Arquivo do mês: janeiro 2013

Conheça 5 modelos plus size que desfilarão no FWPS

Por Renata Poskus Vaz

Amanda Santana

Amanda Santana, 28 anos – A ‘Miss Plus Size Carioca 2012’ começou sua carreira no início de 2012, participando de catálogos, outdoors e desfiles para a grife Glamur Fashion.Participou de editoriais de moda no Jornal Extra e da reportagem com dicas de saúde para pessoas acima do peso para o Portal R7. Amanda sempre teve o incentivo da família e amigos para iniciar a carreira de modelo, mas se achava fora dos padrões de beleza. Após três anos acompanhando o mercado, fez um book e, logo a seguir, começou a receber convites para trabalhos.  A modelo veste tamanho 48 e garante que “o melhor de tudo é que, através do meu trabalho, sou exemplo de superação para muitas mulheres, resgatando sua autoestima e contribuindo para o crescimento do movimento Plus Size no Brasil”, afirma.

Babi Monteiro

Babi Monteiro, 38 anos – Da capital federal para o FWPS, a modelo brasiliense começou sua vida de modelo com 15 anos atuando em comerciais de TV e fotos publicitárias. Aos 20, interrompeu a carreira para cursar Direito, fazendo apenas trabalhos paralelos para a instituição de ensino como outdoor de cursos jurídicos famosos na cidade. Aos 36 anos foi convidada para estrelar uma campanha publicitária para TV e para o governo do Distrito Federal, recomeçando sua carreira e gerando grande repercussão. Com 37 anos foi eleita ‘Mis Brasil Plus Size’ conquistando o primeiro lugar e aparecendo na capa do Washington Post Online, além de conseguir vários trabalhos em catálogos de marcas famosas, eventos, feiras de beleza e desfiles de moda.  Foi indicada pelo portal Uol como uma das musas cheinhas para concorrer ao ‘Musa UOL 2012’ e, em 2012, representou o Brasil no ‘Concurso Miss Plus Size Caribbean Universo’, conquistando o segundo lugar.  “O que me inspira a ser modelo Plus Size é poder me aceitar com minhas curvas, com meu corpo e fazer bonito modelando, mesmo não tendo um corpo igual ao padrão estabelecido pelo mercado da moda”, declara Babi.

Debora Fernandes

 

Débora Fernandes, 25 anos – A modelo de São José dos Campos é formada em Design de Moda, pretendia criar uma marca de moda Plus Size desenhando as próprias coleções. Para conhecer melhor o mercado, fez alguns catálogos e desfiles. Quando conheceu o Fashion Weekend Plus Size, novas portas se abriram para o mercado com o convite para estrelar diversos catálogos para marcas de tamanhos GG. Hoje, Débora consegue conciliar a carreira de estilista com a de modelo. “A maior dificuldade é explicar para as pessoas que você se aceita com o corpo que tem, pois muitas pessoas não entendem que sou feliz mesmo estando acima do peso. No início, optei por deixar minha carreira de estilista de lado, mas hoje consigo conciliar as duas atividades”, completa.

Gabriela Schio

 

Gabriela Schio, 23 anos – A gaúcha de Viamão começou a modelar com manequim 44 e ouvia muitos comentários de que “44 não é Plus Size”, que ela era muito magra, que teria que engordar mais. Inclusive levou muitos ‘nãos’ por conta disso. Com o passar do tempo, chegou ao 46, seu  atual manequim. Gabriela inspira sua carreira na vontade de mostrar para as mulheres gordinhas que elas também podem ser lindas e andar na moda. “A vontade de mostrar para a sociedade que ter curvas é lindo, que podemos ser modelos de sucesso sim, é meu maior incentivo profissional”, afirma ela.

Carol FWPS

 

Carol Santos, 27 anos – Realizou seu primeiro trabalho como modelo Plus Size durante o ensaio fotográfico feito para divulgação do FWPS Inverno 2013. Carol, da cidade de Diadema (SP), mesmo inexperiente na carreira de modelo, promete levar para a passarela do evento e para mercado GG a beleza da mulher negra – ainda pouco destacada neste segmento – e valorizar a diversidade das etnias do Brasil para as revistas, catálogos e campanhas publicitárias. Ver como as modelos Plus Size  já consagradas têm a autoestima fortalecida é a maior inspiração de Carol, que veste manequim 44/46.

 

4 Comentários

Arquivado em Fashion Weekend Plus Size, FWPS, Modelo GG

Fashion Weekend Plus Size Inverno 2013

Por Renata Poskus Vaz

Ando muito, muito empolgada com os preparativos do Fashion Weekend Plus Size Inverno 2013. Acredita que já estamos na sétima edição e quarto ano do evento? Nossa, como passa, não é?! E para fazer um evento muito digno, como vocês merecem, fiquei um pouco ausente do Blog Mulherão. 

Então, queria dividir com vocês, o ensaio fotográfico que fizemos para divulgar esta edição do FWPS:

FWPS Inverno 2013 -70

fwps 11

fwps todas

fwps todas 1

Fashion Weekend Plus Size – FWPS é oprincipal evento de moda GG do país e no dia 23 de fevereiro apresentará coleções Inverno 2013 de grifes de todo o País.  Para essa sétima edição, Renata Poskus Vaz – diretora do evento – escolheu o Auditório Simon Bolivar, localizado no Memorial da América Latina, na capital paulista. “Estamos muito felizes de realizar o evento em um dos espaços mais bonitos assinados pelo arquitetoOscar Niemeyer, proporcionando que as grifes Plus Size prestem uma homenagem a um dos maiores gênios do design de todos os tempos”, afirma Renata.

FWPS conta com um salão de negócios que começa às 11h. Já os desfiles acontecem a partir das 17h.

Local:

Memorial da América Latina

Auditório Simon Bolivar

Avenida Auro Soares de Moura Andrade, 664

Barra Funda – São Paulo – SP

Informações: contato@fwps.com.br e (11) 96459-9514

Como garantir o seu convite:

Leitoras do Blog Mulherão – podem adquirir o convite por meio do site http://www.ticket360.com.br

Lojistas – podem se cadastrar enviando dados completos pessoais e da empresa para: cadastro@fwps.com.br

Amanhã vou mostrar quem são essas modelos lindas que ilustram a foto de divulgação, ok? 

6 Comentários

Arquivado em Eventos, Fashion Weekend Plus Size, FWPS

Pausinha na saga do Pantogar

Por Renata Poskus Vaz

Olá, meninas! O post que eu fiz sobre o Pantogar fez o maior sucesso aqui no Blog Mulherão (relembre clicando aqui). Já estou pensando seriamente em pleitear uma contribuição do fabricante por conta do jabá gratuito que fiz para eles. rsrs.

Acontece que dei uma pausa no tratamento. Ok, sei que não poderia, mas se disser que ando com a vida tão corrida que mal consigo ir à farmácia vocês acreditam? Mesmo assim, ontem fui à uma gravação do Hoje em Dia, lá na Record, e o mesmo cabeleireiro que cuidou do meu penteado no programa de ano novo, me arrumou ontem. A primeira coisa que ele disse foi: “nossa, como seu cabelo cresceu!”.  Fiquei super feliz. Sinal que o composto dá mesmo uma diferença no crescimento. Para mim, o que melhorou mesmo foi aquela falha que tenho próximo à testa.

Aproveitei as fotos que as modelos tiraram comigo para mostrar como anda minha cabeleira (já está até precisando de um bom corte nas pontinhas):

Renata Poskus

renata poskus 3

eu com Livia Salomão

10 Comentários

Arquivado em Cabelo

Últimos dias para inscrição no Miss Brasil Plus Size

Por Renata Poskus Vaz

Mulherões, as inscrições para o Miss Brasil Plus Size organizado pela Impacto Produções vão apenas até o dia 31 de janeiro, quinta-feira. Para saber mais sobre o concurso, clique aqui.

Barbra Monteiro 1

Barbra Monteiro, que passará a faixa de Miss Brasil  

3 Comentários

Arquivado em Concurso, Modelo GG

7 dicas para causar boa impressão no seu primeiro trabalho como modelo plus size

tara lyn

Tara Lynn, top model plus size

Por Renata Poskus Vaz

Finalmente você conseguiu seu primeiro trabalho como modelo plus size e não sabe como se comportar no dia? Preparei algumas dicas para você causar boa impressão no seu primeiro catálogo. Lembre-se que se for reconhecida como uma boa profissional, sempre será lembrada em futuros trabalhos.

1) Negocie antes o número de looks e horário das fotos

Negociar a quantidade de roupas que vai fotografar e o horário de início e término das fotos é mais importante, até mesmo, do que definir o valor do cachê. Não é bobagem! A ideia de fotografar pode até parecer glamourosa, mas cansa. Caso não estabeleça uma quantidade máxima de looks para fotografar estará à mercê do produtor. Isso quer dizer que você pode ficar sobrecarregada, fotografando muito tempo em pé, comprometendo, inclusive, a qualidade final das fotos. Afinal, ninguém consegue sorrir com naturalidade por muito tempo.

2) Não minta as suas medidas

É muito comum que modelos mintam medidas para conseguir o trabalho dos sonhos em alguma grife. Quando a marca é de outro estado, costuma não fazer casting presencial, tampouco prova de roupa. A modelo é contratada via e-mail e telefone e as roupas que ela fotografará são peças piloto, muitas vezes feitas sob medida, que ainda não foram fabricadas em grande escala pela grife. Com isso, se a modelo mentir a medida, pode simplesmente não caber na roupa. Parece mentira, mas isso acontece com frequência no meio da moda plus size. O resultado é uma onda de constrangimentos. Algumas grifes rasgam as roupas e dão truques para caber na modelo, outras cancelam a sessão fotográfica. Tem outras que fotografam a roupa apertada mesmo, comprometendo a imagem da modelo e da própria grife, influenciando, inclusive, nas vendas. E uma coisa é certa, essa modelo jamais será contratada novamente por essa grife.

3) Esmalte e cabelo

Pergunte sempre para o seu contratante a cor do esmalte que deverá usar na sessão de fotos. Caso não consiga obter essa informação a tempo, vá com unhas “francesinhas” ou com uma misturinha, estilo “renda”. Você deve ir com as unhas feitas. Tire a cutícula e pinte direitinho, inclusive as unhas dos pés.  Vá sempre com os cabelos limpos e secos. Não importa que o seu cabelo seja rebelde, não passe levin, óleo, nem nada parecido. Também não vá com o cabelo sujo, na esperança de que a oleosidade o deixe mais ajeitado. Vá por mim, os cabeleireiros preferem lidar cabelos volumosos e rebeldes a ter que manipular madeixas sujas.

Se por acaso você foi aprovada por uma foto em que estava com uma cor de cabelo diferente da atual, comunique o seu contratante. Ele pode não gostar nada nada de contratar uma ruiva e chegar lá uma morena. Seja sincera, sempre!

4) Depilação

As pernas devem estar sempre devidamente depiladas. Não esqueça das axilas (no caso de fotografar blusas cavadas). Buço e sobrancelha também merecem atenção especial. Não pense que “pelinhos” não são perceptíveis na era do photoshop. Quanto menos trabalho você der para quem for editar as fotos, melhor.

5) Roupas de baixo

Toda modelo tem que ter um kit completo de roupas de baixo. Nada de ir com calcinha rasgada, velha e estampada. Você vai ter que se trocar na frente de produtores, maquiadores e certamente não vai querer ser vista como uma profissional relaxada, não é mesmo? Use sempre lingeries chocolate ou bege, que não marcam sob roupas transparentes. Além da calcinha larga, como da vovó e do sutiã com bojo e alças largas, você também deve levar na sua mala: boddy que prenda a barriga e suavize a silhueta e sutiã tomara que caia. Sutiã branco e  preto também são desejáveis.

6) Seja pontual

Não se atrase. Ser pontual sempre impressiona. Se acontecer algo que te impeça que chegue no horário marcado, ligue do caminho e justifique seu atraso. Não esqueça de se desculpar.

7) Respeite a equipe

Você foi escolhida a modelo da marca e pode se orgulhar muito disso. Porém, cuidado com ataques de estrelismo. Você deve falar pouco e ouvir mais. Siga as orientações do produtor de moda (que é quem irá te vestir e determinar os acessórios e sapatos que deverá usar com cada look) e do fotógrafo. O primeiro passo é fazer a maquiagem e o cabelo, que já foram determinados dias, semanas, ou até meses antes. Não importa se você gosta de um certo tom de sombra ou se acha que não fica bem com aquela cor de batom. Sua opinião não importa e ficar criticando ou dando retoques no make ou no cabelo pode até mesmo soar como ofensa para o profissional que é  especializado nisso e que foi contratado para te deixar linda, ao gosto do cliente (e não ao seu).

Você é um cabide. Não pode escolher as roupas com que vai fotografar. Tem que fotografar tudo o que foi previamente combinado, sem reclamar e fazendo cara de que está se achando a mulher mais linda e bem vestida do mundo. Discutir, contrariar e criticar o fotógrafo, maquiador ou produtor de moda é uma afronta a esses profissionais, além de causar mal estar na equipe, atrasa o trabalho.

Boa sorte em seu primeiro trabalho como modelo plus size!

46 Comentários

Arquivado em Modelo GG

Saiba como usar os lenços da novela Salve Jorge

 Por Renata Poskus Vaz

A novela Salve Jorge, veiculada pela TV Globo, está chata pra caramba (com todo o respeito a quem curte). Quando estou assistindo, desfoco completamente do que os personagens estão falando e fico observando a decoração das casas e o figurino, sobretudo do núcleo turco. Observei que um dos costumes das mulheres turcas é usar algum tipo de acessório na cabeça para incrementar o visual. Segundo o cabeleireiro turco Ertan Karadeniz, do Studio Lorena, 60% das mulheres na Turquia usam lenços ou algum tipo de adereço nos cabelos.

Karediniz diz que essa tradição começou por respeito à religião e se manteve mesmo com os costumes perdendo a força durante os últimos anos. “O hábito é muito mais presente no interior, como na região da Capadócia, pois nestas cidades, grande parte das mulheres têm o cabelo natural e gostam de trançar com lenços”conta.

As roupas são coloridas o ano inteiro, por isso a mulher turca abusa nas combinações, independente da idade ou posição social. No verão optam por usar lenços mais finos e de algodão. Outro dado curioso é que o acessório foi muito presente nos anos 60 e 70, e hoje os jovens em Istambul gostam de buscar este tipo de referência, abusando do estilo vitange.

Os lenços ou aplicações de flores podem ser usados no dia a dia e até mesmo em festas, dependendo do tecido. O mais indicado é o uso do acessório durante o verão, pois na grande maioria eles são coloridos e alegres. Uma opção prática e rápida para a brasileira que quer aderir à moda é trançar os fios e com ajuda de um grampo transpassar o lenço entre o cabelo, criando uma moldura no penteado.

Veja algumas formas sugeridas por Karediniz para trançar o seu cabelo:

lenços 1 lenços 2 lenço 4

Serviço: Studio Lorena/ Alameda Lorena, 1998/ Tel.: (11) 3016-8899/ www.studiolorena.com.br

5 Comentários

Arquivado em Moda e estilo

Look do dia: vestido colorido

Por Dani Marini

Olá!
O fato é que quase nāo uso vestido. Acho lindo, mas não gosto de usar para trabalhar só para o final de semana e olhe lá. Bom, esses dias coloquei esse vestido colorido da Hering que amei de paixão e me senti muito confortável. Amei 🙂

Usei para ir ao bar com os amigos em um dia de calor… Delícia!

DSC02455

Vestido: Hering (comprei na Geneck)
Colar: Emme
Sapato: Ramarim

O batom é o Costa Chic da MAC.

Beijos!

5 Comentários

Arquivado em Uncategorized