O apressado come cru e o barato que sai caro

Por Renata Poskus Vaz

Aprendi na própria pele que o barato pode sair caro, muito caro. E que sempre que temos pressa acabamos comendo cru. Minha amiga Simone Fiuza se casou no último fim de semana. Passei quase dois meses combinando com minhas outras amigas os vestidos que usaríamos no grande enlace da Fiuza. Um montão de modelos plus size reunidas mereciam vestidos lindos. Mas deixei para fazer o vestido de última hora e pensei que economizaria na confecção do meu modelo escolhido.

Não tinha nada em casa luxuoso e que me vestisse bem, já que engordei um bocado e minhas roupas já não me servem. Visitei algumas lojas e vi muito do mesmo nas vitrines. Lembrei de uma costureira que me fora muito bem recomendada e que havia me prometido a confecção de um vestido em troca de divulgação.

Erro 1: achar que vestido feito na costureira sai mais barato

Embora eu não tenha pago o feitio do vestido, tive que comprar o tecido. Fui à GJ, uma casa de tecidos na ladeira Porto Geral, em São Paulo, pertinho da 25 de março, na saída do metrô São Bento. Comprei 4 metros de cetim e 4 metros de renda. O valor da renda era de R$69,90 o metro. Achou caro? A minha era uma das mais simples e baratas, e olha que essa loja fica em uma rua de comércio popular. Lá há rendas que podem ultrapassar os R$2 mil. O total em tecidos saiu R$300. Se eu fosse pagar o serviço da costureira certamente o valor do vestido ultrapassaria o das lojas especializadas. E isso porque nem computei o valor com combustível para os meus deslocamentos.

Erro 2: achar que em 1 semana é possível se fazer um vestido de festa

Pesquisei alguns modelos de vestido de festa e optei por um modelo rendado, estilo sereia, com um ombro só. Tive a ilusão de que seria um modelo simples a se fazer. Meu maior erro, sem dúvida,  foi achar que em 1 semana seria possível se fazer um vestido de festa perfeito. Perguntei para a costureira e ela disse que levava 2 dias para fazer um vestido. Acreditei. Mas pelo que percebi não é tão fácil assim. Não pude ir no dia da prova de roupa, no outro dia a costureira é que não poderia me atender. Fiz a prova no sábado. E o casamento era no domingo. Tudo muito corrido, infelizmente.

Erro 3: confiar plenamente no trabalho de um profissional 

A costureira que estava fazendo meu vestido poderia realmente ser maravilhosa, conforme me disseram, mas o pouco tempo para confecção do vestido talvez não tenha permitido que ela se dedicasse ao meu modelo como eu gostaria e merecia (mesmo não tendo pago o feitio, pois a idéia era divulgá-la aqui). O erro da profissional foi ter aceitado fazer o vestido mesmo sabendo que neste tempo era impossível. Sou leiga nisso, óbvio que eu queria o vestido para ontem. Fazendo o vestido ás pressas, sem estrutura, comprometeu o resultado do trabalho.

Resultado

Quando fui buscar o vestido no domingo, já maquiada e penteada, só de olhar vi que ele pouco tinha a ver com o modelo que eu escolhera. O resultado ficou péssimo. O que recebi foi um modelo extremamente largo e mal acabado. Fiquei me sentindo um saco de batatas. A manga de renda que era para ser justinha no braço ficou larga. A minha cintura não ficou marcada. A barra ficou reta, bem diferente da referência que passei. O vestido que deveria ser sereia parecia um quadrado. O que menos gostei foi do busto largo, que não dava sustentação ao seio e a renda e o forro que ficou torta na parte superior. Fiquei envelhecida. Nem a avó da noiva usaria um vestido daqueles.

Mas até aí, eram já 15h de domingo e o casamento estava marcado para as 16h.

Fiquei muito triste e decepcionada. Esperei muito por aquele momento e estava vendo tudo indo por água abaixo. Agradeci gentilmente à costureira que, bem ou mal, se privou do fim de semana para fazer o vestido pra mim.

No carro, olhei para meu namorado e disse: “eu não vou assim. Estou péssima!”. Já estava pensando nas desculpas que inventaria para a Fiuza não ficar brava com minha ausência em seu casamento, mas achei muita sacanagem. Acompanhei de perto todos os preparativos e sei que embora não seja sua amiga de infância, eu integrava uma seleta lista de convidados e minha presença era sim esperada.

Então, fui para casa e vasculhei algo que não fosse muito pobrinho e que coubesse em meu novo manequim 48. Encontrei um vestido que ganhei do meu ex-namorado em 2007 e que eu usei uma única vez em um Dia de Modelo. Depois, emprestei para umas 2 ou 3 garotas fotografarem com ele e nunca mais ele foi usado. Embora não fosse um vestido de tecido plano, era perfeito para um casamento realizado à tarde, no campo. Não fique linda, maravilhosa, mas me senti confortável e apresentável para confraternizar com os noivos e meus amigos.

Olha só o vestido que usei:

A foto não está muito boa, porque foi tirada por celular.

Amanhã vou mostrar os vestidos das outras convidadas. Elas sim arrasaram. 🙂

32 Comentários

Arquivado em Vestido de festa, Vestido de festa para gordinhas, Vestidos

32 Respostas para “O apressado come cru e o barato que sai caro

  1. marina schulz

    Voce ficou muito bem, nada como se sentir bem com a roupa que usamos.

  2. Amiga, para mim vestidos são uma parte complicada. Fiquei feliz em vê-la pronto para aproveitar o que de melhor havia para acontecer: participar do Casório!
    Não se preocupe que ficou lindona. Bjinhos

  3. Carla

    Achei vc linda com esse vestido,realmente vc deu um tiro no escuro,confiando plenamente na costureira…mais que vc estava linda com esses,estava sim!

    Beijos

  4. Fernanda

    Também achei este vestido lindo!!! Vc ficou perfeita, e o mais importante, sua amiga deve ter ficado muito feliz com sua presença no casamento dela… Mas mostra o outro vestido pra gente, vai??? bj.

  5. Eu nunca imaginaria que seu vestido fosse assim, de improviso. Ficou linda! Mas entendo seu desapontamento. Como moro no interior, minhas rouspas de festa sempre foram feitas por costureiras e já passei por coisas semelhantes. Beijos e da próxima vez, vai ser muito mais legal!

  6. Essa situação toda realmente é muito frustrante, mas posso falar? Adorei esse vestido! Adoro vestido pra festas mais modernos, estampados, com tecidos que fogem do cetim e tafetá, sem pedraria ou muito brilho! Tava linda! Bjks

  7. Aline

    posta o vestido q foi feito pela costureira e o aquelel q vc gostaria q tivesse sido feito!

  8. Mary Medeiros

    Ficou linda com esse vestido!! Olha… no final do ano passado eu mandei fazer um vestido para um casamento, ainda bem que tive sorte, pois a costureira também fez em pouco tempo, não por culpa minha e sim dela…É de renda o vestido com fundo nude, ficou lindo!!
    Depois coloca fota do outro vestido!!
    Beijos!

  9. Paula Regina

    O coisinha chata, hem Renata.
    Mas a produção que usou para ir ao casamento foi nota 1000. De verdade!
    Ainda bem que voce tinha um vestido LINDO e pode comparecer ao casamento bem vestida e chiquetona.

    Boas costureiras não existem mais e ponto pacífico. As que são boas, ótimas ou excelentes, trabalham para atelier de costura.
    Ou a gente encara a espetadela no bolso e parte para um atelier ou padece de loja em loja até encontrar um modelito bacana.

  10. Chris

    Aconteceu algo semelhante comigo na formatura da faculdade. Rodei várias lojas em busca de um vestido para alugar e nada. Quando tinham modelos plus, ou eram aqueles mega cheios de tudo (brilho+renda+tafetá etc etc etc), que eu não curto muito ou eram uns muito “pobrinhos”, sem nada.

    Descobri uma costureira no meu bairro, que alugava vestidos. Fomos, eu e minha mãe, até lá e o único modelito que serviu nem me agradou muito, mas como estávamos “em cima da hora”, fiquei com ele mesmo.

    No dia da formatura, resolvi provar o vestido, para ver se estava tudo ok, coisa e tal. Por alguma razão, resolvi sentar e o vestido veio descosturando de cima abaixo, bem do lado. Fiquei desesperada, pois não tinha roupa para ir na colação e na festa.

    A minha sorte foi uma amiga, cujo irmão tinha se casado há pouco tempo, e ela me ofereceu o vestido que tinha usado. Vestido esse muito mais bonito do que o da costureira, e que me caiu como uma luva.

  11. Você ficou linda mesmo assim, minha duvida é : prq pagar tão caro em renda e cetim na 25 de março, se na rua joli no Brás tem tecidos com a mesma qualidade beeeeem mais em conta?
    Fica a dica…bjs!!!

  12. Re…
    Amei seu vestido.
    Vou esperar ansiosa pelos outros modelitos, tenho um casamente em Julho e preciso de idéias.
    Alias, você tem lojas de vestido plus size de festa para indicar?
    bjos

  13. Thainá Ribeiro

    Rê, que bom que você tinha esse vestido perdido dentro do seu armário, rs
    Mas fiquei curiosa .. como era o modelo que você queria usar e como foi o resultado final, feito pela costureira ?
    E o seu dinheiro, foi todo perdido ou você vai tentar dar uma ajustada nele ?

    Beijos :*

  14. Marcia

    Lendo esse desabafo meu coração apertou.. por você e pela costureira.. minha mãe costurou vestidos de festa por muitos anos, e me lembro muito bem de alguns casos parecidos.. sabe, elas não vacilam assim por mal, mas por desorganização mesmo.. lembro q minha mãe aceitava tudo oque traziam para ela, muitos em cima da hora, outras vezes os tecidos não combinavam com os modelos.. e ela pegava tudo para fazer, se descabelava para fazer o melhor e quando o resultado era ruim saía todo o mundo insatisfeito.. hoje eu sou estilista, trabalho muito tempo junto com grandes modelistas/ costureiras e vejo que além de bastante tempo para se fazer uma peça, também eh necessário muitas vezes tecido a mais para ir ajustando e consertando por várias provas.. até ficar perfeito… isso vai muito tempo e dinheiro.. o que acontece eh que as pessoas que levam roupa para fazer vão com o intuito de “economizar” e não sabem que o certo seria essa peça ser muito mais cara do que as compradas em lojas, ja que são exclusivas, muito mais demoradas e trabalhosas.. uma vez que as clientes não sabem disso e as costureiras também não sabem e não se impõe, vira essa confusão.. hoje minha mãe trabalha em fábrica também e fico bem mais aliviada.. rss.. Bjão e não fica triste por que isso acontece com todo o mundo…

  15. Que sofrimento !! Mas sabe… tem costureira que mesmo com um prazo maior não consegue fazer. Tanto é que vc chegou pra pegar a sua encomenda e pra “ela” o vestido estava ok (pra ela). Ou seja, vc pediu uma coisa e ela fez outra, talvez por não conseguir entender o que vc pediu, ou mesmo por não saber fazer. Acontece muito isso, é muito chato. O duro é que vc teve que passar por um aborrecimento desnecessário, gastar tempo e dinheiro e depois ficar com a melhor opção que vc já tinha. E que por sinal ficou muito bom, vc foi no casamento, curtiu suas amigas e isto é o mais importante. Mas luxo… seria estar tbém com o vestido que vc idealizou, investiu tempo, dinheiro e não rolou. Uma pena…..

  16. eliane

    Li todo o seu desabafo e realmente imagino como deve ter sido difícil pra vc, ver tudo dando errado em cima da hora ,mais vou te dar os parabéns pela decisão de não abaixar a cabeça e conseguir ficar linda, pois minha opinião é esta vc não ficou como sonhou e planejou mais ficou show, vestido leve e ao msm tempo um luxo, mais eu ainda não consegui lhe ver mal vestida pois quem sabe sabe bjs no seu coração

  17. Samara

    Ah Re, quem olha este seu sorriso, nem imagina que passou esse “perrengue” todo! vc estava linda!! Claro que é complicado mandar fazer roupa com pressa, mas erro da profissional, que mesmo com toda boa vontade, não devia ter aceitado se não iria dar conta….mas….
    Posta foto do vestido que você queria e também do que ela fez!! bjusss

  18. Passei por um problema semelhante Re, mas não mandei fazer o vestido! Fui à uma loja especializada em Moema e o vestido que mais gostei precisava fazer uns ajustes, porque eu emagreci e o vestido era gigante em mim. Como a moça da loja fez um desconto, o levei e fui até a costureira para diminuir o tamanho, a costureira ficou doente e os ajudantes dela me entregaram o vestido de última hora e ainda grande!!! Fui ao casamento, que eu era madrinha com o vestido grande, pareceu que eu tinha o dobro do meu real tamanho, que diga-se de passagem não é o menor rsrsrsrs. O vestido é um rosa, tomara que caia de renda rosa, que ja vi até as meninas fotografando com ele em um dos blogs!!!!

  19. Mariana

    Uma verdade fundamental do universo: costureiras competem com pedreiros pelo título de profissionais mais enrolados… Mas essa parece que agiu de má fé, sei lá, ela não devia ter aceitado o trabalho. Aprovo a sugestão da Samara… faz um expectativa X realidade para a gente =D
    Beijos!!!

  20. monica

    Agora pense você sendo a noiva e a costureira sendo sua tia e madrinha. Decepção total. 😦

  21. Denise

    Rê você ficou linda com o vestido improvisado rsrsrsrsr
    Seria legal você mostrar o vestido “planejado”..
    bjus

  22. Gabriela Ribeiro

    Oiii…Posta uma foto do vestido que a costureira fez! quem já não passou por isso? Comigo aconteceu que mandei fazer um bolero super simples tmb para um casamento, pois não gosto dos meus braços a mostra e então resolvi por isto. No meu caso foi uma assistente que tirou minhas medidas, mas a costureira realmente não acreditou que estivessem certas, pois ela acreditava que eu era “muito maior” que aquilo, então fez obviamente a “olho” pois já me conhecia. Bom eu viajaria na sexta para o casamento e na quinta ela veio me entregar a peça, ficou o legítimo “saco de batatas”, enormeeee, o que era pra ser justo tmb ficou solto e assim por diante, experimentei na frente dela e ela disse que iria diminuir, me entregando na manhã seguinte, já que minha viajem seria a tarde. Só que dessa vez ela mandou que me entregassem, bom, no fim das contas continuou enorme e eu fiquei o casamento inteiro puxando ele pra cima! Mas aprendi, nunca mais mando fazer roupa, hehehe, nem que seja com a máxima antecedência como ocorreu, compro pronta e deu, pagando provavelmente o mesmo valor e ainda vejo como fica em mim!! Grande abraço

  23. Thereza

    Vc estava se sentindo bem com a roupa que estava, portanto estava linda! Amei o vestido!

  24. Elioenai

    Você ficou linda sim Renata! Quanto as costureiras, ha anos não mando fazer roupas, sempre tive problemas. A maioria delas ainda não se adequaram a esse tipo de modelagem, principalmente as mais antigas, já que hoje em dia é um pouco mais fácil encontrar roupas prontas para gordinhas (em Recife, o que precisa melhorar) e as costureiras estão sendo deixadas de lado, elas não estão ligando para se reciclarem. Mas tenho certeza de que a lição foi válida e que você brilhou na festa do casamento, o vestido é lindo e apropriado, além do que a deixou muito á vontade e diga-se de passagem, você é uma mulher muito bonita!

  25. Bruna

    Renata! Vc poderia postar como faz esse seu penteado? Já o vi em outras fotos do dia de modelo tbm e acho lindo, porém não tenho idéia de como fazer pra o cabelo parar de ladinho assim. Parabéns, vc estava linda.

  26. Cris Miranda

    Rê, vc arrasou no vestido e no improviso! E mostrou que com um limão podemos fazer uma limonada! E eu me imaginei na sua situação, nunca tenho sorte com costureiras… Prefiro nem arriscar… Mas fica de aprendizado, o mais importante é que vc não perdeu o casamento por conta desse vestido esquisito da costureira. E que sirva de lição até para nós mesmas!

    Bjooo

  27. Passei por isso esses dias atras também… Tinha um casamento para ir e queria estar fabulosa, rodei várias lojas e nada ficava da forma que eu queria, ficava largo no busto e apertado no quadril… Fiquei triste, e acabei indo com uma camisa preta da Palank (linda), Todos me elogiaram, mas não era o que eu queria…

  28. Gente, isso dá mta raiva mesmo! Passei esse mesmo perrengue, mas pior: foi com meu vestido de noiva!!!!!!!!!! Fechei com 8 meses de antecedência, e ainda assim só fiz a última prova dois dias antes do casório. Resumindo, não deu tempo de fazer os ajustes que ainda eram necessários, pois emagreci bastante no decorrer dos meses até o dia do casamento. Fechei numa loja para poder economizar R$ 600,00 e me arrependi horrores de não ter feito com uma costureira divina que eu conheci. Definitivamente, o barato sai caro!
    Em tempo, Renata, vocês poderiam fazer um tópico só com vetsidos de noivas, inclusive com fotos de noivaas que participam do blog. Tive uma dificuldade enorme para encontrar um vestido q eu gostasse, e acho que fotos podem ajudar bastante!
    Beijos!
    Obs.: Renata, vc é linda e fica linda de qq jeito!

  29. Oi…
    sei muito bem o que você sentiu.
    Uma vez, tinha um baile de formatura para ir, escolhi o tecido, o modelo [era um frente unica] e houve a mesma enrolação… e o vestido ficou pronto no sábado de manha [ o baile era a noite], o caimento ficou horrível… nada daquilo com o que sonhei. Como não tinha outra opção [ pois moro em uma cidade “pequena” e sabado a tarde é tudo fechado] acabei dando um jeito e usei ele mesmo… mas foi uma grande decepção!!
    Obs: você ficou linda com a segunda opção!!

  30. linda gustavo

    O que aconteceu comigo foi bem parecido,só que um pouco mais grave já que eu era uma das madrinhas!Eu escolhi o modelo e fui junto com a costureira comprar o tecido.Mas no dia,quase na hora do casamento,fui pegar o vestido e meu esposo chegou bem na hora da prova.Percebi pelo olhar dele que não tinha ficado legal.Acabei usando um vestido emprestado de minha irmã que tbm era madrinha e tinha levado duas opções.O vestido emprestado ficou ótimo em mim e o vestido caro virou motivo de muitas risadas kkkkkkk.

  31. ismeria

    vestido de festa 2 semanas para confeccionar e tem que ter 3 provas!

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s