Mulherão saúde: Como exterminei a SOP e a esteatose hepática

Por Renata Poskus Vaz

Faz mais de um ano que eu contei aqui no Blog Mulherão que estava muito doente e que precisava cuidar da minha saúde. Se você não lembra, clique aqui e recorde. Resumidamente, eu estava com grau 1 de obesidade, com 96 Kg (sendo que engordei só de janeiro de 2013 a março  quase 7 Kg), esteatose hepática, síndrome dos ovários policísticos (SOP), estresse e mais de um monte de problemas associados.

Por alguns meses, com acompanhamento médico, tomei metformina para melhorar a situação da esteatose hepática e da SOP. Fiz também reeducação alimentar. Simplesmente parei de ingerir o tanto de besteira que eu comia, substituí gordices normais por versões light. Comia muito  o dia todo, mas coisas saudáveis. E me exercitava. No início na academia, depois em voltinhas com o cachorro pelo bairro.

Fui para o Spa também, fiquei por lá  por 15 dias. Não emagreci tanto no Spa,  mas dei aquele “up” na reeducação alimentar e consegui descansar bastante pois, naquele momento, o estresse era o maior vilão da minha saúde.

Enfim…

Um ano após esse meu início de mudanças de hábitos, emagreci 12 Kg. Hoje estou com 84 Kg.

renata poskus antes e depois

(tava mais tchutchuca gordinha, né?! :p )

Mas para mim, de nada adiantava estar mais magra.  Eu queria estar mais saudável. Então, fiz uma série de exames clínicos para checar como eu estava por dentro.

Não tenho mais esteatose, o exame não apresentou nenhuma função hepática alterada. A parte superior do meu abdome está visualmente menos dilatado, normal, não dói… Fiquei muito feliz com isso.

Todos os outros exames de colesterol, glicose etc deram normais com índices excelentes. Ou seja, nem bom, nem regular, nem ótimo… Excelente! Fiquei orgulhosa de mim mesma.

A próxima etapa para checar a minha saúde foram os exames ginecológicos. Desde os 22 anos tenho ovários micropolicísticos (acho que já tinha antes disso, mas como era virgem não tinha feito ainda o ultrassom transvaginal e só descobri nessa idade). Com o passar do tempo esses cistos foram aumentando a ponto de me causarem dores terríveis, ciclos menstruais irregulares e tive quase certeza que eles me gerariam infertilidade. Não havia pílula ou tratamento que os impedissem de crescer. Eu sofri muito pensando que não poderia ser mãe de barriga (porque de coração eu tenho certeza que serei, de qualquer forma), muitas vezes meu ex-namorado precisou enxugar minhas lágrimas quando eu via minha menstruação chegando mais um mês, sem que Deus (ou minha saúde) nos trouxesse um bebê.

Só que além de caminhar, me alimentar direito, tomar a metformina, passei a fazer terapia neste início de ano. Desabafar, ter alguém para me orientar e aprender a lidar com meus sentimentos  de uma forma positiva e equilibrada impactaram da melhor maneira sobre a minha saúde.

Ao fazer meu exame de ultrassom transvaginal a grande surpresa: eu não tinha nenhum cisto no ovário. Nenhum! O útero estava limpo, como nunca tive. Ovários lindos, fofos, cuti-cuti… Tomei a metformina no ano passado e sabia que reduziria alguns desses cistos, mas fui alertada de que ela não faria com que eles desaparecessem, que isso era impossível de se acontecer.

Ou seja, recebi um grande milagre!

Segundo o médico, eu sou uma mulher saudável, fértil e pronta para engravidar! (não que eu vá engravidar agora, mas saber que se um dia eu quiser, poderei, é um alívio e uma grande felicidade!)

E se estou dividindo algo tão íntimo com vocês é porque sei a quantidade de mulheres desesperadas com medo de não serem férteis. Quando dividi minha angústia com “amigas” no passado, elas usaram isso contra mim. Alimentaram o meu medo de infertilidade. E eu estou aqui para mostrar que, pelo menos para a SOP, há remédio, há cura total. Que vocês não precisam se contentar com redução de cistos, que vocês podem orar e se tratar para que eles sumam. Sou uma prova viva disso!

O mais bacana disso tudo é que embora não seja mais obesa, tenha apenas sobrepeso, ainda estou bem longe do peso ideal dessas tabelas de IMC.  Eu encontrei meu equilíbrio.

Minha dica é que sempre procurem orientação médica, jamais tomem remédios por conta própria. Eu levei um ano para recuperar minha saúde e ainda tenho mais um monte de exames preventivos para fazer, com o vascular. E ainda terei que continuar com meus exercícios e minha terapia, quem sabe para sempre, para não voltar a me estressar, prejudicando minha saúde e minhas relações sociais.

32 Comentários

Arquivado em Uncategorized

32 Respostas para “Mulherão saúde: Como exterminei a SOP e a esteatose hepática

  1. Pingback: Mulherão Saúde: minha saúde (ou falta dela) + academia + Metformina |

  2. Keli

    Parabéns Renata! Nada melhor como estar com a saúde em dia. Minha saúde não está em dia, estou na obesidade mórbida ( grau III), meus últimos exames foram excelentes ou quase, minha glicose está um pouco alta e deu tbm uma inflamação no fígado que vai resultar em outro exame o de hepatite, estou tomando muitos medicamentos, para transtornos depressivos e de ansiedade, para inflamação urinária e para epilepsia (de uso contínuo), eles acabam com a gente, tive mtos efeitos colaterais e fiquei mal, mas vou me cuidar mto. Quero ficar livre desse monte de remédios! Eu não queria falar, mas vc está mais tchutchuca na primeira foto….rsrs linda sempre!

  3. Fico muito feliz por vc ! Estar a um passo de realizar um sonho não tem preço! Bjks

  4. vanessa braz de oliveira

    parabens renata fico muito feliz que vc esteja otima, estou passando pelo mesmo problema que vc passou mais sei que vou conseguir me livrar de alguns quilinho do sop e ficar com a saude em dia…… bjs

  5. Diuly

    Renata, eu tenho ovário policístico, sempre tive cistos tb…e claro, a minha obesidade contribui muito pra isso! Mas mesmo assim, não quis tomar nenhum remédio para estimular ovulação quando decidi que queria engravidar…afinal, pra quem acredita em Deus como eu…eu sabia que era uma questão de tempo! E olha, antes mesmo até do que eu imaginava….em 6 meses, sem nenhum tipo de estimulação, cá estou eu gravidíssima! Boa sorte pra vc tb =)

    • Renata Poskus

      Sou contra esses remédios que estimulam a ovulação também. É muito hormônio. Nem pílula anticoncepcional eu gosto de tomar. Parabéns pelo bebê!

  6. Elis Valukas

    Tenho ovário micropolicistico tb…. E assim como vc achei que jamais teria filhos, mas Deus me abençoou com uma linda menina que completou 10 anos em janeiro deste ano…. Tenha fé que tudo acontecerá… Parabéns pela sua força… Bjos.

  7. Carol

    Parabéns pela determinação e pela conquista da melhora em sua saúde que eu creio que seja o mais importante de tudo nesse um ano! Mas posso te contar um segredo? Gordinha tava linda também! Se não fosse pela sua saúde nem precisava ter emagrecido estava super bem!

    • Renata Poskus

      É, eu me achava mais bonita antes! kkkk Emagreci um pouco mesmo para normalizar esses problemas de saúde. Mas agora tô sofrida, sem bunda. kkk

  8. Christiane Mello

    Renata, amei essa matéria, como vc sabe eu sofro de SOP e ja vivi muitas angustias por causa disso, após conversarmos vi que existe uma luz no fim do tunel e sei que logo serei curada …

    Saiba que oro a Deus pela sua vida pois com seu trabalho ajuda muitas mulheres não só na auto estima mas tbm quando o assunto é saúde …

    PARABENS… pelas lições e testemunhos de vida bjos

  9. Aracy Tavares

    MUITO FELIZ POR POR VC, Mulherão Inspiração!!!!! :-*

  10. Rê é isso… é só a gente querer… colocar em uma lista a nossa meta e pensar sempre nela… e bora… lá na frente estão nossos resultados pode ter certeza!!! Parabéns Lindaaaa!!!
    Bjjokas

  11. Flávio Prado

    Plus Size, as mulheres mais lindas que existe! Do You Marry me? Rsrs

  12. Parabéns Re! descobri no final do ano passado que tenho ovário policístico e um cisto no ovário esquerdo e não posso tomar a medicação correta pois sou obesa mórbida e com a medicação posso dobrar de peso, estou correndo atrás pra fazer a redução de estômago pois já tentei de tudo e não consigo perder peso.

  13. yane

    Renata, adorei seu post.
    Sempre fico danada da vida com essa correlação direta de peso acima do padrão e falta de saúde.
    Toda vida fui acima do peso, e nunca – nunca! – tive problemas de saúde devido ao peso.
    Tenho sim, uma gripe aqui ou ali, rinite alérgica, dor de cabeça em momentos de estresse, etc.
    Igual qualquer pessoa, inclusive as magrinhas.
    Faço exames preventivos todos os anos – são obrigatórios no meu trabalho – e não tenho sop, já tive uma filha, não tenho pressão alta, não tenho esteatose, não tenho intolerância à glicose, não tenho taxas aumentadas de colesterol, ou hipotireoidismo. Nada. Nada mesmo.
    Não estou fazendo apologia da obesidade mórbida, mas acho que existe espaço para sermos gordinhas saudáveis e felizes.
    E o seu relato, mostrando que mesmo quando aparecem essas situações correlacionadas com o excesso de peso, a gente pode resolver sem precisar vestir manequim 38, é muito importante para colocarmos em perspectiva os problemas e perceber que a solução não é tão distante e inalcançavel.
    Que é o que vc cansa de explicar ao longo da existência do blog…
    Parabéns pelo post, pelo blog, pela sua beleza incontestável, e pelo atual equilíbrio da sua saúde!

    • Renata Poskus

      Eu tinha cistos no ovário pesando 60 Kg. Vc tem razão no que diz. Cada um tem que se conhecer, estabelecer seu próprio padrão de equilíbrio e saúde. 🙂 Muito obrigada pelos elogios e força. Abraços

  14. Renata, amei ler o seu post!
    Tenho SOP diagnosticada desde os 14 anos. Descobri ainda virgem, através de USG pélvica e exames hormonais. Mas eu tomei muitos remédios desde então, e isso me destruiu. Com 14 anos eu tomava anticoncepcionais que já foram até retirados do mercado, verdadeiras bombas hormonais. Tive muitos outros problemas decorrentes desse uso, como nódulos nos seios.
    Tentei engravidar de todas as maneiras, fiz todo tipo de exame e tomei todo tipo de remédio, e nada! Usei indutores de ovulação muitas vezes, e meu ex-marido, com sua família, me humilhavam muito por não conseguir gerar um filho. E juro, eu não precisava de humilhação externa. O que eu sentia por mim mesma, minha imensa incapacidade de gerar um filho, isso por si só já me consumia.
    Eu tentei fazer tratamento com metformina muitas vezes, mas sempre tenho crises de vômito logo no terceiro ou quarto dia. É difícil, muito difícil!
    Em 2012 eu me divorciei e decidi cuidar de mim. Estava com esteatose também, e comecei a tentar emagrecer um pouco para cuidar da saúde. E nesse mesmo momento conheci um peruano lindo, me apaixonei e começamos a namorar. Com duas semanas de namoro tivemos relação sem preservativo. Uma relação. UMA. Resultado? Eu gravidinha, sem tomar indutores e sem qualquer esforço para isso! Infelizmente perdi o meu bebê com dois meses de gestação, e descobri que estava grávida justamente quanto sofri o aborto espontâneo. Sofri muito por isso, mas ao mesmo tempo fiquei feliz por perceber que eu poderia gerar um filho, que não era infértil.
    Hoje estou casada com o meu peruano, engordei tudo o que tinha emagrecido em 2012 (aliás, engordamos juntos), e estou com diversos problemas de saúde decorrentes dessa gordura toda. Mas decidi cuidar de mim de novo, e dessa vez para sempre. E agora sei que no momento certo, poderei carregar dentro de mim um bebê lindinho e fruto desse amor latino e caliente! rsrsrs
    Beijos!

  15. Parabéns Rê, isso mostra o quanto determinada você foi, e agora está colhendo frutos do que você plantou. Você é um modelo de inspiração pra mim 🙂

  16. Andreia

    Muito legal saber q a SOP tem um jeito, tbm sofro desse mal desde que engordei, depois dos filhos, pena q seja o emagrecimento a solução, pq é muito difícil emagrecer, estive estudando a obesidade e conclui q é um ciclo vicioso de fatores, mas tô na luta, em janeiro estava com 92kg, hoje estou com 87,5kg, achando q se chegar aos 80kg viro uma top model, como vc, até pq esteticamente falando, acho, sinceramente, q o meu melhor manequim seria 44, vc chegou lá, Renata, parabéns.

  17. Gisele Coutinho

    Fico muito feliz por você!!! Também tenho ovários policísticos e eu imagino a felicidade que você deve está. Ao contrario de você ainda não consegui me livrar disso, na verdade com o tempo só está piorando. Mas espero não perder a fé…Bjs você merece tudo de bom da vida pela pessoa que aparenta ser ( falo assim por não ter tido ainda a oportunidade de te conhecer pessoalmente). Sucesso sempre!!!!

  18. fatima

    Parabéns pela vitória. Espero de coração que você possa manter seus cuidados de saúde e bem estar e que possa continuar tendo sucessos profissionais.

  19. Felicidades Renata! Acompaño há bastante tempo o seu blog e fico
    muito feliz junto con você. Um abraço forte.

  20. Rosane

    Parabéns Renata você é uma guerreira, mais uma vitória para sua vida.bjs

  21. Thais Luz

    Sabe, tenho a maldita da SOP, chorei ao ler seu post, é a minha primeira vez aqui, nunca comento nada de ninguem, mas posso dizer que vc se tornou inspiração pra mim, tenho 22 anos, fiquei noiva no começo do ano, em 2015 vou me casar, e até la, vou me inspirar em você, tanto no emagrecimento e principalmente sumir com os cistos com fé força e me cuidando muito, obrigada, de coração, vc nao imagina o bem que faz a quem te encontra por acaso nas perguntas sofredoras do google! Parabéns

  22. Nathalya

    Renata, adorei… até ontem eu estava chorando sofrendo por ter tido uma resposta do medico q poderia não ter solução pois já tenho 25 anos. Mais cara agora q li tudo isso um exemplo maravilhoso como o seu e de algumas meninas acima q vou mesmo me cuidar passar em outros médicos um q me traga esperança de q um dia eu tbm possa ter meus bebes. e q essa tal de SOP não vai vencer minha força de vontade e nem Deus…
    Obrigada por vc ter postado isso se não fosse vc hj depois de muitos comentários tristes entraria em depressão.
    Bjosss…

  23. parabens…estou tomando metfotmina tambem….e esperando em Deus meu milagre…beijoss

  24. hildsb

    Meu ginecologista indicou esse remédio (Glifage/Metformina) hoje. Eu estava com muito medo por ser um remédio para diabetes. Então estou procurando comentários na internet sobre o uso contínuo do remédio e encontrei o seu. Espero que tudo corra bem comigo tbm \o/

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s