Arquivo da tag: sapato

Look do dia: Vestido plus size trompete com estampa floral

Por Renata Poskus Vaz

No último sábado (29/11) aconteceu o casting do Fashion Weekend Plus Size, no Horto Florestal, em São Paulo. Eu estava bem doentinha, mesmo assim fizemos de tudo para agilizar e avaliar as 200 candidatas.

Escolhi para o casting um vestido floral em neoprene, super confortável, da VK Moda Plus Size.

A saia trompete está super na moda, esse recorte preto na cintura modela a silhueta.

renata poskus look do dia 1

renata poskus look do dia 2

Vestido: VK Moda Plus Size

Bolsa: Marisa

Sapato: Passarela

Fotos: Rogério Briane

5 Comentários

Arquivado em Moda e estilo, Moda Verão

Look do dia: blazer de paeté

Por Renata Poskus Vaz

Olá, meninas! Mais uma vez tirei uma foto no improviso para mostrar para vocês um look que usei no sábado para assistir um show junto com meus amigos Simone Fiuza e Michel Guto, no Ao Vivo Music,  em Moema.

look do dia

simone e renata

Com Simone Fiuza

fat family

E olha quem eu encontrei, a Simone e a Deisy do Fat Family.

Meu look: Calça Jeans: Bela Moda Plus SizeSapato: Lara da PassarelaBolsa: Xing Ling (nem sei onde comprei)/ Blazer:  Marri Gattô por Renata Poskus/ Brinco: Turpin

Sigam meu instagram @renataposkus 😉

3 Comentários

Arquivado em Look do Dia, Moda e estilo

Loja Bless Calçados da Rua Tuiuti se recusa a extornar valor de sapato com defeito

Por Renata Poskus Vaz

Acho que em quase 4 anos de Blog Mulherão é a primeira vez que vou reclamar do atendimento de uma loja. Pensei bem antes de fazer isso pois sei que por trás de lojas existem pessoas e nem sempre o atendimento ruim de um gerente ou funcionário reflete a postura do dono da empresa, que pode ser vítima da confiança que deposita em seus funcionários. (ok, mas há muito dono de loja f.d.p também, que está pouco se importando para o cliente).

Eu mesma tenho uma loja virtual, que não é administrada por mim. Podemos ter desacordos com clientes, mas sempre buscamos solucionar qualquer problema. Não ligamos o “foda-se” para alguém que confiou em nossa marca e em nossos produtos.

Porém, hoje, sábado, a loja Bless Calçados (Razão Social: Marcelo Lima de Miranda) localizada na Rua Tuiuti, 2421 – Tatuapé, ligou um foda-se bem grande para mim. Desculpem-me pelo palavreado chulo, mas não havia melhor forma para explicitar minha indignação.

Vamos aos fatos.

Moro na Freguesia do Ó, zona Noroeste de São Paulo, mas na quinta-feira estava no bairro do Tatuapé. Eu me preparava para produzir fotos para um lookbook plus size quando percebi que havia esquecido um sapato dourado. Então, fui até a loja Bless Calçados comprar 2 pares de sapato dourados para as fotos.

Comprei um par de scarpin da Vizzano dourado repleto de gliter por R$89,90 e um scarpin nude com strass dourado da Bottero que custou R$183. No momento das fotos notei que o tom do sapato dourado da Vizzano era completamente diferente fora da loja. Lá, a iluminação estava apagada mesmo sendo quase 11 horas da manhã. Eles faziam algum tipo de limpeza na loja. Eu estava com pressa e a loja também não tinha o ambiente propício para que eu escolhesse o sapato sem cometer erro nessa escolha.

Acabei não usando o sapato com glitter da Vizzano, mas usei e adorei o segundo sapato, da Bottero. Acontece que clicamos cerca de 8 looks com o sapato da Bottero e no final da sessão fotográfica alguns dos strass já haviam caído. Tomamos todo cuidado do mundo com o calçado, mas ele realmente apresentava defeito na fixação desses detalhes. Imagine se eu tivesse ido para uma festa com o sapato?

A troca e devolução do dinheiro que me foram negadas

Por lei, podemos devolver qualquer produto em até 7 dias que foi comprado pela internet ou catálogos sem necessidade de nenhuma justificativa. Isso mesmo, você compra e se não gostar simplesmente devolve o produto e a empresa é obrigada a restituí-lo. O mesmo não se aplica às lojas físicas. Porém, no código de defesa do consumidor está bem claro que induzir o consumidor ao erro é crime. E quando comprei o produto analisando o brilho em um espaço sem iluminação, no fundo da loja, não estava conseguindo notar as verdadeiras características do produto. E ninguém compra um sapato com glitter para usar no escuro, não é mesmo? Você vai usar um sapato desses em uma festa, em um casamento ou um catálogo de moda com iluminação, como foi o meu caso.

Ok, fui à loja hoje, sabadão, para trocar o sapato da Bottero por outro idêntico cujo strass não estivesse soltando. E também para solicitar a devolução do dinheiro do sapato da Vizzano.

Lá, a vendedora que me atendeu checou que todos os pares número 37 da Bottero estavam com o strass soltando. Todos. Eu não aceitei trocar por outro modelo e pedi a quantia de R$272,90, referente aos dois pares de sapato, de volta.

A vendedora, então, passou para a gerente Dayane Santos de Lima, que pediu que eu fosse embora e voltasse outro dia, mas me recusei. Moro na Freguesia do Ó e de lá para o bairro do Tatuapé é uma viagem e tanto! Foi então que ela ligou para o proprietário da loja, Sr. Marcelo. Ele ordenou que ela anotasse meus dados, me desse um recibo de devolução dos sapatos e que meu dinheiro seria devolvido na segunda-feira. Ah, detalhe, esqueci de dizer que precisei insistir muito para que a Dayane estornasse o pagamento porque segundo ela “não há como devolver dinheiro de compras feitas no cartão de crédito” ignorando completamente a existência da opção “extornar compra no crédito”.

Enfim, fiquei uma hora esperando que Dayane fizesse o tal recibo para que eu pudesse ir embora. Fiquei lá mais de uma hora e nada! Segundo Dayane, ela não podia deixar de atender os clientes para me atender e fazer meu recibo de devolução de produtos. Porém, ela esqueceu de um detalhe: EU TAMBÉM ERA CLIENTE DA LOJA e merecia ser atendida com a mesma atenção com que as outras pessoas eram atendidas. Após 1 hora de pedidos insistentes para que ela me desse a declaração, cansei de esperar.  Era nítido que ela desejava que eu me cansasse ou então pretendia me punir por ter solicitado a devolução do meu dinheiro. E deu certo, ela me venceu! Ppeguei o sapato defeituoso da Bottero e o outro da Vizzano e vim embora.

Antes, pedi o telefone ou e-mail do proprietário e ela disse que ele não tinha. Desta forma, não tive outra alternativa a não ser escrever esse texto. Com 300 mil visualizações mensais, quem sabe alguém que conheça o Sr. Marcelo de Lima Miranda não passe esse caso para ele?

Estou com raiva e me sentindo lesada. Hoje tenho um casamento e não tenho nem o sapato que eu queria e nem dinheiro para comprar um em outro lugar porque uma “gerentizinhazinhazinha” não quis seguir as determinações do dono da loja.  #sacanagi #todaschora #chatiada

22 Comentários

Arquivado em Sapatos

Vem aí o Mulherão Makeover

Por Renata Poskus Vaz

Reecebemos uma sugestão super bacana de nossa leitora Amanda Ribeiro e eu tenho certeza que vocês também vão adorar. O Blog Mulherão vai escolher uma leitora para uma transformação completa de visual, incluindo mudança no corte e/ou coloração de cabelo, look novo, sapato e acessórios. Em breve vocês saberão direitinho como concorrer, ok?

Antes disso, para que este projeto dê certo, preciso da ajuda de empresas parceiras que topem apoiar e patrocinar essa iniciativa. Então, se você é dono de uma loja de roupas plus size, ou de marca de acessórios, sapatos, escreva para blogmulherao@hotmail.com ou ligue para (11) 6459-9514 e fale comigo (Renata). Também buscamos parceiros que tenham clínicas de estética, salões de cabeleireiros etc. Vamos começar com empresas de São Paulo. Mas se der certo (e vai dar!) a gente leva o Mulherão Makeover para outras regiões. 🙂

Mulherões, ainda não enviem seus emails para o Mulherão Makeover. Quem fizer isso será desclassificadas antes mesmo das regras serem divulgadas. Aguardem um pouquinho, valerá a pena! Beijão!

29 Comentários

Arquivado em Mulherão Makeover

Look do dia – Vestido bicolor

Por Renata Poskus Vaz

Olá, mulherões, tudo bem?

Recebi um convite muito bacana do Shopping Jardim Anália Franco para conferir, da primeira fila, o desfile das suas lojas. Mas as coleções que foram apresentadas na passarela só vou mostrar para vocês amanhã, tá?

Hoje, quero compartilhar o look que escolhi para prestigiar o primeiro dia de evento (os desfiles acontecem ainda na quinta e sexta-feira, a partir das 19h30).

O vestido bicolor é da Carmella Cloo. O tecido é bem encorpado e não fica marcando as gordurinhas. But… Eu deveria ter levado uma jaquetinha, pois hoje fez muito frio.

O cinto preto de elástico com aplicações douradas já vem com o vestido.  Usei minha bolsa de mão dourada by 25 de março (comprei em uma lojinha da ladeira Porto Geral).

A meia calça é da Trifil, fio 40. É tamanho Extra Grande e ficou meio pequena para mim (o cavalo não sobe até o fim).

O sapato vocês já conhecem. É um achado da Via Uno.

26 Comentários

Arquivado em Look do Dia, Moda e estilo, Moda Inverno

Look do Dia: Total preto + acessórios dourados

Por Renata Poskus Vaz

Tenho uma certa relutância em usar blusa e calça pretas pois sempre uma peça fica mais clara do que a outra, devido ao tempo de uso, lavagens, ou mesmo por conta do tipo do tecido. Os mais finos tendem a ficar mais claros do que outros mais encorpados. Mas hoje resolvi arriscar.

O look de hoje usei para jantar fora. A calça não chega a ser uma pantalona, pois a perna é bem ajustada ao corpo, mas a boca é larguinha, remetendo às atuais moderninhas flare. A marca é a Shoulder, que não é especializada em plus sizes, mas sua numeração é bem ampla. Eu, por exemplo, uso manequim 46, mas essa calça da Shoulder é 42. 

 Já a blusa é da La Mafê e tem uns detalhes bacaninhas dourados, como os quadrados de metal aplicados na gola e os botões dourados no colo. Também tem alguns recortes de cetim no colo, ombro e nos bolsos. Gosto do fato dela ser compridinha. Fico bem segura com blusas compridas quando estou “naqueles dias”. O único porém dessa blusa é que o tecido é bem fininho e fica transparente. Por isso, uso com um body cor da pele por baixo, mas estou pensando em adotar um body preto mesmo, pois quem me olha de longe deve achar que ando pagando peitinho por aí. hahaha

O sapato é da Corello. E as bijoux, como sempre, são da 25 de Março. :p

Gostaram, garotas? Ou o visual ficou muito dark?

 

16 Comentários

Arquivado em Look do Dia, Moda e estilo

Salto é tudo

A etiqueta Madame Valentine, que tem à frente a empresária e produtora executiva de eventos Patricia Gusmão, diretora de criação da marca, vem sendo planejada há cerca de um ano e já nasceu cercada de novidades, com o propósito de se tornar uma label desejo entre mulheres que sabem o que querem. Aliás, o envolvimento de Patrícia com o universo dos sapatos não é de hoje, ele está no seu DNA  desde criança. São muitas as memórias afetivas de quem cresceu vendo o pai gerir os negócios da família, que tinha o sapato como protagonista. Aliando a herança familiar do ramo dos calçados ao  know-how adquirido de uma série de cases e ações ligadas à publicidade, eventos e moda, Patrícia cria a Madame Valentine que abre em setembro as portas da sua primeira loja em São Paulo, nos Jardins.

 Sobre a marca…

A etiqueta tem como principal diretriz criar modelos que reúnam design, conforto e beleza, resultados da soma entre o couro e materiais tecnológicos, sofisticados, a partir de um processo de produção artesanal e muito apurada. O que se encontra nas prateleiras são verdadeiros objetos de desejos para vestir mulheres exigentes, com informação de moda, que prezam pelos detalhes e acima de tudo por peças únicas e encantadoras. A coleção verão 2010/11 estréia na loja apresentando sapatos, bolsas e mais uma gama de acessórios com design inspirado nas principais tendências que invadiram as ruas mundo afora “Inspirar-se no Valentine’s Day para lançar nossa nova marca significou voltar para a Idade Média, em uma época que o bispo Valentim celebrava casamentos desobedecendo as ordens do imperador. Descoberto, Valentim foi preso e na prisão encontrou o amor da sua vida, a filha do carcereiro, que cega voltou a enxergar e a quem destinou sua última mensagem: Seu Namorado, seu Valentim. Esta inspiração de encontrar o amor onde quer que seja faz com que Madame Valentine busque tornar cada mulher em musas para todos os homens. Até para os homens daquela época, que entregavam flores e bilhetes para suas amadas, dizendo que ainda acreditavam no amor eterno. É com esta busca pelo eterno amor que Madame Valentine nasce para te envolver”  afirma Patricia Gusmão, Sócia Diretora idealizadora do projeto.

Sobre a loja…

A loja foi toda projetada para se transformar em um espaço de convivência e proporcionar diferentes experiências sensoriais para quem visitá-la. A primeira flagship store da marca conta com dois andares, sendo o mezanino um espaço dedicado à workshops, exposições e ações ligadas à moda, arte e design. Um pequeno café com charmosa ambientação – que conta ainda com área externa – faz parte do projeto, que une referências dos ateliês parisienses da primeira metade do século XX – na escolha de elementos como a iluminação, o capitonê e as cores da ambientação – ao design arrojado de modernas concept stores nova-iorquinas, a partir da utilização de materiais de última geração em painéis de exposição e mobiliário.

 Madame Valentine : Rua Dr. Melo Alves, 357 – Jardin (entre Oscar Freire e Lorena) tel: (11) 3081-0890

7 Comentários

Arquivado em Moda e estilo, Sapatos