Determinação e superação

Por Roberto dos Santos Vaz

Aproveitando o gancho da Claudia, minha mulher, que expos seu drama a nível nacional ontem, em testemunho no final da novela “Viver a Vida”, no qual em dado momento de sua vida quase a fez sucumbir, gostaria de falar um pouco a respeito de determinação e superação:

Nenhum ser humano tem a benesse de se blindar aos contratempos que a vida vez por outra nos apresenta. Desde uma doença; a perda de entes queridos; um amor mal resolvido, um complexo, dentre outros motivos, podem expor qualquer pessoa à famosa crise de depressão.

A depressão é o desinteresse pela vida, é a forma de se desapegar da dura e cruel adversidade que aparentemente é insolúvel.

Quem nunca passou por isso? As conseqüências de uma depressão são imprevisíveis se o doente não acender a luz da esperança dentro da sua alma. Alguns apelam para a religião e se reerguem; outros se ajudam através de psicoterapias, que como um santo remédio, retornam o indivíduo ao mundo real, se não curado completamente, com mecanismos de defesa. Infelizmente há casos onde o paciente reluta em voltar à vida, e no extremo, podem até dar cabo à vida.

Nada se constrói sem trabalho; a solução para muitos e muitos males é trabalhar, produzir, estudar, amar e viver. Às vezes deparamo-nos com casos de tão simples solução, mas que para muitos são motivos suficientes para um suicídio. Ai que temos que nos fazer presentes e dividir nossa experiência e ajuda.

A determinação é o chamado máximo que temos em trazer à nossa realidade os mais fortes anseios que temos. É perceber que existem problemas, mas que somos mais fortes que eles. Determinação é sair de um estado de letargia e concretizar sonhos. Será isto impossível? Garanto que não. Quando percebemos que geramos um campo energético que altera o nosso meio, tudo é possível. A determinação é aliada da nossa vibração positiva em materializar situações e sonhos.

O ódio, o oportunismo, a pobreza de espírito, a maldade e a falta de ética, são os elementos básicos para aprofundarmos nossa miséria espiritual. Vibrar negativamente em causa própria e aos nossos desafetos gera também uma onda. Onda da destruição e da miserabilidade. É fato e inconteste. Talvez no extremo, a porta da autodestruição.

Dia destes, soube que quando a minha filha Renata fez seu testemunho ao final da novela “Viver a vida”, algumas pessoas sugeriram que seria uma farsa para autopromoção, ou uma apelação a se referir sobre a morte da mãe. Talvez por sorte, e para o crescimento espiritual, as censoras maldosas, tenham a infelicidade de passarem por algo semelhante ao que passamos, dai entendam o que é lutar por superar um trauma de perda. Vibrando dessa forma, infelizmente, será quase impossível que uma resposta da natureza não as encaminhem a algo que as façam também exercitar a superação pela dor.

A Claudia foi o que eu precisava para poder prosseguir e superar. Dessa união veio a Luiza, que é o fato motivador de continuarmos a evoluir, por termos nela a visão que realmente a vida não para.

A Renata, dia a dia, dá adeus às lembranças tristes e aos momentos de dor,  com muito trabalho e realizações.

Enfim, jamais deixamos de criar ou produzir. Todos os membros da minha família buscam no conhecimento uma forma de crescimento, visando partilhar com o nosso meio, experiências e laços de cooperação. É trabalho e preparação a vida toda.

Nada vem de graça, tudo é preparação espiritual, muita preparação pessoal e trabalho.

Somos vulneráveis ainda a quedas, mas na escola da vida, aprendemos a saltar de pára-quedas.

Recomendo a todos que leiam “O Segredo” para poder entender a força descomunal que temos.

Parabéns Claudia, Renata, Raphael, Barbara e Luiza, por serem atletas da determinação e superação.

“A nossa maior glória não reside no fato de nunca cairmos, mas sim em levantarmo-nos sempre depois de cada queda.” – Confúcio.

15 Comentários

Arquivado em comportamento, Para Refletir, Relacionamento

15 Respostas para “Determinação e superação

  1. Nossa que legal!!!
    Que cabeça bela tem seu querido pai!!
    Que Deus o proteja, sabe ultimamente os homens estão se soltando mais para falar de amor (seja ele qual for!!)
    Parabens vc é otimo!!!
    Tiro a base pelo meu querido pai que amo mais ke tdo nessa vida, tem uma cabeça mtu mais aberta que da minha mãe amo eles dois!!!
    Bjkas felicidades familia linda!!!

  2. Roberto,
    suas palavras foram precisas, exatas. Não há nada a acrescentar. Só estou aqui para parabenizá-lo.
    Em relação aos comentários sobre a “autopromoção” da Rê, só uma coisa passa na minha cabeça: que pessoas pobres de coração. Se soubessem o quanto aquele testemunho, que me apresentou ao blog, tem-me sido útil… Só eu e os que convivem comigo sabemos o quanto tenho melhorado como pessoa depois que passei a ler tanta coisa positiva.
    Sábado passado, no “Dia de Modelo” aí em SP, pude comprovar que a sementinha de autoestima que a Rê plantou em mim também tem germinado em muitos outros mulherões.
    Parabéns, Roberto, por esta família tão cheia de fé e determinação.

    Meu abraço carinhoso e grato,

    Aline

  3. Cibele

    Puxa Rê!
    Que belas palavras do seu pai!
    Parabéns ao sr. Roberto pelo texto e pela filha que muito nos ajuda e para a Claudia pela superação e exemplo!
    Beijos!

  4. Rô Grigoli

    O que eu poderia dizer depois de ler um relato de vida como esse …?

    A única palavra que encontro é : P A R A B É N S !

    Pela força , pela família lindaaa , pelo amOr ! E por vocês dividerem isso conosco.

    Amei cada palavra ! Que Deus continue os abençoando cada dia mais.

  5. grazih

    Olá! Obrigado pelo texto, eu gostei muito. Muito mesmo.

  6. Bete

    Roberto, Claudia, Renata e Luizita:
    Parabéns pela família linda que vocês formam!
    Que Deus continue abençoando a todos.
    Beijos no coração.
    Bete

  7. Fábio

    Parabens a claudia. e ao Roberto. mostrando uma lição de vida.. ainda a gente boa neste mundo tão poluido pelo egoismo e avaresa. parabens,. e que reguem sempre a flor da felicidade. determinação e superação sempre.

  8. Agora dá para entender pq a Renata é incrível.. Olha esse pai, abençoado.. Linda a família.. Parabéns. Sucesso sempre, para todos nós.

  9. Diane Souza

    Nossa que lição de vida!
    Por isso que cada vez mais amo meu pai pela sabedoria que ele tem e também parabenizo a você Renata por esse maravilhoso pai que tem,que Deus continue abençoando vcs…
    Estava de saida pra faculdade,mas vim aqui conferir esse texto tão lindo e mais uma vez fui presenteada por preciosas palavras.
    Bjos!

  10. Carol Junho

    Sr.Roberto,que palavras lindas,me emocionaram e fizeram acreditar na força que nós temos…Parabéns pela família linda q o acompanha,q Deus abençoe a todos vcs…bjus!

  11. Vanessa Pichinin

    Nossa foi muito legall o depoimento da Claudia, uma licao de vida para todos…
    Parabens pela familia linda !!!!
    A sua filha Renata sempre foi uma mulhr batalhadora …adorooo.
    beijao

  12. Sem comentários, maravilhosooooooooooooooooo!

    Parabéns Sr. Roberto e toda a família, vcs todos são 1000!
    bjo grande no coração de vcs!

  13. Que belo testemunho!
    É preciso muita coragem para se reerguer, e mais ainda para falar sobre o que se passou!
    É preciso saber viver…já dizia Roberto Carlos… nisso consiste lidar com as derrotas e perdas…
    A vida é muito boa, apesar de tudo!
    Parabéns pela família, Renata!!!
    Beijooos!

  14. renatavaz11

    Gente,

    Eu não havia me pronunciado antes, até porque espíritos sem luz vivem da tristeza e desgraça alheia, mas agora gostaria de esclarecer algumas coisas.
    Fiquei muito magoada, meses atrás, com um grupo de mulheres que me acusou de me aproveitar da dor da morte de minha mãe para me promover. A mágoa não era por me importar com o que elas pensavam, mas em ver em que grau a inveja e a maldade de um ser humano podem chegar.
    Uma dessas mulheres postou em seu álbum do Orkut a ilustração de uma mulher tirando uma máscara, fazendo alusão à minha participação na Novela Viver a Vida, em que chorei ao falar da morte de minha mãe. Era uma insinuação de que eu estava mentindo sobre minha dor. Embaixo desta ilustração e uma frase em que me acusava de querer me promover com a morte da minha mãe, uma conhecida dona de blog e uma modelo plus size novata também fizeram seus comentários com pitadas generosas de maldade.
    Naquele momento preferi ficar calada. Fui amparada por minhas amigas e por minha família, que só me repetiam uma coisa: “Elas só aprenderão a dor de perder uma mãe quando perderem a delas”. Tirando a modelo novata, as demais mulheres são bem mais velhas do que eu. Então, mesmo que suas mães ainda sejam vivas, jamais saberão o que é perder uma mãe de 40 anos, aos 20 anos e se sentindo responsável pela criação de uma irmã de 10 anos. Abandonei faculdade em Curitiba, em que era bolsista por mérito acadêmico para enterrar minha mãe e cuidar de minha irmã, que hoje tem 18 anos. Mesmo passados 8 anos, ainda sinto saudade e penso que minha vida seria muito mais feliz com ela. E jamais vou deixar de me emocionar ao pensar nisso.
    Na ocasião do meu depoimento para a novela Vive a Vida eu já havia conferido entrevistas para mais de 10 programas de TV e inúmeros jornais e revistas. Ou seja, eu não precisava falar da morte dela para obter destaque, pois esta projeção eu já havia conquistado há muito tempo.
    Não quero, agora, rogar pragas para que sofram o que sofri. Isso, como bem disse meu pai, a vida incumbirá de fazê-las passar.
    Para quem mais possa sofrer com este ódio por mim ao me ver alcançado um sucesso que jamais foi capaz de alcançar, deixo meu recado:
    Não cheguei aonde cheguei por acaso. Meu pai não é milionário, não corrompi ninguém e nunca fiz o teste do sofá. Sou jornalista formada pelas Faculdades Integradas Rio Branco da Fundação de Rotarianos de São Paulo. Formei-me em julho de 2006 e sou devidamente registrada na Delegacia do Trabalho sob o n. MTB 47468 – SP.
    Fui bolsista por mérito acadêmico e obtive 10 com menção honrosa em meu trabalho monográfico de conclusão de curso. Esses fatores, para um bom entendedor, deixam claro que fui aplicada nos estudos e soube extrair o que de melhor meus mestres tinham para oferecer. Fiz inúmeros cursos de marketing e mídias digitais o que me levou a ter embasamento para estruturar um simples blog, transformando-o na revista virtual GG mais lida da atualidade. Fui estagiária de Assessoria de imprensa da prefeitura de São Paulo, fui editora do extinto Portal Negritude, fui redatora da Clariant, Sodexo, Instituto Unibanco. Fui roteirista de vídeos institucionais do Unibanco, Banco Real, Basf e Avon. Fui editora do Jornal A Comarca do Mundo Jurídico e do Itaquera News. Por fim, fui gerente em uma empresa de comunicação empresarial coordenando a edição de duas revistas do grupo Scania e uma equipe de assessoras de imprensa. Isso sem contar a formação que tive em casa, com pais inteligentes, estudiosos e que sempre estimularam a mim e a meus irmãos em nossa formação intelectual e moral. Tive os melhores exemplos dentro de casa.
    Pronto.
    Agora, quando a inveja invadir o seus corações e o ódio levá-las à novas acusações como essas, lembrem-se da minha formação acadêmica que levou 5 anos, dos inúmeros cursos que fiz e trabalhos que exerci para me aperfeiçoar em minha carreira como jornalista. Lembrem-se que o sucesso do Blog Mulherão não é baseado em ‘sorte’ ”, nada aconteceu por acaso. Tudo é fruto de aptidão, anos de dedicação e talento.
    Minha dica é que estudem e se aprimorem porque o sucesso está disponível para todos, mas para chegar lá é preciso esforço lícito e merecimento.
    Essas pessoas que me apontaram o dedo gastam tanto tempo pensando em me destruir e me fazer o mal que esquecem de viver suas próprias vidas e de investir em seus sonhos. Espero que esta situação possa mudar algum dia. Será bom para elas, porque finalmente sentirão o gostinho do que é ser feliz de verdade e será bom para mim, porque já estou de saco cheio desses ataques e ameaças dignos de menininhas de sexta série.

    Renata

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s