A Veja falou da gente!

Por Renata Poskus Vaz

A revista Veja de 6 de janeiro fez uma referência ao Blog Mulherão e convidou os seus leitores para acessar a página online da revista e ler mais sobre o assunto. Com o título: ” a blogueira que defende o padrão GG”, a matéria traz uma entrevista com Renata Poskus Vaz, idealizadora do Blog Mulherão.

Para conferir, clique aqui.

16 Comentários

Arquivado em Entrevistas

16 Respostas para “A Veja falou da gente!

  1. É isso aí! Nunca podemos esquecer que temos que ser uma gordinha saudável!
    Beijocas Fran

  2. Priscila Celegato

    Olá Renata,
    tudo bem?
    Minha cunhada postou uma matéria ….
    Vale a pena conferir: http://lilyzemuner.blogspot.com/

  3. Betty Quintano

    Acho importante o seu papel diante das mulheres !!!
    As vezes olhamos pro lado e sempre achamos q o outro é mais importante , e esquecemos que q temos uma história tb e essa é a sua história que está se escrevendo lindamente.Parabéns!!!

  4. Marilia Pieri

    É isso aí , Renata, o blog Mulherão “tá bombando”. Tudo isso é reflexo do trabalho tão bem feito que voce e as colaboradoras do blog tem feito. Parabéns!
    Beijo

  5. Renata
    PARABÉNS!!!!!!!!!!
    Acredito que a sensação de ser reconhecida é maravilhosa!
    É tudo merecido pq vc faz um trabalho incrível.
    Parabéns!

  6. Andréa Czaikowski

    Olá! Adorei a matéria da Veja!!
    Também acho que rola preconceito com a obesidade em relação à saúde, isso não quer dizer que qualquer doença tem relação com o fato de você estar acima do peso. Tenho uma amiga que odeia ir a médico porque eles sempre dizem que ela precisa emagrecer, e não estamos falando de endocrinologistas, cardiologistas, coisas do tipo. Teve uma vez que ela foi tratar de uma gripe e o médico falou pra ela que deveria perder peso, ela quase pulou no pescoço dele!!!! É horrível.
    Chegou mesmo a hora de gritarmos pra todo mundo ouvir que estamos cansadas disso tudo!!!!
    Abaixo o preconceito racial, corporal, mundial….rs

  7. NNoossaaa….
    Simplesmente fantastico, ela conseguiu na entrevista dizer exatamente o que as gordinhas
    assumidas pensam. Muito bom….
    E o blog ta sendo reconhecido na verdade pq
    fala a verdade, e defende seus ideais.
    Parabennnssss!!!

  8. ANGELA OGGIONI

    Parabéns Renata, mais uma vez o blog reconhecido em mídia nacional…
    VIVA…

  9. ana gabriela

    Primeiramente parabens ao Mulherão pela participação na Veja.
    Bom eu gostaria de tirar uma duvida em relação ao Mulherão loosho da semana. Pra me inscrever eu devo enviar um e-mail com as informações necessarias e apenas uma foto minha? E se eu for selecionada que enviarei mais fotos pra serem postadas aqui? é isso? Aguardo a resposta de vocês.
    Desde ja obrigada

  10. Uruuuu , adoru parabéns estamos ganhando cada vez mais espaço , eu sei pq: por causa da atitude das meninas em criar o Blog , pq sem atitude sem aprendizado não somos nda , a vida é feita de objetivos , viva tdas nós , e parabens Re pela idéia do Blog , e parabens para tdos que fzem ele acontecer , bjokas!!

  11. Camila

    oi Renata
    vc mais uma vez esplendorosa em suas entrevistas
    mando mtissimo bem em ressaltar a questão das gordinhas saudaveis
    saude sempre em primeiro lugar
    e a veja até q demorou pra falar da gente
    mas agora falou né
    reconheceu seu trabalho e de todas as outras MULHERÕES que faze m com q esse blog existam
    eu adoro vcs
    bjos

  12. agnis

    parabens continue batalhando pelo mundo gg. gostaria que conhecesse um grupo de obesos e varias historias essa grupo se encontra no hospital silveste em santa teresa no rio de janeiro com uma equipe do trabalho social maravilhosa o seu trabalho é muito importante pra gente venha nos conhecer vamos adorar ver gordinhas que dão certo e elevar nossa alto estima os encontros são toda segunda segunda feira do mes e o proximo encontro é dia 08 de fevereiro as 15hs.bjs!!e muita sorte para 2010!!!

  13. patricia

    Parabéns Renata,adorei a reportagem,todo ser humano tem direito a ser o que ele quizer,se ele quizer ser gordo o problema é dele,ninguém tem nada a ver com o que o outro come,pessoas que ficam se preocupando em julgar os gordinhos são pessoas fracas e com falta de respeito pelo próximo,pois eu não fico humilhando ninguém por que fuma e esta fedendo ,eu não ofendo ,simplesmente respeito,e exijo respeito ,humilhar o outro é coisa de gente com baixa estima e que sabe que é uma merda de ser humano ,não tem valor algum ,e então precisa rebaixar alguém pra se sentir melhor ,um bando de coitados esses preconceituosos , o mundo ja tem tanta coisa ruim , a melhor coisa que a gente tem que fazer é respeitar as pessoas e ver o outro como nosso semelhante,somos homos sapiens ou estamos em fase de regressão?

  14. Lizane

    Amei a entrevista, foi ótima, esta de parabéns.
    Bjus

  15. Olá, Renata.

    Mais uma vez te dou parabéns pela entrevista na matéria de Veja, além da iniciativa do seu blog. Não é a primeira vez que a revista aborda sobre o tema. Na edição de 10 de Fevereiro de 1999, nas páginas amarelas, a revista Veja entrevistou a escritora norte-americana Marilyn Wann, autora do livro “Fat!So?”. Não sei se você já leu a entevista, mas vale a pena dar uma lida, pois eu acredito que a Marilyn Wann tem uma visão parecida com a sua. A entrevista está disponível no acervo digital da revista: http://www.veja.com.br/acervodigital/home.aspx

    Também tenho disponível no meu PC a entrvista com a Marilyn Wann. Aí vai meu e-mail: rodrigosc85@gmail.com

    Abraços e beijos e feliz 2010.

  16. priscilla

    As pessoas gordinhas, irradia a felicidade. São otimas amigas.
    São criativas, projeta desejos, Estão, sempre a procura de novidades mil.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s