Arquivo da tag: cintia rojo

Photoshop que esconde magreza

“Para editores de grandes revistas, a visão de magreza perfeita não existe”

Leah Hardy (ex-editor da Cosmopolitan).

Por Cintia F Rojo

karlie kloss

Aposto que ao ler o título desse post, você arregalou os olhos e perguntou: Oi? Ou então voltou ao título e releu… ou clicou em todos os hyperlinks do post pra saber se tinha algum erro na concepção desse conteúdo. E depois de ter feito tudo isso você entendeu direitinho: editores de moda, das principais revistas do mundo, agora também usam o photoshop para retocar as magrinhas. Será que eles cansaram de “emagrecer” as gordas ou de “plastificar” a beleza natural das mulheres? Não, não é bem isso…

A matéria veiculada no site catraca livre sobre o uso de photoshop para disfarçar a magreza excessiva de algumas mulheres, comenta um artigo publicado por um ex-editor da revista Cosmopolitan, que aqui no Brasil se chama NOVA. Dentre os figurões citados, ela traz o depoimento de Robin Derrick, diretor criativo da Vogue, e Jane Druker, editor da britânica Healthy (palavra que significa “saudável”). Druker admitiu ter editado muitas fotos de modelos que pareciam magras demais e pouco saudáveis. Já Derrick disse: “Passei os primeiros dez anos da minha carreira fazendo meninas parecerem mais magras – e os últimos dez tentando deixá-las maiores”.

Oras, vamos pensar bem levando em conta a frase de Leah Hardy, em destaque no começo do post, e em tudo que nós, mulheres acima do peso já enfrentamos nessa vida no quesito “padrões estéticos”. Já estávamos fartas de ver campanhas publicitárias com mulheres que foram vítimas do photoshop do mal. Vocêm lembram a vergonha alheia dominando geral em 2013, depois da divulgação da campanha da C&A, em que Preta Gil está com um pescoço que parecia do Anderson Silva. Algum tempo depois, a Sabrina Sato também tinha levado um banho de retoques malignos na capa de outra publicação feminina. Nem a lindona sarada escapou do photoshp e ficou com aparência de estátua de cera.   

Portanto, note que as gordas não agradaram e as magras também não agradam mais! Isso comprova o que repetimos incansalvemente: não adianta ir contra sua natureza nem projetar sua felicidade na conquista de padrões estéticos. Esses padrões opressores – não queria usar essa palavra mas é a verdade (humpf!) – foram construídos pela mídia e agora ela própria admite que tais padrões não servem mais. Uma de minhas melhores amigas é saudável, usa manequim 36 e sempre ficou brincando, em tom de gozação, que não precisava fazer esforço para ficar com as costelas aparentes como as meninas das passarelas. Pois, amiga, trago notícias: você está ficando fora de moda!

Honestamente, não sei mais o que esperar. Tenho a impressão que amanhã, quando acessar minha revista feminina favorita (que é a Aquarius, de Dubai) vou encontrar uma modelo-robô, uma mulher que não existe, mas ela estará vestindo as últimas tendências da moda e usando as melhores marcas de maquiagem. E mesmo que eu , plus size, ou minha amiga, manequim 36, não nos identifiquemos com a mulher-robô, não teremos outra alternativa a não ser fingir que aquela beleza é real e acessível a qualquer mulher em qualquer lugar do mundo.   

(Foto: Karlie Kloss, via Catraca Livre)

3 Comentários

Arquivado em Uncategorized

Como incrementar seu look

Por Cíntia Rojo 

Fotos: Stephanie Zwicky, do Le Blog De Big Beauty

 

Image

Todo mundo tem no armário aquela peça de roupa do coração que custou beeeeeeeem pouquinho. Mas com roupa é assim: pode não ser a mais glamourosa nem a mais cara mas a gente ama e ponto final. E, de um jeito ou de outro, vamos usar!

O que pouca gente sabe é que existem alguns truques de styling para dar aquela incrementada nas nossas roupas mais baratinhas e dar um toque glam para a produção. Anote aí!

Capriche na pele, unha e cabelo: Não precisa ser exagerado mas precisa ser bem feito. Cabelo bem arrumado, solto ou preso, unhas bem feitas (nada de esmalte descascando!) e maquiagem bem aplicada (nem precisa muito: corretivo, máscara de cílios e um batom colorido já fazem muita diferença).

Invista nos acessórios: acessórios dourados, em especial, dão um toque à qualquer produção. Os maxi-acessórios são perfeitos! Colares, brincos, pulseiras e anéis são todos bem vindos. Tome cuidado, porém, com a proporção dos acessórios. Até pode usar maxi colar e brincos grandes, por exemplo, no mesmo look, mas avalie se não fica “over”. Outros acessórios coringas são os lenços e echarpes. Eu gosto muito desse vídeo do YouTube que ensina 25 maneiras de usá-los. Chapéus (adoro!) e acessórios de cabeça como tiaras, presilhas e casquetes (super adoro!) também dão muito charme ao look.

Invista numa bolsa bonita: uma bolsa-carteira, por exemplo, sofistica qualquer visual. Para o dia-a-dia, invista em bolsas maiores. Certifique-se de que o couro ou os apliques em metal não estejam descascando e o zíper não esteja esgarçado.

Image

Mescle a roupa baratinha com uma peça mais chique: até a calça que parece moletom ficou a cara da riqueza com o blazer de paetês (foto). E quem um dia pensou que calça de malha podia ser tão glamourosa?

Coloque um salto: nem preciso explicar, né?! O salto melhora nossa postura e alonga a silhueta.

Stephanie Zwicky 2

Percebam que as fotos da Stephanie Zwicky são todas com roupas muito simples: jeans, camiseta preta, camiseta branca, legging, um blusão azul marinho e até uma calça de malha (!). Sem o cuidado com a maquiagem e os acessórios certos, os looks seriam bastante sem graça. Mas com bons truques de styling ela conseguiu transformá-los, de roupas comuns, em verdadeiras produções de moda. Bora remexer nosso guarda-roupa?  

2 Comentários

Arquivado em Uncategorized

Moda: jeans com jeans

Jeans com jeans_calça

Por Cintia Rojo

A gente está careca de saber que a moda vem e vai. De tempos em tempos, aquela peça de roupa que está no guarda-roupa há anos (e não é usada por ser TÃÃÃO fora de moda!) volta mais trendy do que nunca.  

Há alguns anos, por exemplo, os looks total jeans figuravam na lista dos pecados fashion. Admito que eu não ligo muito para essas coisas de “pode” e “não pode” que a moda nos estabelece e tenho algumas opiniões sobre  determinados itens (sapatos Crocs, pochete e leggings, por exemplo) mas elas valem para aspectos específicos e não é o caso de falarmos sobre isso agora (vocês querem retomar o assunto em outro post? Eu topo!).

O que quero dizer é que eu simplesmente AMEI essa camisa jeans com a calça jeans e (pasmem!) a sandália com um aplique que imitava textura de jeans. Não dá pra notar na foto mas o que parece uma regata branca é, na verdade, um top. Ou seja, a camisa está toda aberta e a barriga, de fora. Não costumo usar barriga de fora porque julgo não ser condizente com minha personalidade e com os ambientes que frequento. Mas o fotógrafo sugeriu e eu pensei: “porque não?! Vamos brincar!”.

Jeans com jeans_shorts

E como se não bastasse camisa jeans com calça jeans, eu resolvi me jogar no look total jeans com shorts curtinho. Além da barriga, também não sou de mostrar as pernocas, por isso brinquei muito com esses looks e me diverti horrores!

Para dar um charme ao look, o chapéu panamá (que eu aprendi a amar com a Dani Lima, a antiga colunista de moda do Mulherão! Beijo procê, mulher!) que é perfeito para dias ensolarados e quentes do nosso verão.

E vocês, o que acham dos combinadinhos da moda? Conte pra gente!

4 Comentários

Arquivado em Moda e estilo

“Não namoro gordo”

Imagem

Imagem

Fotos: Daniel Burattini

Por Cintia Rojo 

Eu sei que isso poderá se voltar contra mim mas vou logo avisando: a frase do título não é minha mas de uma menina gorda que conheci num evento de moda. Estávamos no backstage de um desfile e tricotávamos deliciosamente sobre amor… AHHH O AMOR!

Alguns anos atrás ela afirmava categoricamente que jamais namoraria um gordo. Quando algum gordinho queria se sentar ao lado dela, para puxar conversa, ela fechava a cara e fazia piadinhas de mau gosto para desencorajar qualquer tentativa do moço. Mas o amor…. AHHHH O AMOR! Esse é um danado que nos pega de um jeito e não nos deixa em paz até achar um lugarzinho pra ficar de vez. E foi o que aconteceu com a menina. Um gordinho dobrou o coração da fofete, conquistou-a, e eles estão noivos há quase três anos. Planejam casar e passeiam, lindos, de mãos dadas, pra quem quiser ver.

Nós somos vítimas de todo tipo de preconceito porque somos mulheres, porque somos gordas, porque temos celulite, porque isso, porque aquilo. Aprendemos na pele o quão difícil é amar e se sentir amada quando somos vistas de maneira superficial. Somos incríveis, sabemos disso, mas não temos a chance de revelar o quão incríveis somos.

Quase consigo entender se ouvir essa frase de uma pessoa magra. Normalmente nos assustamos quando nos apaixonamos por alguém tão diferente de nós – o cara é mais novo? Mais pobre? Mais baixo? Mas quando nós, gordas, decretamos que não namoraremos homens gordos, estamos assumindo a mesma postura daqueles que nos olham de maneira superficial e preconceituosa. É velado, não declarado, mas estamos sendo preconceituosas. Se queremos que as pessoas nos enxerguem além do nosso peso, devemos agir assim com os outros. Que homem vai se revelar incrível se for tratado como “Seu Barriga”?

Felizmente o amor não dá a mínima para os nossos decretos. No amor não existe essa de escolher.  Não é como comprar uma casa, um carro, uma lata de atum em conserva.Você pesquisa critérios e racionalmente toma sua decisão. Mas com amor não tem disso não, porque ele gosta de jogar com a nossa racionalidade. Mesmo que você tenha feito suas escolhas, ele tem vontade própria e se você disser que não namora gordo, prepare-se! Um gordinho pode pintar no seu pedaço e conquistar seu coração.  

13 Comentários

Arquivado em Relacionamento

Obrigada às leitoras que fazem os nossos dias mais felizes!

Por Renata Poskus Vaz

Quem me conhece pessoalmente sabe que o Blog Mulherão é minha vida. Poder escrever sobre o que se gosta, em primeira pessoa, emitindo opiniões pessoais é o sonho de qualquer jornalista. Além disso, hoje ele também é um negócio, com direito à loja virtual, o Dia de Modelo que acontece quase que mensalmente, consultoria àz empresas que trabalham com moda plus size, palestras e também o próprio Fashion Weekend Plus Size

É nos eventos que promovo que tenho a oportunidade de conhecer minhas leitoras.

Hoje, gostaria de mostrar algumas fotos de Cíntia Rojo, que há muito tempo acompanha o Blog Mulherão, que já foi ao Fashion Weekend Plus Size e que, recentemente, fez o Dia de Modelo Plus Size.  Essa minha homenagem à Cíntia, que quase todos os dias acompanha o Blog, comenta, critica e colabora com nosso trabalho, também é uma forma de agradecer o carinho de todas as minhas leitoras que todos os dias me acompanham. 

“Cíntia, tá gatinha! “

ddm-abr13_2884b

 

ddm-abr13_2865b

 

ddm-abr13_2657b

 

ddm-abr13_2670b

12 Comentários

Arquivado em Modelo GG