Ética, mais do que beleza, é fundamental para ser uma modelo Plus Size de sucesso

Venda seu trabalho sem denegrir o trabalho alheio

Por Renata Poskus Vaz

laura wells

O mundo da moda plus size é bem diferente do fashion em que existem milhares de lojas para um público feminino que utiliza numeração de roupa pequena. Com tanta loja de roupas pequeninas, o que não falta é modelo bonita, magra e extremamente qualificada para catálogos e desfiles.

Já as grifes plus size, embora estejam em crescimento, ainda são em absoluta minoria. E o trabalho de modelos que usam numeração GG ainda é muito recente no Brasil.

O que quero dizer com isso? Em um mercado pequeno, em que todos os donos de confecção acabam se conhecendo e, conseqüentemente, conhecendo as modelos disponíveis no mercado, qualquer atitude que beire à falta de ética toma proporções gigantescas e pode arruinar a carreira de qualquer modelo iniciante.

Falo isso, pois sou uma formadora de opinião do ramo GG. Então, não é raro donos de confecções me ligarem e perguntarem se conheço o trabalho de determinada modelo, ou para elogiarem e criticarem algumas atitudes. Sim, digo atitude, porque beleza incontestável, grande parte de nós temos. Mas de nada adianta ser bela e não ter caráter.

Gosto de divulgar bons trabalhos feitos por modelos plus size. Acho que é uma forma de promover as marcas que investem nesta modelagem e também as profissionais.

Entretanto, o que deveria servir de estímulo para algumas modelos iniciantes e imaturas é, na verdade, objeto de inveja. Algumas meninas escreveram e-mails para uma tal confecção se oferecendo para trabalhar em seu próximo catálogo. Acho justo, já que não temos uma agência GG com atuação aprofundada no Brasil. Então, às vezes, se oferecer é a melhor atitude a se tomar.

Porém, se oferecer para um trabalho futuro denegrindo a qualidade da modelo da campanha atual é sujo, antiético e beira a canalhice. As grifes não querem apenas trabalhar com modelos lindas. Querem trabalhar com pessoas honestas, descentes e que no dia-a-dia representem a sua marca com orgulho e decência.

Enfim, na próxima vez em que forem oferecer seus serviços às confecções, saibam que atitudes como essa que tomaram na semana passada é vista com maus olhos pelas grifes. Só vocês se queimam.

Cresçam, virem mulheres de verdade e só assim serão reconhecidas como profissionais de destaque.

Está dado o meu recado.

A modelo da foto é Laura Wells

A foto foi extraído do site http://curvesmart.blogspot.com/

11 Comentários

Arquivado em Modelo GG, Uncategorized

11 Respostas para “Ética, mais do que beleza, é fundamental para ser uma modelo Plus Size de sucesso

  1. Keka Demétrio

    Se o seu maior excesso é a falta de dignidade, de companheirismo, de respeito, sinto muito, mas tudo o que você for fazer na vida vai dar em nada.

    Keka

    • renatavaz11

      Uiaaaaa… Isso aí, amiga. Este mercado já é tão ingrato e ainda tem gente que quer menosprezar o trabalho alheio (suado por sinal) na tentativa de se sobressair. Como se os outros fossem tontos e não tivessem a capacidade de detectar ações malidicentes.

      Enfim, acho que um time unido vai muito mais longe do que um jogador solitário.

      Bjs,
      Renata Poskus Vaz

      • Luciane Russo

        Concordo com vcs em gênero, número e grau…

        Pessoas sem ética, sem caráter, invejosas, não vão muito longe….

        Bjs,Lú

  2. Eu li este texto que meu marido postou no blog dele e acho que vale a pena postá-lo aqui.
    A Inveja

    A inveja é a tristeza com o bem do outro. Nasce quando a excelência alheia é compreendida como diminuição do seu próprio valor. A inveja foi classificada como um dos pecados capitais pela igreja ainda no século IV, mas já constava na narrativa do Gênesis. Motivou o primeiro assassinato: Caim matou Abel porque não tolerou que o favor divino repousasse sobre a oferenda do irmão. Consta nas tábuas dos dez mandamentos que não se deve cobiçar nada do próximo.

    A inveja tornou-se motriz de várias tramas literárias. Ninguém a retratou melhor do que William Shakespeare; e Otelo se destaca porque Shakespeare soube descrever como ninguém, os mecanismos que incitam ódio e ciúme a partir da inveja.

    Otelo é um general reconhecido por triunfar nas batalhas terrestres e marítimas. Ao assumir a posição de chefe de Estado em Chipre, nomeia Cássio como seu braço direito. Mas suscita a inveja de Iago, que passa a conspirar contra ele. As desavenças que nascem daí e que caracterizam as tragédias shakespeareanas são horrorosas.

    Iago destila uma suspeita mortal em Otelo, que o faz acreditar que sua esposa Desdêmona o trai com o tenente Cássio. O conflito entre o amor que o general nutre pela mulher e a desconfiança incitada por Iago leva Otelo a despencar de sua posição de herói. Debilitado psicologicamente, mata a amada, sufocando-a com travesseiros. Declarado assassino, Otelo é destituído do posto de general e sentenciado à prisão. Sem saída, tira a própria vida com um punhal, diante dos representantes do governo veneziano.

    José Ingenieros declara que “a inveja é uma adoração dos homens pelas sombras, do mérito pela mediocridade. É o rubor na face sonoramente esbofeteada pela glória alheia. É o grilhão que arrasta os fracassados. É a amargura que toma conta do paladar dos impotentes. É um venenoso humor que emana das feridas abertas pelo desengano da insignificância própria. Mesmo não querendo, padecem desse mal, cedo ou tarde, aqueles que vivem escravos da vaidade; desfilam pálidos de angústia, torvos, envergonhados de sua própria tristeza, sem suspeitar que seu ladrido envolve uma consagração inequívoca do mérito alheio. A inextinguível hostilidade dos néscios foi sempre o pedestal de um monumento”.

    Santo Tomás de Aquino dizia que a inveja é pecado mortal (portanto, imperdoável), com inúmeras filhas: “murmuração, detração, ódio, exultação pela adversidade, aflição pela prosperidade”.

    A inveja é pior do que o ódio. O ódio não se contem, e devido a sua fúria, sempre age. A inveja por sua vez, cala. Covarde, procura sombras; para semear suspeitas, precisa do cobertor da noite. O invejoso rasteja para não mostrar-se consciente de sua pequenez. Dentro de uma tumba mal iluminada, gera a dúvida. Contenta-se com a desconfiança. Ingeniero afirma que o invejoso “sem coragem para ser assassino, resigna-se a ser vil”.

    Salieri não admite que Amadeus tenha tanto talento. Constata que Mozart é um pecador desprezível e debochado, mas melhor do que ele. Salieri o encara como adversário. Incapaz de celebrar o dom que possui, passa a negá-lo no outro. Os Mozarts da vida precisam ser destruídos, mas os Salieris não serão os algozes. Como vermes, esperam a morte para finalmente festejarem a derrocada de quem o atormentava.

    Ingenieros diz que toda a psicologia da inveja está sintetizada em uma fábula, digna de incluir-se nos livros de literatura infantil.

    “Um ventrudo sapo grasnava em seu pântano quando viu resplandecer no mais alto de uma pedra um vaga-lume. Pensou que nenhum ser teria direito de luzir qualidades que ele mesmo não possuiria jamais. Mortificado pela sua própria impotência, saltou em direção a ele e o encobriu com seu ventre gelado. O inocente vaga-lume ousou perguntar ao seu algoz: Por que me tapas? E o sapo, congestionado pela inveja, apenas conseguiu interrogá-lo: Por que brilhas?”.

    Acho que não preciso falar mais nada.

  3. Manuela Costa

    Olá!
    Qual o e-mail de vocês?

  4. Janaína Rezende

    Rê..

    Concordo em numero,genero e grau com tudo que escreveu!
    Ainda mais qndo a pessoa atingida é a pessoa que defendo com unhas e dentes,que a unica coisa que faz é ajudar e auxiliar mtas meninas que estão começando nesse meio..
    Uma profissional de primeira,competente no que faz!!
    Ah vcs que usam de falsidade com a minha lindona,sabemos quem são cada uma de vcs, e saibam que um dia a mascara caiiii!!

  5. FlyOnTheWall

    It is ironic that for the topic of ethics that you have chosen a photo of a model who would not know the meaning of the word.

  6. eva

    sou gordinha e quero me escrever para ser modelo de voces como eu faço?
    me respondam hurgente

  7. karla panseri

    Ola,eu tenho 18 anos e estou muito interessada em seguir carreira como modelo, sou de Andradas mg e tenho facil acesso a ir e vir sem problemas a agencia,quero mas informaçoes sobre como fazer um book e cursos pra seguir profissionalmente uma carreira se nescessario mando fotos e medidas, e nao esquecendo que sou uma garota GG [ rsrs] obrigada e aguardo sua resposta! bjus

  8. Sirlei

    Olá eu sou sirlei tenho 29 anos,será q estou velha para uma modelo GG rsss , sou gordinha e quero me escrever para ser modelo de voces como eu faço ?

  9. Rosana de Oliveira Diman

    Por favor, onde posso encontrar um maio igual ao da modelo!

    Obrigada!

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s