Arquivo da tag: miss gg

O que uma Miss Plus Size tem que ter?

Por Renata Poskus Vaz

Depois do último Miss Brasil Plus Size, algumas garotas me perguntaram as qualidades que uma plus size precisa ter para ser coroada Miss.

Quando fui chamada pela primeira vez por Alberto Conde para ser jurada de um de seus concursos, tive a preocupação de pesquisar bem sobre os predicados que uma miss precisa ter. Eu queria ser justa. Aprendi muitas coisas, estudando e observando e vou dividi-las com vocês

Beleza

Por incrível que pareça, beleza não define concurso de Miss. Beleza do corpo e do rosto são dois entre diversos quesitos avaliados pelos jurados. Entretanto, existe sim um padrão esperado. Eu só vi até hoje uma vencedora de concurso de miss plus size aqui no Brasil com o cabelo curto, a Miss Rio Grande do Sul Ariane Plangg.

ariane plangg miss plus sizeMiss Rio Grande do Sul Ariane Plangg

O encantamento dos jurados se dá com mulheres de cabelos longos e volumosos, corpo formato ampulheta, com busto farto, cintura fina e quadril largo. Os organizadores não pedem que escolham uma miss com essas qualidades. Mas está bem claro a tendência a simpatizar com mulheres que se lembrem com as Misses de concursos tradicionais. As 3 vencedoras do concurso Miss  Brasil Plus Size são assim Babi Monteiro, Aline Zattar e Isabelle Campestrini.

A verdade é que Concurso de Miss Plus Size não tem espaço para pessoas exóticas, tatuadas, baixinhas, com barriga grande (como a maioria das gordinhas), nem com muita celulite… Elas dificilmente ganhariam esses concursos.

Isso não deve causar revolta. Cada concurso tem um padrão. O que pode se fazer é criar outros concursos que contemplem outras belezas.

aline zattar miss plus sizeAline Zattar Miss Brasil Plus Size 2013

Cor da Pele

Infelizmente, da mesma forma que não temos quase representantes negras no concurso nacional das Misses magrinhas o mesmo parece acontecer na versão plus size. Não há quase candidatas negras o que já diminui bem a probabilidade de alguma ganhar a coroa. E a pergunta que fica é, será que mesmo que tivéssemos muitas candidatas negras, lindas e preparadas, alguma ganharia? Torço para que esse dia chegue rápido.

Elegância

Pronto. Aí está um quesito que pode sim definir um concurso de miss: a elegância. Desfilar bem, se posicionar adequadamente, posicionar mãos de forma delicada, acenar e virar a cabeça como uma princesa… Parece fácil, mas não é.

Uma mulher elegante tem uma presença tão impactante que é capaz de suprir até mesmo a própria falta de beleza. Ela “vende” a ideia de que é poderosa e todos acreditam.

babi monteiro miss plus sizeBabi Monteiro Miss Brasil Plus Size 2012

Modelo x Miss

Gisele Bündchen nunca ganhou um concurso de miss e é a modelo mais poderosa do mundo. Desencanem dessa ideia de que para ser modelo você tem que ganhar um título de miss. É claro que o título ajudou as primeiras modelos a se projetarem mas, agora, em época de 365 concursos de beleza de gordinhas, o que conta mais é o empenho no gerenciamento de sua carreira do que a coroa em si.

Outra coisa importante a salientar é que muitas modelos com experiência se comportam como se estivessem na passarela do Fashion Weekend Plus Size no concurso de Miss, esquecem daquela delicadeza, do andar calmo e elegante que só uma Miss tem.

isabelle campestrini miss brasilIsabelle Campestrini

Saber falar

Não adianta, miss tem que saber falar direito. É melhor falar pouco do que ser prolixa e dar umas derrapadas doídas na língua portuguesa. Miss tem que ser (ou pelo menos parecer) inteligente. O problema é que quem não é inteligente, mas pensa que é, não percebe a diferença enorme de si mesma para aquelas que falam corretamente.

Roupas adequadas

Desfile de miss exige grande investimento. A candidata tem que estar preparada para investir em belos e caros vestidos, maiô e roupas casuais. Tem que usar um belo par de sapatos e acessórios de dar inveja. A roupa não está em julgamento, mas ela complementa o visual e ressalta as qualidades da miss.

Manequim

Concurso de Miss Plus Size não é concurso de peso, em que a mais gordinha ganha. Aliás, a maioria das candidatas não usa mais do que manequim 50.

Espero que tenham gostado das dicas!

4 Comentários

Arquivado em Concurso, Curiosidades

Minha visita ao Miss Plus Size Carioca

Por Renata Poskus Vaz

Fotos de Aline Reis

Olá, mulherões!

No último domingo fui jurada no Miss Plus Size Carioca 2011, a convite de Eduardo Araújo, o organizador. Fiquei lisonjeada por integrar aquela bancada, que também contou com a presença da minha amiga Cristiane Miranda, assessora de imprensa da Ana Rebello.

Não queria fazer feio entre tantos mulherões lindos e escolhi um look color blocking para usar no dia. Vestido vermelho e blazer azul turquesa, ambos da Milanina.

Eu (de Milanina), Tati Gaião Miss Plus Size 2010 e Cris Miranda (de Ana Rebello)

Obvio que fiquei só 5 minutos com o blazer, já que o calorão na Lona Cultural de Jacarepaguá, local de realização do concurso, estava fazendo jus à fama da cidade maravilhosa. Nos pés, usei um peep toe e no ombro uma bolsinha com alça de metal, ambos nudes e da Via Uno. Senti-me a chiqueza em pessoa com um leve toque de periguetismo. Hahaha

Eu, (mostrando minha bolsinha linda da Via Uno), Eduardo Araújo e Cris Miranda

 Ao todo 39 mulheres concorreram ao título. Confesso que fiquei surpresa com a apresentação das candidatas. Capricharam no visual, usaram vestidos deslumbrantes, cabelos bem arrumados (com raras exceções) e desfilaram muito bem. Foi bem difícil votar e ajudar a escolher a vencedora.

                                                         Géssica (Miss), Kelly (Vice), Raphaela (terceira colocada) e Marlúcia (Miss Simpatia)

Géssica Carneiro, moradora de Cabo Frio, foi eleita a Miss Plus Size Carioca 2011. Ela tem 21 anos, pesa 96 kg, e diz que usa manequim 46 (ah, Géssica, conta a verdade pra gente!rsrsrs), afirma que não pensava no mundo da moda e agora, tudo pode ficar diferente. “Vou ter que começar a pensar e, aparecendo trabalho, que seja muito bem-vindo”, avisou a carioca que recebeu a faixa de Tatiana Gaião, primeira Miss Plus Size do País.

A faixa de vice-miss ficou com Kelly Cordeiro,89 kg e manequim 48/50, de Vila Isabel.  Ela recebeu a faixa da vice-miss 2010, Nayra Magalhães.

Raphaela Ohana, moradora do Méier, que pesa 87 kg e veste manequim 46, ficou em terceiro lugar. Marlucia Félix, de São Gonçalo, levou o título Miss Simpatia. As duas receberam as faixas por meio de Érica Calderal, que conquistou os dois títulos no ano passado.

    Com a linda Miss Simpatia de 2010, Érica Calderal   (detalhe para o sapatinho pink dela)  

 Voltei para São Paulo muito feliz!

23 Comentários

Arquivado em Beleza, Concurso, Modelo GG

Mundo promove as gordinhas

Agora chegou a vez de Israel criar um concurso de beleza para mulheres acima do peso

Por Renata Poskus Vaz

Beer Sheva foi a sede de uma competição para eleger a Miss Gordinha de Israel.  A intenção dos organizadores era a de valorizar a beleza das mulheres que estão acima do peso, com um desfile que não deixou nada a desejar  para o concurso de beleza tradicional, restrito apenas às mulheres altas e magras.

Confira as fotos das Israelenses belíssimas, deslumbrantes e gordinhas:

13 Comentários

Arquivado em Concurso, Curiosidades, O que rola por aí