Arquivo da tag: Ano Novo

O que esperar de 2015?!

Por Simone Fiúza

Estou sumida, né?!

Mas todo mês de janeiro procuro me dedicar a família, férias, pensar nos planos e projetos, colocar a cabeça no lugar, me desligo de tudo!

Mas já estamos em fevereiro e estou de volta para alegria ou tristeza de vocês! Hahahaha Comecei o ano e decidi que 2015 será diferente, não farei mais listas de metas, vou fazendo e criando o que o coração mandar. Todos os anos eu fazia listas imensas, irreais e quando chegava o mês de dezembro ficava triste, decepcionada e deprimida porque nunca conseguia finaliza-lá, sempre um item ou outros ficavam de fora das realizações. Esse ano será diferente, não quero me decepcionar, quero realizar mais, acontecer, quero ser mais feliz, trabalhar, ser mais pró-ativa, mais real, me cuidar em primeiro lugar e principalmente dar valor a quem merece! Só esses itens daria um bom início de lista de metas… Mas esse ano tudo vai ser diferente!!

Espero dividir com vocês momentos, experiências e dicas, meu 2015 começou, bom ano pra vocês!!

Bjokas e se amem!!

foto

1 comentário

Arquivado em Uncategorized

Confira looks plus size de ano novo da Kauê Modas para homens e mulheres gordinhos

Por Renata Poskus Vaz

Olá, mulherões! Hoje, 26 de dezembro, vai ao ar uma pauta super bacana sobre roupas para reveillon para homens e mulheres gordinhos. Então, sintonizem no Hoje em Dia da Rede Record e não percam! Todos os looks apresentados no programa, masculinos e femininos, são da Kauê Modas. Já os sapatos femininos e bolsas são do Roberto Oshiro. E os cintos e pulseiras de couro da Korukru.

Reveillon 3

Vivian Dias arrasando com esse vestido de paeté. Nas costas ele é de malha, então você não precisa ficar preocupada de prender o paeté nas cadeiras, ou sofá (preocupação de gordinha né? rsrsr). Reparem que Vivian usa um sapato também com brilho, mas você pode usar um sapato nude se preferir. Look bacana para uma festa mais sofisticada, não é?

Reveillon 1

Para festas que exigem um look total branco masculino, o conjunto calça e camiseta básica branca continua infalível! Para quebrar aquela monotonia do branco, optei por uma blusa branca com estampa azul, combinando com a cor do cinto e dos detalhes do tênis. Roberto Labate ficou um gato, não ficou?

Reveillon 2

Tamires Lima está vestindo uma sugestão para mulheres que não gostam de usar roupa totalmente branca. Essa é uma opção bacana, com calça branca e camisa florida, bem fresquinha, em tons claros. O charme fica por conta do cintinho dourado e do max colar de couro com detalhes dourados. Esse look eu usaria fácil!

Reveillon 4

Olha que look gostoso que o Wesley Moises Mendes está usando. Epaaaa… Eu disse “look”. rsrsr… Wesley veste um bermudão branco com camisa de manga curta xadrez. Prático e ótimo para quem vai passar o reveillon na praia ou em casa, em uma comemoração informal.

ano novo 5

Camila Marchiori está usando uma opção para aquelas que não querem usar nenhuma peça de roupa branca, mas que também não querem fugir muito do clima do reveillon. Com bermudinha jeans e blusinha nude com bolero listrado dourado, ela está arrasando! Os acessórios dourados ajudam a compor o look. Gostaram?

ano novo 4

Este look usado por Bruno Russi é para rapazes bem-humorados. A bermuda xadrez e camiseta branca tinham tudo para ser só mais um look basicão, se não fosse o ar descontraído da estampa da camiseta, que imita um fone de ouvido pendurado no pescoço.

ano novo 2

Elaine Lakeisha usa um look total branco, para aquelas que querem paz, muita paz! A bermudinha e a regata branca são básicas, mas o charme fica por conta do bolerinho de renda. Os acessórios são mais refinados, mas nada te impede de usar uma rasteirinha se a comemoração da sua passagem de ano for na praia ou em casa.

ano novo 6

Leandro Rodrigues veste um look perfeito para aqueles homens que não gostam de sair por aí todos de branco no reveillon. Usei cores claras para compor esse look, mas de branco mesmo, só a camiseta estampada por baixo da camisa.

ano novo 3

Olha que linda essa camisa com caveirinhas douradas usada por Alessandra Linder. Ela é transparente. Você pode usá-la com uma regatinha por baixo, como a Alessandra está usando, ou com um top.

ano novo 7

Ignorem a cara do Michel Guto e atentem-se para a roupa que ele está usando. rsrsrs… Este look é bem urbano. A camiseta tem uma estampa moderna e fica ótima com a bermuda jeans. Já a camisa de manga longa dobradinha dá charme ao look. Gostaram?

7 Comentários

Arquivado em Moda e estilo

Feliz Vida Nova!!!!

4 Comentários

Arquivado em Uncategorized

365 dias espetaculares!

Por Eduardo Soares

No último dia do ano passado deixei aqui o texto “2011 motivos para você ser feliz” onde comentei a respeito de um filme romântico que sempre mexeu comigo, e olha que não sou fã dessas películas tipo “mamão com açúcar”.  Antes de começar a escrever o texto que você lê agora, dei uma rápida lida no antigo. Gostei do seguinte trecho:taí, coloquei na cabeça que quero vivenciar um belo romance no próximo ano. Se não acontecer, beleza. Desânimo é uma palavra não habitante do meu dicionário. Mas pelo menos irei tentar. E o mesmo vigor deve ser a tônica para os demais objetivos.

A cada frase (em tom de bate papo quase confidencial), analisei a retrospectiva daquele ano e de lambuja fiz a revisão deste que está para terminar. Destaquei outro trecho: tenho inúmeras idéias em mente para o ano que vem(…) prometi a mim mesmo que irei fazer uma escala de prioridades para começar a agir. Não quero ter a sensação do “minha vida passou e agora é tarde demais”. O peso da idade pode ser empecilho para algo? Talvez, mas imagine se no primeiro obstáculo encontrado nós desistíssemos com medo de um suposto fracasso futuro? Quero dividir com vocês neste espaço as conquistas obtidas nos próximos 365 dias. E quero ver as suas também.

Promessa é dívida. Naquele momento, o foco principal das situações que deveriam mudar para 2011, por inúmeras razões, era a troca de trabalho. Quando olho para trás, acho graça daquela época onde eu ralava pouco, adorava cruzar a Ponte todo santo dia para caminhar naquela cidade (Niterói) e o nível de estresse beirava o zero. Em contrapartida, a rotina angustiante fez com que meu descontentamento atingisse o 100%. Hoje, o nível de trabalho/correria/estresse/falta de tempo/responsabilidade está sete vezes maior que o tal emprego no ano passado. Mas pelo menos atingi o objetivo número um da lista de prioridades elaborada em 31/12/2011.

Pode ser um pensamento maluco meu mas acredito que dificilmente atravessamos uma fase de plenitude/harmonia completa. Digo isso pois no meu caso mesmo com a tal conquista profissional, o lado familiar não anda bem faz tempo. E infelizmente as perspectivas estão longe da plenitude. O que devo fazer? Viver. É isso, friamente assim? Calma, vivo/viverei sem esquecer as atribulações (cuja solução nem sempre depende exclusivamente da gente), sem esquecer de oferecer ajuda (vai recusar? Ok, mas nunca sabemos o dia de amanhã, o mundo dá voltas…), enfim, minha dica é relativamente simples: viva sua vida, tenha mais e mais objetivos, transpira sangue para conseguir realizar a maioria deles mas nunca perca a humildade e sempre esteja disposto a ajudar as pessoas que gostam de ti.

Ah, aprenda a lidar com os planos (ainda) não realizados. O tal “coloquei na cabeça que quero vivenciar um belo romance no próximo ano” não aconteceu em 2011. Será que fui amaldiçoado ou sou indigno de obter tal conquista? Espero que não para as duas perguntas. Começo a crer no bendito clichê “cada coisa acontece no tempo certo”. Bom, preciso colocar na cabeça alguma teoria útil que explique a razão de certos acontecimentos continuarem apenas na teoria. Sem devaneios ou utopias e refletindo única e exclusivamente com a razão, se não aconteceu ainda é porque falta algo: maturidade, sabedoria, conquista da Mega Sena acumulada, sei lá. E isso serve para tudo, não apenas no quesito sentimental. Já andei incrédulo quanto ao porquê do ineditismo de algumas situações na minha vida, mas depois de certa idade se eu for caminhar pro lado do negativismo, meu futuro será tão próspero quanto sobreviver sem máscara numa tempestade de areia no deserto do Saara.

E quer saber? Não vou desejar “Feliz 2012” pra ninguém, isso é muito mecânico! Espero, sim, que você FAÇA POR ONDE TER 365 dias espetaculares, repletos de aprendizados, maturidade, superação, persistência, sabedoria e por consequência, realizações. E aí minha cara/meu querido, caso você tenha posse desse kit, aquele blábláblá infinito de “desejo sucesso, prosperidade, êxito, tudo de bom” estará nas suas mãos, no seu caminho e no seu futuro por muitos anos novos.Mesmo sabendo que determinadas realizações nem sempre depende exclusivamente da gente. Mas saiba que NINGUÉM, a não ser você, é o responsável pela pavimentação (ou má conservação) da sua estrada. Ou seja, seu sucesso nunca terá como alicerce possíveis desculpas esfarrapadas, muito pelo contrário. Nenhuma conquista tem sabor de garapa. Se fosse assim, que graça teria saborear a vitória?

A propósito (já diria o colunista ogro-mala-sem-alça deste espaço):Quero dividir com vocês neste espaço as conquistas obtidas nos próximos 365 dias. E quero ver as suas também.Sendo assim, aceito convite para as próximas formaturas, viagens, casamentos, batizados, churrascos, comemorações no geral. Vocês merecem (e eu também).

9 Comentários

Arquivado em comportamento, Para Refletir, Relacionamento

O resgate

Por Keka Demétrio

E lá se vai 2011. Foram 8.760 horas que a vida nos ofereceu para fazermos o que quiséssemos, e a maioria esmagadora de nós não fez tudo o que tinha para ser feito, quando fizemos não realizamos com a sabedoria necessária, e por isto, em muitos instantes, titubeamos, tropeçamos, caímos, mas nos levantamos e seguimos em frente como tem que ser.

2011 foi um ano totalmente atípico em minha vida. Ano de descobertas e resgates. Descobri a Angélica que completa a Keka e vice versa. Descobri que o amor em sua plenitude resgata vidas e que só ele é o verdadeiro caminho que leva à totalidade do tudo que é Deus. Descobri mais força interior que eu supunha possuir, e com o amor de algumas pessoas muito especiais, e a quem serei eternamente grata, estou aprendendo a me entregar cada vez mais à fé, a me educar, a trabalhar defeitos e acreditar cada vez mais nas minhas qualidades e na minha capacidade de transformação.

Sempre tive um relacionamento de muito amor com Jesus, porém este ano foi diferente. De alguns meses pra cá alguma coisa começou a mudar dentro de mim, e ao me sentir confusa por não entender o que estava acontecendo, muitas vezes chorei sozinha sentindo alguma coisa “esguelar” no meu interior em uma linguagem que me era desconhecida. Mas Deus age de maneira surpreendente e alguns fatos como, por exemplo, eu largar o cigarro de um dia para o outro, depois de 25 anos de vício, e não sentir a menor falta, as pessoas que tem entrado em minha vida me auxiliando na descoberta de uma nova forma de viver, e vocês, sempre tão queridos e amorosos comigo, me fazendo melhor e maior a cada dia com essa troca de energia fantástica, me fizeram entender que aquela relação que eu mantinha com Ele e seu Filho era muito pouco e que estava na hora de estreitarmos os laços. Ele me queria mais por perto. Então, bastou que eu deixasse Jesus me resgatar, para descobrir que Deus sempre esteve presente em minha vida, mas que sentir a presença D’ele, arrepiando os pêlos, marejando os olhos e acelerando o coração é uma sensação indescritível. Aliás, gosto muito de senti-lo quando o vento balança os meus cabelos e a paz toma minha alma.

Essa sensação de prazer quando a gente sente Deus fez vir à tona sonhos que estavam escondidinhos e que hoje sei ser perfeitamente capaz de realizar, trabalhando para que se concretizem, mas na certeza de que Ele está no comando e que o gran finale será no tempo D’ele e não no meu. Eu apenas oro, peço direção e tento fazer a minha parte.

Sei que poderia estar contando e comentando um monte de coisas maravilhosas que aconteceram este ano, mas em meu coração veio a vontade de compartilhar com vocês essa minha nova forma de pensar, de agir, porque sei que ficarão felizes por mim, assim como me realizo com as histórias de superação de cada um de vocês.

Então, que venha 2012. Cheio de esperança, fé, risadas, suspiros, taquicardias de amor e prosperidade. Que jamais peçamos para Deus nos livrar dos problemas, mas que possamos estar em sintonia com Ele para que sejamos conduzidos a resolver todos com sabedoria, sabendo aumentar assim a crença de que tudo podemos Naquele que nos fortalece.

Tenho certeza que vai dar tudo certo, que coisas maravilhosas acontecem o tempo todo, pois Deus quer sempre o melhor para cada um de nós, e assim, vamos dando Graças por todas as bênçãos que virão em alusão à pureza dos pássaros que louvam o dia com suas melodias mesmo antes de o sol nascer.

Feliz, mas feliz mesmo, 2012!!!

 

25 Comentários

Arquivado em comportamento, Para Refletir, Relacionamento

2011 motivos para você ser feliz.

Por Eduardo Soares

 

De vez em quando um filme “mamão com açúcar” me pega desprevenido. Já faz algum tempo (era uma manhã de domingo) e eu estava em casa zapeando os canais quando parei numa HBO da vida só para admirar a beleza impar da Chalize Theron. Para mim ela é a mais bela atriz dos últimos anos.  Além da admiração hipnótica (com direito a babador), aos poucos comecei a gostar da trama. Uma hora depois estava chorando (disfarcadamente, claro) com o desfecho da película. Meia hora atrás, a mesma coisa ocorreu. Nem sei o nome do filme (prometo fazer uma pesquisa), mas a trama envolvendo aquele amor hollywoodiano mexeu comigo. Não chorei, só para deixar claro. Mas fiquei com inveja daquele casal tão harmônico quanto sol e céu azul.

Taí, coloquei na cabeça que quero vivenciar um belo romance no próximo ano. Se não acontecer, beleza. Desânimo é uma palavra não habitante do meu dicionário. Mas pelo menos irei tentar. E o mesmo vigor deve ser a tônica para os demais objetivos.

Sabe, todo mundo deve ter coisas boas em mente e acredito que a maioria compartilha da mesma vontade. Otimismo é uma das principais características do nosso país (vide o bom e velho slogan “sou brasileiro e não desisto nunca”). Mas ao mesmo tempo, algumas pessoas envelhecem com grandes idéias na mente porém imaculadas na prática. Imagine-se trancafiada(o) dentro de uma casa de praia em pleno verão. Que desperdício, não? Pois bem, pensar sem agir tem o mesmo efeito da porta trancada na casa de praia. O tempo passa e você não aproveita o que a vida tem a lhe oferecer.

Tenho inúmeras idéias em mente para o ano que vem. Algumas são oriundas do ano que está a poucas horas de acabar enquanto outras ainda são inéditas na prática. Prometi a mim mesmo que irei fazer uma escala de prioridades para começar a agir. Ao pensar sem agir você está se qualificando como um carro lindo sem motor. Inoperante, incapaz, bela carcaça, oco por dentro. Não quero ter a sensação do “minha vida passou e agora é tarde demais”.  Tarde demais serve para aqueles que já morreram por dentro. Não estou falando de fantasmas, refiro-me a pessoas que caminham entre nós todos os dias. O peso da idade pode ser empecilho para algo? Talvez, mas imagine se no primeiro obstáculo encontrado nós desistíssemos com medo de um suposto fracasso futuro? Grandes nomes da história não estariam nos livros se pensassem (ou agissem) assim.

Quero dividir com vocês neste espaço as conquistas obtidas nos próximos 365 dias. E quero ver as suas também.

Vamos celebrar o que a vida tem a nos oferecer! Que Deus abençoe nossos pensamentos e…atos!

42 Comentários

Arquivado em comportamento, Para Refletir, Preconceito, Relacionamento

Oração de um Mulherão.

Por Keka Demétrio

Que no ano que se inicia eu tenha mais consciência do que represento para mim mesma. Que eu possa me conhecer cada vez mais e assim descobrir todos os caminhos que levam até mim.

Que eu aprenda mais um pouco sobre as coisas que me fazem feliz e que assim eu passe a me pertencer cada vez mais.

Que todos os “nãos” que me vem à garganta possam ser proferidos, mas com a altivez de um ser humano que busca a evolução contínua, assim qualquer não que eu pronuncie não vai machucar meu semelhante, mas vai me fazer aprender um pouco mais sobre mim e sobre a vida.

Que eu perceba que meu corpo não é um elemento separado de tudo o que eu sou, mas sim parte de um todo que precisa ser trabalhado e aceito dentro das minhas limitações, e que assim eu possa refletir um brilho especial que traga para perto de mim pessoas que vibram na mesma intensidade que eu.

Que em todos os dias do novo calendário eu possa descobrir todo o amor que pulsa em cada fibra do meu ser e em primeiríssimo lugar queira oferecê-lo a mim mesma, e assim continuar me fazendo a pessoa mais importante da minha própria história.

Que eu possa sorrir sempre, mas que nas vezes em que for preciso chorar que eu faça com a certeza de que quase sempre é preciso cair para poder me levantar cada vez mais forte e certa de que a vida nunca erra.

Que cada vez mais eu não espere nada dos outros, mas cada vez mais de mim mesma, de forma que nada que alguém possa fazer com o intuito de me diminuir possa atrapalhar minha caminhada rumo à concretização dos meus sonhos.

Quero também que a cada amanhecer eu me olhe com olhos cheios de amor e carinho, repetindo a mim mesma o quanto eu sou especial e maravilhosa em todos os sentidos.

E sendo assim, quero ser a minha melhor realização, e que eu realmente me sinta o meu melhor presente de ano novo.

75 Comentários

Arquivado em comportamento, Para Refletir, Preconceito, Relacionamento