmente infeliz…
    tenho 1,56 cm e peso 109 k e não consigo fazer dieta por mais que eu tente
    me sinto horrorosa ,ridícula,não acho roupas que me fique bem , que me sirvam ,me sinto a pior das mulheres, perdi a vontade de me arrumar
    eu vivo pra minha família, faço todas as vontades deles ,me visto na minha filha mais velha pois ela tem um corpinho lindo, me esqueci completamente de mim nem me olho no espelho, não tenho vontade nem de sair de casa me sinto um lixo e sem forças para lutar, sem apoio , totalmente só na minha tristeza :(
    bjos a todas vcs e QUE DEUS REALIZE TODOS OS DESEJOS DO SEUS CORAÇÕES

    • ashley

      Eu nao sou gorda,tenho 24 anos,tenho 3 filhos,um marido otimo,uma casa aconxegante e um cachorrinho golden retriver filhote chamado boris.
      eu adoro gordinhas ela sao charmosas nao sao so osso igual aquela magrelas horriveis,as gordinhas pra mim soa mais legais,simpaticas,elegantes,fofissimas,ate inteligentes.
      Entao nao me importo de ter amigas gordas,mesmo que falem olha so a Ashley ta saindo com gordonas…
      Nao vou nem ligar vou sair andando e vou ignorar.
      quando eu era criança,mais ou menos um10 ou 11 anos de idade eu tropecei numa pedra e teve que enfaixar o rosto por 2 meses,todo mundo dizia i olha la a Ashley quebradiça,eu sempre ia pro banheiro feminino chorar.
      Mas chegou um dia que eu nao liguei mais a palavra que me ajudou foi IGNORAR e a coisa que me deixou felizfoi meus 3 filhinhos,o derech de 8 anos,o tonny de 12 e o brawlliuns de11.
      ENTAO UM BEIJO A TODAS AS GORDINHAS DO MUNDO!!!!!!!!!!!!ADORO VCS

  137. DaniDaniRJ

    Pára! Que mulher é essa?
    Fico revoltada com esses pensamentos….
    Só pq vc se odeia, nao se aceita, todos serão assim? Não pára com isso!
    Ela mesmo estando magra vai se odiar, esse tipo de gente é assim fazer o que?
    Não vai adiantar nada emagrecer 40 quilos que seja!

  138. cida faustino

    puts ,olha eu ja ouvi muita coisa sobre preconceito ,ja servi de ponto de referencia sim ,fiquei brava .. claro .. mas eu me amo e sou amada e sou feliz ..minha vida nao se resumi na balança .. tenho um marido que me ama ,vive me apertando me disendo q sou gostosa ,se orgula em me apresentar pra todo mundo como sua esposa .. sou bem amada vou a praia coloco biquini ,achou feio nao olha queridaa ,tem tanta mulher sarada la pra olhar ,pq olhar pra mim ,deixa eu pular ser feliz xaqualhar minhas bainhas !!!! kkk adorooooo sou gorda ,sou feliz e coneço muita magra q e mal amada …eu tenho uma amiga q eh linda gostosa mesmo boazuda ,ela e minha amiga a 20 anos e sempre foi linda ,eu sempre fui mais gordinha q ela ,mas ela infelismente nunca teve sorte no amor ,sempre traida ,hj em dia ela e casada mas seu marido nao a trata bem ,ela noa e amada e olha q ela e muito linda sem EXAGERO .. ela sempre me fala que eu q sou feliz e tenho sorte pq a beleza dela o corpo dela nao fazem ela ser mais feliz do q eu … e isso .. bjus mulheroes e magrinhas !!!!

  139. CLARICE BORGES

    estou bem atrasada para da minha opnião, mas vou da.
    fico chateada com pessoas que querem que suas opniões sejam as nossas também, sou gordinha sim, sexy como sempre falo, me amo e muito e tenho quem me ame , pelo que realmente sou. me casei há dois anos atrás com um homem lindo modesta parte, magro ,negro ,capa de revista como ele fala e me ama gordinha como sou e sempre serei!!!!! pessoas assim sempre serão feias gordas ou magras!!!!!! estou revoutada com essa mulhesinha. tenho uma colega de trabalho exatamente assim como ela !!!!!!!pobre de amor proprio!!!!!!! bjs da gordinha mais sexy de itaguaí rj

  140. Ianne

    É revoltante ver o que essa moça escreveu!!Eu sou gorda,me acho linda e não tenho problemas com a minha forma física,infelizmente os outros é que veem o meu fisico como um problema.Conheço pessoas que fizeram a redução de estomago e que hj pensam como a Danuza,mas o que elas ainda não perceberam é que mudaram quando emagreceram em tudo,o que mostra que não tinham personalidade…realmente uma pena!!
    Acredito sim que existem homens que gostam de gordas….tanto é que namoro um lindo homem,loiro de olhos verdes,muito cobiçado pelas “magrinhas”,mas que a seis anos está comigo.

  141. Adriana

    Se essa Danuza realmente estivesse feliz após a cirurgia, não se incomodaria com o fato das nossas bundas caberem nas cadeiras ou não…isso é despeito puro…Estou 24 quilos acima do peso, já namorei bastante – sempre fui gordinha, e sempre namorei com meninos magros e bonitões – hoje estou noiva de um homem maravilhoso e nos amamos muito!
    DEixa ela…enquanto ela se remoe, nós namoramos, transamos, comemos o que temos vontade, vivemos a vida!!
    Cuidar da alimentação por saúde, não por preconceito!!

  142. Lili

    Olá.
    Essa moça na verdade não está feliz coisa nenhuma,muito pelo contrário só alguém de mal com vida para se expressar de uma maneira tão arrogante e agressiva,se ela realmente estivesse em paz,feliz,ela usaria seu texto para incentivar outras pessoas a cuidarem de suas saúdes ao invez de atacar os gordinhos dessa maneira tão horrível.Tenho pena dela,sinceramente,eu estou perdendo peso,por minha saúde porque tenho colesterol,e sou obesa mórbida com 41% de imc,quero emagrecer
    mais…POR MINHA SAÚDE,MAS ACEITO MINHA CONDIÇÃO DE GORDINHA,PORQUE SOU GORDINHA DESDE QUE NASCI E ME AMO ,POR ISSO QUERO ME CURAR DO COLESTEROL E DA OBESIDADE MÓRBIDA.

  143. Juliana Marins

    Cara, na boa, geral falando que a tal Danuzza manda mal, que foi isso ou aquilo em seu texto… O fato é que o que ela disse é verdade. Fui gorda a minha vida interia, tenho 1,53cm e cheguei a pesar 94kg. Hoje, com 62kg, vejo como as coisas são. Continuo gordinha, mas agora as pessoas não me olham com pena. O fato é que o padrão é tão escroto, que pessoas que estão um pouco acima do peso se consideram obesas mórbidas! Gente, sério: só quem é obeso de verdade sabe o quanto é difícil não conseguir sentar direito no ônibus ou no metrô, porque está ocupando o lugar ao lado também. Isso é constrangedor pra caralho! Nunca aconteceu comigo, nem mesmo quando eu era mais gorda. Então, não dá pra falar com propriedade. Pode ser que uma ou outra pessoa que tenha se manifestado contra a tal Danuzza seja obesa mesmo, mas acredito que a maioria seja de meninas “gordinhas”… Na boa, acho que isso é a maior banalização do sentimento dos outros. O texto é realmente agressivo, até ofensivo, eu diria. Mas é verdade. A sociedade é ofensiva. O padrão é ofensivo. É ofensivo pra caralho tratar uma doença – porque obesidade, queridas, é doença – como “falta de autoestima” ou “desleixo”. Vamos parar de crucificar a Danuzza e olhar pra nós mesmas. O que vcs acham que estão discutindo, fofas?

  144. Douglas J. Almeida

    Boa tarde meninas ! Não sei se homem pode postar aqui, comecei a ler porque achei o artigo interessante. Se não puder peço por favor ao moderador do blog que apague esse comentário. O fato é que ao ler esse texto percebo ainda mais a insatisfação das pessoas em relação ao próprio corpo, e não é só o pessoal obeso que se sente inseguro. Infelizmente vemos hoje a busca incansável pelo corpo perfeito, o que faz com que pessoas busquem métodos cada vez mais radicais. Eu era muito magro, comecei a malhar, me alimentar melhor e obtive um bom resultado. Já um amigo meu partiu pro uso de anabolizantes, ficou “sarado” em dois meses e depois descobriu que a “ferramenta de trabalho” ja não funcionava mais. Outro dia navegando entre os canais da tv acabei por ancorar em certo programa chamado “Dr. Hollywood”. Eu não tinha idéia do quão brutal é uma lipoaspiração na qual a pessoa fica em uma maca sendo tratada como carne de açougue. E tudo isso em busca de um corpo que torne a pessoa feliz. É claro que é mais demorado, mas será que não vale mais a pena exercícios e boa alimentação ? Tenho certeza que sim ! Não posso ser hiprócrita e dizer que não me importo com minha aparência, eu quero melhorar, colocar uma roupa e me sentir bem. Afinal de contas quem não quer ? No entanto não posso depositar meu grau de felicidade no formato do meu corpo. O corpo esta sempre mudando e com certeza daqui a algum tempo a lei da gravidade vai acabar derrubando tudo (risos). Quando isso acontecer quero continuar sendo feliz como sou hoje ainda que não tenha mais uma barriga tanquinho (risos de novo). Infelizmente lutamos para sermos aceitos por uma sociedade que nem mesmo sabe o que quer, muitas vezes nos esforçamos tanto para melhorar o exterior e deixamos de lado nosso coração e nossa mente. Eu até posso tentar melhorar minha aparência na medida do possível é claro, sem loucuras nem exageros. Mas com toda certeza eu tenho a “obrigação” de melhorar minhas atitudes. Deixar de lado pensamentos egoístas, parar de olhar para meu próprio umbigo e estender um pouco mais a mão ao meu irmão. Eu sei que infelizmente ainda existe preconceito em relação as pessoas acima do peso. Mas querem realmente saber ? DANE-SE !!! Ninguêm tem que ser ou não aceito por mera aparência física, por uma casca que é pó e ao pó tornará. As pessoas tem que ser aceitas pelo carater, honestidade, educação, compaixão, amizade, valores esses que estão acima de qualquer corpo sarado, lipoaspirado, siliconado ou anabolizado. Este mundo em que vivemos esta precisando e muito de pessoas providas de uma beleza verdadeira, aquela que aconchega, que aquece os corações e não uma beleza escura fria e vazia. Um super abraço e que Deus abençoe todas vocês !

  145. Larisse

    No minimo deve ser o marido dela que trai ela por ser essa pessoa tão fria e que se acha nem ta magra ainda, parabens pra ela que ela continue assim, e vai ficar sozinha

  146. eu estou em reeducaçãa alimentar, emagrecendo por causa de pessoas com essa…perdi muito último emprego por ser gorda!

  147. anonima

    Gnt tenho 16 anos e luto contra a balança desde os 12,com 12 eu tinha 1,58 e pesava 63 kg,depois com 14 e a msm altura 70kg vcs acham que era legal?eu já tinha quase 15 e nunca havia beijado nenhum garoto,dai decidi dar um basta após levar um FORA daqueles fechei a boca fiz mtos exercicios e fiquei com 55 kg conheci um garoto e beijei ele namorei ele por 6 meses e quando começamos a namorar comecei por precaução a tomar um regular que me fez engordar 11 kg e advinhem?ele me trocou por uma magrinha…me xifrou com uma magrinha emagreci de novo e conheci meu atual namorado com 55 kg agora to com 59 e 1,63 mas hj comecei uma dieta já q vida de gordo é uma merda e detalhe meu ex tinha 1,70 e pesava 110 kg ele era um obeso e eu era gorda mas nunca fui obesa a sociedade aceita homens gordos não mulheres…existem sim homens que gostam de gordinhas mas eu nunca conheci nenhum…eu particularmente concordo com parte das coisas que danuzza disse..não tudo mas realmente eu não consigo me acostumar com isso

    • Fernando

      Seguinte, o preconceito tbm existe com homens gordos..
      eu sou um ex gordo e posso afirmar isso com certeza, as meninas se interessam bem mais por mim agora

  148. karolinne

    Sou gorda , tenho 120kg,vou fazer redução em janeiro e concordo com Danuzza, as gordinhas sao ipocrítas quando dizem :- sou feliz assim, nao faço cirurgia pq me amo! sera que ficam felizes em entrar emuma loja e nada caber em si, nenhuma roupa de marca da qual vc acha incrivel nao ter o seu tamanho..ou melhor nem te atenderem ao entar na loja…ou qdo vai ao shopping na praça de alimentação e todos olharem vc comendo…sejam mais verdaderas com si mesmas, quando se é gora as pessoas passam e falam :-nossa que baleia , nao quero ser assim! quando se esta magra : – nossa que linda, que roupa linda! tudo se encaixa pra quem é magr, a vida …o mundo , voce muda! se sente mais confiante…naos vejo a hora de fazer minha cirurgia…e poder me sentir melhor! beijos a todas

  149. A mina avó disse que o meu professor de ballet tinha dito que eu estava a ficar gorda , mas eu fiquei preocupada porque ninguem tinha dito isso. Estou muito aborrecida. Eu gosto de uma pessoa, um rapaz que uma das minhas melhores amigas anda com ele. A minha melhor amiga é bonita , alta e magra.
    Eu acho-me normal, mas talvez algumas pessoas não acham.
    Eu adoro o ballet, mas também tou lá para fazer exercício. Faço todos os dias, tenho cuidado com a minha alimentação e as vezes repito os pratos.
    Não sou eu que faço o comer, mas a minha mãe, quando lhe contei ela disse que eu eu era bonita , alta e magra como a minha melhor amiga.
    Sou estou a deixar uma menssagem porque, é um pouco estúpido falar sozinha, mas também para desabafar os nervos.
    Espero que o meu professor de ballet mude de atitude. É A única pessoa que conheço que me disse isso. Mas isso vai acabar.

  150. Eu tenho muitas amigas um pouco gordas, e tenho pena delas.
    Conheci uma amiga que era muito gorda.
    Desde que entrou para a natação ficou magrinha.
    Mas eu tambem ando.
    E a quem for gordo faça nataçao.
    é um concelho!

  151. CLáudio Timóteo

    As mulheres magras sao cheias de tique acham q nao podem comer isso ou aquil pq vao engordar e se acham a ultima bolacha do pacote nao gosto de magras so de mulher gorda .

    • Amanda

      Nada a ver. Pelo menos as magras que eu conheço comem feito boi e não engordam uma grama sequer. Se vc reparar bem, são as gordas que ficam cheia de tique achando que não podem comer isso ou aquilo pq vão engordar (elas são gordas pq comem escondido, quando ngm ta vendo). E se vc encontrar alguma magra cheia de frescura pra comer, com medo de engordar, pode saber que ela já foi gorda um dia.

  152. Amanda freitas

    Gente pra que tanta hipocrisia?????????? Quem gosta de ser gordo? Quem se sente bem em uma roupa gg? Quem dorme em paz acima do peso? O prazer instantaneo de se fartar de comida não vale o desgosto de estar gordo……………… Não existe na fase da terra gordos felizes, esse lance de “estou bem no meu corpo” é desculpa pq não consegue emagrecer……..Olhem no fundo e digam se não é verdade.

  153. marcelly vargas

    Bom dia, meninas
    Tenho 35 anos, 2 filhos lindos, um marido de parar o trânsito, emprego, amigos… e todo este blábláblá de quem está de bem com a vida. tenho 1.70m e sempre fui a gostosona da galera. alta e com medidas equilibradas. em 2009, passei por uma depressão monstro q me trouxe com20kg a mais. engravidei e engordei mais 25kg e passei a conviver com a realidade de ter 45kg a mais. 1,70m de altura e 118kg. isso n é ser gordinha. é obesidade mórbida. obesidade grau III. remédio para pressão alta. resistência a insulina. joelho destruído. dor nas costas. medo de n caber na cadeira de plástico. medo de quebrar a cadeira de plástico. agarrar na roleta do ônibus. dormir mal. sexo ruim. autoestima lá embaixo. infelicidade. fui perdendo a alegria. a vontade de viver. n entendia o discurso “gordinha feliz”. pq a minha realidade era outra. preconceito. vexames. roupas q n cabiam. olhares de repulsa. tomei a decisao mais dificil da minha vida. em abril/11 decidi operar. muitas pessoas foram contra. ouvi de uma amiga q eu n tinha vergonha na cara. q era só ir para uma academia perder meus 50kg a mais. ouvi q eu tinha q me conformar. as mudanças naturais da vida. cm assim natural ter 50kg em vc q n estavam no plano??? bom, operei no dia 19 de abril de 2011. qse 8 meses já se passaram e eu emagreci tudo. hj eu tenho os mesmos 1,70m e 69,5kg. a proporção entre massa magra, gordura e água no meu organismo é perfeita e meus exames indicam q está tudo ótimo, nem mesmo anemia. então vamos falar sério?? vamos ser sinceras???? na situação em q eu estava n era possível falar em felicidade e eu n sinto saudades nenhuma daquele peso todo. n consegui trazer para a minha vida o discurso da gordinha feliz q se aceita e, particularmente, n acredito nele. n vejo felicidade em estar pesando 120kg, n conseguir comprar roupas legias, lingeries e biquinis. e qdo enontrava coisas legais eram absirdamente mais caras. eu n odeio as gordinhas, eu odeio a hipocrisia. ser gordinha é uma coisa, estar com 10 ou 12kg acima do peso normal, vai lá agora ser classificada como obesa grau III???? me desculpem meninas, mas n pude ser feliz naquela forma. n pude, n consegui e n me arrependo da redução.

  154. Fernando

    ola, estou pela primeira vez aqui e achei bem legal o que vc escreveu..
    essa tal de danuzza aí é muito sem noçao..
    eu acho que pessoa que faz isso é porque esta muito mal consigo mesmo e nao sabe o que fazer para melhorar..
    mas entao, eu sou um ex gordo.. nao era tao gordo mas emagreci 12 quilos e estou no peso certo agora..
    minha vida mudou muito, me sinto muito mais auto confiante..
    larguei minha namo pq acho q nao gostava dela, mas um dos motivos foi que ela tava acima do peso..isso realmente me encomodava muito..eu nao disse isso pra ela pra nao magoar, mas acho q ela percebeu..
    eu gosto de mulheres magras e qdo eu namorar de novo espero que seja com uma magra… mas nao é por isso que saiu ofendendo quem é gordo..
    acho q é uma opçao da pessoa, ou porque a pessoa nao consegue emagrecer mesmo.. entao é muita sacanagem ficar ofendendo os outros assim..

  155. Jaqueline

    Primeira vez aqui…pelo que li e entendi…Danuzza meio que desabafou colocou pra fora aquilo que lhe fazia mal, tenho certeza que ela não quis ofender ninguém…não a conheço não sigo o blog dela nem sigo esse blog, mas não gosto de ver pessoas sendo injustiçadas, e é isso que vocês estão fazendo com ela, liberdade de expressão…como ela tem o direito de pensar dessa forma…todas nós temos o dever de respeitar opiniões diferentes das nossas, pelo que li ela tbm respeita o diferente, boom eu já fui magra, engordeei, estou quse voltaando ao meu peso de seempre e quer saber super respeito vocês que se dizem feeliz com suas curvas mas eu prefiro ser magérrima como sempre fui e estou voltando a ser, uma coisa é certa, a gostos e gostos, então não teem enrosco, e outra extremos nunca são bons”ser magra demais ou gorda demais” vamos combinar não a saúde que aguente.

  156. JOYCE

    HHAA NÃO ACHEI NADA DE MAIS NO QUE ELA FALO ELA TAVA FALANDO SOBRE ELA GENTE PRA QUE SE OFENDER DEIXA ELA

  157. lady

    Eu perdi 25 kg mudando meus hábitos alimentares e suando na esteira. E realmente, é impossível ter a mesma conduta com 25 kg a menos. Mas essa mudança tem de ser positiva, assim como tudo que cerca essa transformação tão importante!
    Ficamos mais seguras, mais tranquilas em relação a situações que poderiam nos trazer desconforto anteriormente, ficamos mais sonhadoras, mais deslumbrantes! Não deixamos de ir a uma festa porque no jantar daquele dia devoramos uma galinha inteira (milhões de desculpas esfarrapadas!). Vivemos mais intensamente, com menos culpa, chupamos um sorvete na rua sem medo de ser apontada. São coisas simples, mas que refletem os verdadeiros motivos que nos levaram a almejar um corpo mais magro e “normal”.
    Me admira essa moça dos posts, que já passou por tudo isso, metralhar quem ainda está tentando ou quem realmente não se importa com isso.

  158. Kerolin

    Tenho 20 anos,ate os meus 17 anos eu era magra,agora estou acima do peso, e to sofrendo tanto,por causa do preconceito,a poucos dias atras eu tive a pior decepição da minha vida,meu propio pai virou pra mim, e disse que eu não podia terminar com o meu namorado,porque é muito dificil eu arrumar outro,porque sou gorda,achei isso um absurdo,meu mundo caiu,sai de casa chorando,fiquei andando sem rumo,as pessoas gordas sofrem mais preconceito por familiares do que por pessoas na rua(pelo menos é meu caso)!.Comecei a procurar sobre gordinhas na internet,e achei esse site, e me identifiquei com ele,tantas pessoas sofrem preconceito,quando li oque Danuzza escreveu,fiquei passada,ela que ja passou por todo preconceito,agora esta sendo preconceituosa??
    Eu so lamento por ela,prefiro ser gorda e ser uma pessoa boa, de bom coração,do que emagrecer e ficar futil,arrogante,hipocrita,todo mundo tem o direito de dizer oque pensa,mais ninquem tem o direito de ofender,magoar, e ela so tem que pensa uma coisa, ” a vida é uma roda gigante um dia a gente ta em cima no outro estamos em baixo”

  159. Viviwakita

    Choquei… Gente, ja fui magra, muito gorda, agora gordinha, e na boa… Amo comer… ser magra e amarga… sera que vale a pena? Quero sim perder mais uns quilinhos, mas devagar, sem radicalismo e sem perder o bom humor… Me vi no lugar da Danuzza e eu tb estaria como ela, amarga e revoltada com aqueles que se aceitam e se amam e comem o que bem entendem…. coitada, liquido e gelatina, eu surtaria
    tb rsrsrsrs.

  160. luciana

    gente choquei.. eu tbm pesava 60 e agora engordei 32 mais eu me acho sim um mulherão .. acho que essa danuzza e fraca da cabeça porq optar por redução caso tão simples. mais se fez bom pra ela agora ela pode mostra o tipo de pessoinha que ela sempre foi..

  161. Pingback: Gordas que odeiam ex-gordas |

  162. Dessa

    eu entendo o que ela quer dizer com comer até morrer. E não levem pro lado mais ruim e ofensivo.Meu marido ( lindo, que adoro, como o qual o sexo é ótimo, e além disso é muito charmoso sendo gordinho – não sei se vcs conseguem entender isso, é parte do estilo dele, junto com a barba e as tatoos) precisa perder peso para tratar-se de uma doença hepática que tem grandes chances evoluir para um câncer.Mas não quer parar de comer o que gosta e nem fazer a cirurgia de redução de estômago. Casos assim não são casos de comer até morrer? Eu nem imagino ele magro, mas quero envelhecer com ele. Mas pra ele deixar de comer o que gosta está fora de cogitação.

    • Rose pin up

      Genteeee,que coisa feia,esta mocinha fez,bom,alguém já achou o cerebelo dela?porque o cerebro, este já era. Sou gordinha sim,se eu fosse magra é obvio que seria melhor.mas me conheci assim,e foi este o corpo que Deus me deu.sempre estou fazendo algo para me satisfazer e estar bem comigo msm.gosto de comer siiiimmmmmm,tomar um bom vinho,me esbaldo nos churrascos que amo muito.mas nem por isto deixo de cuidar da minha saude.vou a praia siiimmmmmmm,querem olhar olhe aproveitem.(ainda pensso,credo,onde este povo mora?nunca viram um gordo!)sinceridade é uma qualidade,queridinha,mas no teu caso, nao pegou bem!ficou no ar uma dor de cotovelo mal resolvida….aaaai.bom deixa eu preparar meu jantar.que logo mais, meu homem chega.e mais tarde ele tera uma surpresinha…vou botar aquela langerie siiiimmmmm com todo este 120 kg.e sabe que ele diz “vem pro papai”.entao quem acha que gordo nao e feliz.melhor rever alguns conceitos do que é se feliz.gente tá dado o meu pitaco.essas pessoas infelismente nao da pra se levar a serio.é comum viu,pessoas com penssamentos iguais aos dela, tem,e muito.big fat kiss.

  163. Luci

    Oi. Bom dia.
    Nós obesas não somos atraentes. Tenho 28 anos, 97 KG , 1.67.
    Sim, obesidade tipo I. Meu peso ideal é 62 KG, segundo a OMS, mas, quero pesar 58KG. Estou perdendo peso, já perdi 10 KG, graças ao uso de sibutramina, há dois meses. Posso ficar um dia sem comer e sem sentir fome. Não tenho pressão alta, a minha é baixa, não tenho diabetes, nenhuma doença associada a obesidade, nem colesterol alto, nem glicemia alta, nada.Só quero perder peso, para não sofrer mais com o preconceito.
    É uma grande verdade o que ela disse, isso, a maior prova que sou virgem. Por causa da gordura.
    É uma grande verdade, isso, a maior prova que sou virgem. Por causa da gordura.
    Me revolta vê o pessoal falando que aparência fisica não é importante. Que o homem só liga para a beleza interior. Mentira pura. E sinto pena das pobres coitadas que acreditam nisso… pena mesmo e ódio das pessoas que perpetuam isso, queria dar um tiro nelas, para pararem de propagar tais mentiras e asnices. Nós somos monstros, MobyDicks, barris de Chop, rolhas de poço, Pig, Big e etc. Por sorte, tive humilhação pública na faculdade e perseguição de colegas da turma, na época, que escreviam isso e muito mais na parede, na lista de chamada, vaiavam-me quando entrava e praticavam tiro ao alvo comigo.
    Eles estavam fazendo-me um favor, mostrando a visão dos homens para pessoas como eu. Tanto, que não nutro ódio e agradeço á eles, pois graças aos 4 meses assim, pude remover quaisquer vendas de meus olhos, que me cegavam para a verdade.

  164. Luci

    Claro, chorava escondida no banheiro da faculdade, quando era demais, mas, mesmo assim, não deixo de agradecer a eles por abrirem meus olhos. A única reclamação que tenho, é que podiam se limitar as bolinhas de papel ou no máximo a borrachas macias, pois, giz doía e doeu muito mais, quando jogaram o apagador.
    Na outra faculdade, anos atrás e a atual que faço, rolou esse assunto na aula, a colega falou que a amiga gorda dela pegava rapazes bonitos, que queriam sair com essa amiga dela. Eu disse que eram pobre coitados. Afinal, só 3 motivos levariam um homem a sair com uma gorda:
    Embriagado, louco e desesperado, bem desesperado, pois na falta de carne de primeira, vai de terceira, como comentou em um dos seus textos, mas, não são todos os homens que degrinem a si mesmo, só por isso. Afinal, é falta de amor próprio.
    Meu amigo no msn, bem, pega garotas bonitas e enviou um link de um video de uma gorda, falando que a pegaria. Meu, ele é meu grande amigo, mas, falei que não precisava ficar desesperado. Ele disse que era preconceito meu com pessoas iguais a mim… mentira.Tive que encerrar a conversa, senão o magoaria e acho imperdoavél fazer isso com ele.
    Mas, ela está certíssimo e se tiver pessoas falando que isso é preconceito, não é assim… manda elas tomarem lá, pois são sonhadoras e não vivem na realidade. São umas FDPs bestas, que propagam mentiras, enchendo a cabeça de gordas como eu de ideias tolas e mentirosas. Por sorte não sou imbecil de cair nisso e agradeço de ver programas de comportamento humano.Como a experiência feita no metro.

  165. Luci

    Colocaram duas atrizes. Uma linda, aquela desejada pelos homens (normais) e outra o contrário desta, aquelas gordas. Tinha um relógio e numa estação de trem lotada. Queriam saber quanto tempo levava para alguém ajudar cada uma delas, que simulariam subir com malas pesadas um lançe de escadas consideravél.
    A magra, claro, em menos de 1 minuto, apareceram dois homens para ajuda-la, que subiram com as malas e ainda teve outros, que ela pediu dinheiro, contando uma história triste e eles ajudaram.
    Já a obesa. Passou-se 50 minutos e ninguém a ajudou, só duas mulheres que a ajudaram com mala.
    Estudos de comportamento mostram isso, pessoas obesas com mais de 28 anos ainda virgens, demonstram isso.
    Isso que muitos acreditam é conto de fada… Pessoas que acreditam em duendes e gnomos. Acordem para a realidade! E quanto a vocês que acham isso besteira. Parem de estimular o sofrimento de quem está acima do peso, que se engana ao ler esse texto e no final, sofre como eu sofri e que continua sofrendo… Vocês fazem mais mal do que bem estimulando mentiras, que aparência fisíca não importa. É legal ser gorda, bem aceita.. Aí vai as coitadas tentar relacionamento e se ferram. Ou conseguem, mas, o rapaz por falta de opção, pois as bonitas são exigentes demais e portanto, se uma gata der atenção para ele, ele dá um pé na bunda da gorda, como já vi acontecer ou se é casado, trai com uma magra. Tento alertar para a verdade e que as pessoas lutem, como eu estou lutando contra a balança, mesmo tendo a saúde Ok, pois já fiz exames e estão normais. Tenham um ótimo dia e espero que minha história de vida e experiência possa clarear a verdade acerca do mundo.

    • renatavaz11

      Lu,

      Lamento por suas péssimas experiências de vida, mas já conheci muita gordinha bem-resolvida e bem amada. E não conseguiram homens desqualficados que as magras não queriam, muito pelo contrário.

      Acho ótimo que vc emagreça, que busque mais saúde etc. Mas não faça das suas experi~encias fracassadas a regra para todas as mulheres acima do peso.

      Abraços,

      Renata

      • Mona

        Gente, isso aí é falta de ferro, potássio e Pikaa!
        Tenho IMC 32, Pouco menos que essa mal amada que tem IMC 34…
        Não sou virgem e não deixo de ser ajudada no transporte por causa disso!
        Ser gorda não é motivo para ser baranga!
        Academia, unha, cabelo, e maquiagem estão aí para serem usados!
        Eu não perco peso na academia, mas me mantem bem condicionada e durinha, o que para mim é suficiente.
        Sou bem resolvida com meu peso, e isso não tem preço!
        Um tempo atrás perdi 10kg e nem sabia o que fazer com tanto homem no meu pé… nem me empolgo porque quem gosta de mim, gosta magrinha, e gosta gordinha.
        Se as pessoas da faculdade fazem isso com você é porque você deixa!
        Se você fosse magra iam te chamar de baixinha, iam falar de alguma coisa: aparelho, óculos, roupa…
        E iam te zuar da mesma forma, simplesmente porque você não tem auto-estima.
        Aprenda a sair, se divertir, encontre amigos de VERDADE, às vezes mudando o padrão emocional a ansiedade diminui, a frustração também e isso ajuda até perder uns quilinhos!
        Tendo amigos, vida social, rapidinho você sai dessa e arruma um cara legal!
        Vai fazer uma trilha, botar essa gordura para se mover onde você possa encontrar pessoas melhores do que na sua faculdade.
        Tenho um amigo Li-ndo (ex gordinho) que casou com uma gordinha (bem gordinha) e que ela é o mundo dele, não olha nem pro lado, não trai, só AMA!
        No dia que você parar de tratar os outros com superficialidade e pela aparência, talvez encontre alguém que também goste de você pelo que é e não pela sua aparência!

        Fica a mesma dica para você e para a ex-gorda aí de cima:
        Não adianta emagrecer e ser podre por dentro!
        Que ninguém vai querer do mesmo jeito e vocês vão perceber que o peso não era o único motivo.
        Vivam mais leves e felizes, faça o bem que o resto vem!

        ^^

      • Aline Evelyn

        Concordo com a Renataz11:
        “Acho ótimo que vc emagreça, que busque mais saúde etc. Mas não faça das suas experiências fracassadas a regra para todas as mulheres acima do peso!”
        Não deixe que suas frustações te deixem amargurada. Sou gorda, meu IMC está em 34, e ainda assim sou feliz… Nunca fiquei com homens frustados ou por estarem bêbados ou por ser a última opção! Ditar suas “regras” pra todas as gordinhas é querer que todas sejam amarguradas e se encaixem nas regras da mídia (ou seja, ser uma mulher fruta ou uma modelo anoréxica)

  166. Sandra Cardoso

    Nossa como essa Danuzza é perturbada :x, q horror, só pq é e foi mal amada, fica atacando as pessoas q se sentem bem do jeito q são, sinceramente, isso é INVEJA, pq ela não se aceita e nós somos lindas e nos amamos, os nossosos parceiros nos amam como somos, sim nós vamos a praia, e somos convidadas pras festas sim, só consigo dizer pra ela, COITADA, TENHO PENA DE VC!!!

  167. Liliangela

    TO BOOOOBA!!! Fala serio,fiquei com muita pena desta danuzza,infelismente ela é tristonha,acho meio dificil ela mudar,mesmo porque parece ter o interior de sua alma anorexa,preconceituosa ao extremo.

  168. Ayeska Domingues

    “Minha bunda ainda cabe na cadeira, trepo maravilhosamente bem, sou super fashion e ninguém me ofende ou me humilha, porque sou um mulherão.!” NOSSSSSSA! FALOU TUDO!

  169. Soraya R. Feghali

    De boa, eu sempre fui “gordinha”,”cheinha” e sofri muito bully na escola por causa disso, hj tenho 24 anos e peso 77kg e estou muito bem com isso! Não precisei ser magra para ter um namorado lindo e maravilhoso que me quer como eu sou e nem ser magra para ter grandes amigas que tenho (gordas,magras,negras,altas,baixas, tenho muitas diferentes entre si.).
    O que importa na pessoa não é se ela tem um padrão de beleza que a sociedade impõe e sim se ela possui “conteúdo”.
    Uma vez não me promoveram no emprego por eu não ter o tal padrão de beleza e promoveram a garota magrinha,loira e de um corpo estrutural. Sabem o que aconteceu? Merda, a garota tinha um corpo mas não um cérebro para o cargo e eu acabei sendo promovida e ela desceu de cargo.
    Beleza exterior não é tudo nesta vida. O que conta é o conhecimento e o caráter da pessoa e não a balança ou o número do manequim.

  170. Sabe o que acontece? Existem pessoas que são tão mal amadas, tão amargas e infelizes que acreditam que a única forma de serem aceitas pelos outros é se igualando aos outros. E se a moda hoje é ser magra, querem ser magras para serem aceitas também. E sabe porque fazem isso? Porque são vazias, amarguradas e mal amadas!!! E o pior. Quando veem alguma gordinha se dando bem de forma como elas nunca deram em seus momentos “plus”, praguejam e falam que é falsidade. Mas é claro, a gente não pode falar do que nunca viveu!!!!!!

  171. Aline Evelyn

    Olha… achei o cúmulo do absurdo esse texto dessa Danuzza!
    Ela é no MÍNIMO mal comida, mal amada, deve ter levado chifre quando era gorda, não pelo fato de ser gorda, mas pelo fato de ser essa “delicadeza de pessoa”… ou como vc disse Karla, deve ter tomado um toco de alguém que não a quer nem gorda nem magra!
    Sou gorda, vou me casar, meu noivo treme de pensar que quero emagrecer, AMO BRIGADEIRO!
    Se magreza fosse sinônimo de felicidade, não tinha tanta menina morrendo de anorexia, se matando……
    Não estou fazendo apologia à obesidade…
    Mas, me falar que gordo não é feliz?! Não mete essa!
    Sou gorda e sou feliz SIM ;)

  172. angela

    COMO EU NÃO SOU UMA GORDINHA BOAZINHA E SIMPATICA
    DESEJO A ELA QUE DAQUI ALGUNS POUCOS ANOS TODOS OS QUILOS PERDIDOS RETORNEM EM DOBRO.QUEM ACHAR ACHOU.
    NÃO É ATOA QUE ME CHAMAM DE BONITA MAIS ORDINARIA SEMPRE KKKK

  173. Paula Christina Oliveira Rodrigues Alves

    A gente tem q saber usar as palavras. A Bíblia mesmo diz q a lingua pode causar danos terríveis. E olha q na época que foi escrita não tinha toda essa liberdade de expressão, nem essa exposição toda q a Internet dá à opinião das pessoas. A gente tem q saber falar sem desrespeitar ninguém. Até porque a verdade é relativa. O que é verdade pra você pode não ser pra mim. Ela se sentia humilhada. Eu nunca me senti humilhada por ser gorda. Já ouvi comentários maldosos. Mas isso gente magra também ouve. Só muda o assunto. Ela deixou bem claro que engordou pq passou por problemas qdo era magra. Quer dizer… mesmo magra ela tinha problemas! O problema dela é mais complexo do q quilos na balança.

  174. IZABEL SILVA

    Fez cirurgia mas não tratou o principal: a cabeça.
    num passo de mágica, em 45 dias, magra, com o passar dos anos, gorda novamente
    Quantos casos desse eu conheço? Só lá na clínica que eu faço tratamento isto são 10% dos pacientes e há casos de gastroplastizados duas vezes
    E também há gente que emagreceu 40 kg e entrou em depressão.. sabe porque?
    A FELICIDADE NÃO ESTÁ NA MAGREZA….

  175. cibele

    é digna de pena uma pessoa desta… precisa mais que perder peso .. precisa amadurecer … e pensar que se sentia humilhada e inferiorizada por ser gorda .. e mesmo magra continua despertando pena nas pessoas … prova que o problema não está no número do seu manequim!

  176. Aline

    Sorte dela que consegui emagrecer fazendo cirurgia. Azar dela porque amor não se consegue nem emagrecendo…

  177. Aline

    Lamentável! Sou gorda sim, me assim! Quero emagrecer?! lógico.Alguns quilos a menos facilitaria muito a minha vida, especialmente com as roupas, exercícios e transporte. Maaaaas…enquanto sou assim, me amo assim! Me visto bem, sou uma mulher bonita, profissional respeitada, casada com um homem lindo e sempre estou muito bem obrigada! As pessoas comumente definem uma mulher pelo número do seu manequim, quanta bobagem. Conheço algumas magérrimas que não valem um mísero cerebelo de algumas gordinhas. Quilos não substituem amor próprio, ou você tem ou não! Não importa se vc pesa 50 ou 150 quilos, se você for feia, mal amada e insatisfeita o tempo vai passar, o tamanho das roupas vai diminuir e vai continuar exatamente tudo igual! Fato.

  178. Alessandra

    Ela está fazendo com as pessoas a mesma coisa que fizeram com ela, deve ser muito infeliz, realmente ela queria estragar o dia de alguém, isso é inveja, crueldade e falta de classe, típico de gente infeliz, que deve estar passando por algum problema emocional, e agora ela está espalhando preconceito. Que feio!

  179. Ana Luiza

    Acredito que de verdade esta pessoa precisa de ajuda, as palavras dela são mais baixas que o preconceito que sofreu, desculpa garota, meu manequim é 48, e me sinto bem, tenho 36 anos e sei que a pratica de exercicios e um bem para a SAÚDE, não quero tirar um pedaço do meu corpo para ser aceita ou conseguir uma tr… desculpa, mas não quero nem escrever algo assim, Moro em Florianópolis e curto a minha praia com minha familia assim como muitas das minhas amigas ENORMEEE de felizes!! garota vai procurar ajuda e seu medico coube certinho em vc porque seu dinheiro falou mais alto,SOU FELIZ, MUITO FELIZ COM MEU MANEQUIM E MINHA VIDA, como fala minha avó VC É UMA PROTANCA MINHA FILHA , E POR ISTO QUE É LINDA, ANTES ASSIM DO QUE DOENTE!!!
    Que vc se CURE da doença que esta no seu psico e não nas suas curavas ou gorduras!!!

  180. aline

    wou eu tbm me amo como sou, gordaaaa, e kkkk e meu bundão tbm cabe nas cadeiras e olha os homens o adoram kkkkkkkkk…uso as roupas que eu gosto , estou fazendo uma R.A sim, mas não porque não sou feliz e sim porque eu quero ficar melhor pra mim…MAIS AMOR POVO!!!

  181. Patrícia Marassá

    A pessoa que não se aceita, não se aceita e ponto. Pode ser magra, gorda, loira, morena, alta, baixa, etc… Ela nunca vai se aceitar e sempre vai achar defeitos nela mesma. Só lamento!

  182. Como eu sempre digo: quem é gordo pode emagrecer, se realmente desejar ou precisar fazê-lo. Já a burrice é inerente pra alguns e, lamento informar, incurável.

  183. Coitada dessa Danuzza, qdo ela descobri que a cirurgia não resolverá todos os problemas da vida dela, vai se decepcionar, isso sem falar que é o mesmo que um cego que recebeu uma córnea começar a falar que quem é cego tá perdendo de ver coisas maravilhosas. Todo mundo sabe que emagrecer é bom, caber em nossas velhas roupas não tem preço, mas emagrecer tem um preço e é bem alto, ela se esquece que não é tão fácil, até porque ela já tentou de outra forma e não conseguiu, precisou recorrer ao bisturi, e nem todos têm condições de pagar por uma cirurgia bariátrica.

  184. EU NÃO FICO MAIS CHOCADA COM ESSAS GORDAS QUE EMAGRECEM, MAIS A MOÇA EM QUESTÃO NÃO DEVE FICAR TÃO FELIZ PORQUE QUE CONHEÇO VARIAS QUE ENGORDARAM DE NOVO. E TEM MAIS COMO VC DISSE NO FIM DO SEU TEXTO, FAÇO TUDO ISSO SEM PRECISAR SER MAGRA. E O PROBLEMA DELA NÃO E SER GORDA OU MAGRA E SER UM COITADA SEM IDENTIDADE SENDO ASSIM ELA NUNCA SERÁ FELIZ PORQUE NUNCA VAI SE ENCONTRAR.

  185. Áquila Jamille.

    A verdadeira beleza está na felicidade. Nada mais lindo do que uma pessoa feliz!
    A felicidade de uns pode está numa bariátrica, a de outros num Big Mac.
    Tão simples. É só respeitar o espaço do outro.
    E não esquecer de que tudo é relativo, o que é belo ou certo pra mim pode não ser pra outra pessoa.

    Inclusive é possível discordar de tudo que eu disse antes.
    Ah! eu também posso mudar de opinião a qualquer momento.

  186. Neusa

    Sabe o que falta AMOR PRÓPRIO……Quando vc se ama como é transmite felicidades aos que te cercam independente do seu “corpinho” ou do seu “CORPÃO”…….

  187. Amanda Soares

    Não entendi toda a afetação.
    Gordura não é sinônimo nem de beleza, nem de saúde, nem de equilíbrio. Obesidade é uma doença.
    Obesidade não tem que ser aceita não, tem que ser tratada.
    O que a Danuzza falou é que existe esse discurso de “aceitação” do gordinho, mas a realidade (tanto dos bem resolvidos quanto dos em conflito) é outra e ninguém mais apropriado para dar esse testemunho que uma ex-gorda.
    Não é preconceito dizer que o peixes nadam e que pássaros voam. É realidade.
    Essa ideologia de “estou bem assim” é uma mentira que o gordo conta para si mesmo, que ninguém acredita, nem ele mesmo e que não agrega em nada pq retarda que a pessoa busque um tratamento.
    Concordo com ela.
    Tenho amigas obesas que etoam o discurso da aceitação, mas choram quando o boy magia só a quer como amiga, quando a borda de catupiry pula da calça, quando se tem 30 anos com pré-diabetes… fato.
    Achei meio tempestade em copo d’ água esse texto… ou talvez a clássica negação da realidade pq hoje em dia todo mundo quer ser “o politicamente correto” e peidar arco-íris com cheirinho de fruti-fruti.
    Tenho sobrepeso e não tenho preconceito, mas estou ciente da minha condição e lutando para sair dela, pq eu sei que esses quilos significam doenças, roupas que não caem bem e rejeição do sexo oposto.

    • Cleide

      Eu tenho pena de vc!
      E se o boy magia prefere sua amiga deve ser pq vc é feia e não pq está no sobre peso!
      Eu sou obesa e tem muitos caras lindos e sarados me dando mole!

  188. Cleide

    Ao entrar no blog de onde os textos foram extraídos me deparo com uma série de protótipos de vibradores! imediatamente penso: mal comida!
    Não apenas pelo post, pessoas que fazem sexo com regularidade e satisfação podem ter seus vibradores e viverem feliz para sempre, super a favor!
    Mas essa mulher demonstra o tempo inteiro que é e sempre foi uma pessoa mal amada.
    Em breve ela verá que estar magra não torna ninguém melhor ou mais feliz. Quem se ama e se respeita não precisa de balança para se sentir bem consigo mesmo.

  189. Eeeeeita!! que ser digno de pena gente!!! então queridinha, só para constar e pode ficar de boca aberta sim!! sou mega linda meu marido é bem mais novo e moooorre de ciúmes das carnes dele (eu!) estou super feliz obrigada! rsrs quem me conhece sabe disso ;) uso roupas transadas (estou até de olho nos vestidos da grife da Renata Vaz rsrs) como o que quero e o que não quero também e se VOCÊ CONTINUAR ENCHENDO O SACO …COMO VOCÊ TAMBÉM (apesar de saber que vou ter uma mega indigestão! e você não deve ter o gosto bom também! kkkkkkkk)

  190. Haaa e tem mais esta semana entrei na loja mundo verde com uma amiga e comentando falei que aaamo doce…o vendedor rápido me amostrou um potinho de espirulina (acho que é esse o nome) e disse assim: ”se você tomar um comprimido vai deixar de comer doces vai ficar com noooojo de doces!” arregalei meus olhos e falei assim: meu filhooo eu AMO doce e NÃO quero deixar de comer eles não!! obrigada por nada!
    comprei uma groselha sem açúcar e levei…mas diga-se de passagem só comprei a groselha pois gosto muito mesmo, e o xarope tradicional tem muito açúcar e tudo em excesso sabemos que faz mal ;)
    SOU GORDA MAS SOU SAUDÁVEL!!!

  191. Fernanda

    Eu era gorda e infeliz, fiz batiátrica, emagreci horrores, me achei, vivi tudo que queria viver, e realmente estava feliz. Aí casei, engravidei, gravidezes dificílimas por causa das faltas nutricionais… Enfim, engordei quase tudo de novo. E quer saber? Sou muito, muito, muito mais feliz gorda do que qdo estava ‘bonita pra caraleo’!!! E caibo na cadeira, trepo com meu marido, que não trepa com outras, como big mac e no out back! E foda-se essa Danuza e essa Carol mal amadas, que gordas ou magras o problema tá é na cabeça delas!!

  192. Nossa estou indignada como uma pessoa consegue ser tão falsa, mão amada! Ela não se gostava gorda e não vai se gostar magra porque é uma pessoa com baixa estima! Esta na cabeça e não nos quilos a mais ou a menos.
    Não sou contra a cirurgia para quem acha necessário mas muitas mulheres se amam da forma que são, gostamos do nossos corpos, curvas, temos saúde e é isso que importa mas não critique aquilo que você foi por anos “gorda” o problema não é a gordura do corpo e sim da mente podre que essas mulheres tem.

  193. Ana Rosa

    desculpa, não pude deixar de expressar aqui tb algo, recebi de uma amiga no face este post e só posso dizer: enterrem o corpictho da Danuzza pq a alma já morreu há tempos…inacreditável!!!
    quem relaciona, falta de gosto, de homem, sexo e felicidade com gordura, tá precisando vivenciar com mais pessoas por ai, só de amigas magras e lindas e chifrudas que conheço, aiaiai…

  194. Elis Regina

    Gente desculpa a moça Frigidez é um mal da alma kkkk

  195. Toda gorda não tem auto controle e inventa teorias para justificar o desleixo com o corpo. Recomendo pregar cartazes nos locais onde existe comida em casa com o texto “gorda safada”. Há uma chance de cair a ficha e começar a se alimentar direito.

    • Então quer dizer que se for magra, não tem problema de não se cuidar?! Porque não seja hipócrita de falar que toda magra se cuida. Todo mundo conhece pelo menos uma magra que é magra de sorte, porque não tem um pingo de cuidado com a saúde. Mas o seu problema é com as gordas néh, recalcada!!!!!

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s